Ninel Conde

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
NoFonti.svg
Este artigo ou se(c)ção cita fontes confiáveis e independentes, mas que não cobrem todo o conteúdo (desde janeiro de 2012). Por favor, adicione mais referências e insira-as corretamente no texto ou no rodapé. Material sem fontes poderá ser removido.
Encontre fontes: Google (notícias, livros e acadêmico)
Ninel Conde
Nome completo Ninel Herrera Conde
Outros nomes Ninel Conde
Nascimento 29 de setembro de 1976 (39 anos)
Toluca, Estado do México
 México
Nacionalidade Mexicana
Ocupação cantora, atriz e dançarina
Página oficial

Ninel Herrera Conde (Toluca, 29 de setembro de 1976)[1] é uma cantora, atriz e dançarina mexicana. Ficou conhecida no Brasil por interpretar Alma Rey na telenovela mexicana Rebelde, em 2004.

Biografia[editar | editar código-fonte]

Em 1994 Ninel começou sua carreira aos 18 anos, após ter ganhado um concurso de beleza no México, desde então passou a estudar teatro e expressão corporal no Centro de Arte y Teatro Emilia Carranza,

Em 1996 estudou atuação, canto e dança na Conceptos e participou do concurso Valores Juvenis.

Em 1997, estudou atuação e voz com Sergio Jiménez e foi candidata do concurso El Rostro del Heraldo.

Em 1998, teve aulas de teatro com René Pereyra.

Nos anos seguintes sua fama no México foi se consagrando e passou a ser nomeada Rainha dos taxistas e dos caminhoneiros na Cidade do México, Rainha da Praia em Tamaulipas e Rainha dos pedreiros em Tabasco.

Se destacou por suas atuações em novelas da Televisa e TV Azteca, além de conduzir programas e premiações pela Univision, maior emissora de televisão dos EUA voltada ao público latino.

Além de atriz, apostou em 2003 na carreira de cantora com o seu primeiro álbum Ninel Conde, sendo nomeado em 2004 pelo Grammy Latino como Melhor álbum de música regional. Nos anos seguintes lançou os álbuns La Rebelde, El Bombon Asesino, Ayer y Hoy e atualmente prepara seu novo disco produzido por Horacio Palencia.

Cantora[editar | editar código-fonte]

Em 2003 obteve seu 1° grande êxito através da música Callados, na qual interpreta um dueto com José Manuel Figueroa, com quem manteve um polêmico relacionamento amoroso até 2006.

Em 2005, voltou a se dedicar à sua carreira musical e produziu o CD La Rebelde, lançando os singles La Rebelde e Todo Conmigo, ambos temas da telenovela Rebelde. Fez um cover da música Ingrato, tema da famosa cantora mexicana Glória Trevi.

Em 2006, lançou seu LP intitulado de El Bombón Asesino, com o qual ultrapassou fronteiras e chegou a países como Colômbia, Espanha e outros do Centro da América. Este LP marcou sua carreira devido ao sucesso da música Bombón Asesino, seu maior hit até o momento. Para dedicar-se ao seu CD, deu um tempo nas telenovelas e se separou de José Manuel Figueroa.

Após três anos sem lançar nenhum novo material discográfico, Ninel preparou seu mais novo CD intitulado de Libre, porém o lançamento do álbum foi cancelado e até hoje o motivo não foi especificado.

Em 2011 lançou seu novo disco com o título Ayer Y Hoy.[2]

Atualmente, Ninel possui uma lotada agenda de shows pelo México, EUA e outros países da América Central, além de dedicar-se ao teatro. Está preparando o lançamento de seu novo CD para 2016, que segundo ela marcará o seu retorno ao gênero de música regional mexicana. Em maio de 2016, Ninel anunciou a música Te pesara como primeiro single do álbum.

Atriz[editar | editar código-fonte]

Em 2004, protagonizou junto a Mauricio Ochman o filme 7 mujeres, un homosexual y Carlos que foi distribuído por Twentieth Century Fox. Este ano também marcou sua volta para a Televisa, onde participou do reality Big Brother VIP. Também interpretou a vedete Alma Rey na exitosa novela juvenil Rebelde, com o produtor Pedro Damián, ao lado de estrelas como Dulce Maria, Anahi, Maite Perroni e Alfonso Herrera.

Em 2008 se integrou ao elenco da novela mexicana Fuego en la Sangre, exibida no horário nobre da Televisa, onde interpretou a dançarina Rosário Montes ao lado de grandes estrelas como Adela Noriega, Nora Salinas, Eduardo Yanez e Pablo Montero.

Em 2009 interpretou a vilã Coral Vilaseñor na telenovela Mar de Amor, produzida pela Televisa.

Em 2012 participou da telenovela Porque el amor manda, onde deu vida à personagem Discua Paz de la Soledad.

Além das telenovelas, Ninel participou de diversas shows na televisão como Al Derecho y Al Derbez, Lo Que Callamos Las Mujeres, Gente con Chispa, El Gordo y La Flaca, Sábado Gigante, Sabadazo, Desmadrugados, além de ser condutora de importantes premiações latinas como Premio Lo Nuestro, Premios Juventud e Grammy Latino.

Sua carreira como atriz não limitou-se apenas a televisão. Ninel também participou de filmes como Mujeres Frente al Espejo onde contracenou com grandes atrizes como Silvia Pasquel, Gabriela Goldsmith e Isaura Espinoza, sob a direção de Sergio Jiménez, além de ter sido estrela de famosas peças teatrais como Aventurera, Amar y querer, Perfume de Gardenia, El Tenorio Conmico e El Sirenito.

Fundação[editar | editar código-fonte]

Em 2009, criou sua própria fundação de apoio a mulheres com câncer, a instituição se chamará Myrna Conde, em homenagem a sua mãe que faleceu em 10 de abril de 2008, vítima de câncer de pâncreas.

Vida pessoal[editar | editar código-fonte]

Em 1996 se casou com o ator mexicano Ari Telch. No ano seguinte, deu à luz sua filha Sofia Telch. Em 1999 se divorcia.

Em 2002 inicia um romance com o cantor mexicano Jose Manoel Figueroa, filho do cantor Joan Sebastian. Após várias polêmicas e diversos boatos de infidelidade, a relação termina em 2006.

Em 2007, após mais de um ano de relacionamento com o arquiteto Juan Zepeda, ambos decidem casar-se.

Em 2013 se divorcia de Juan Zepeda após 5 anos de matrimônio. Dois meses após o divórcio, Ninel inicia uma relação amorosa com o empresário Giovanni Medina.

Em 2014 Ninel dá à luz o segundo filho, um menino chamado Emmanuel, fruto de sua relação com Giovanni.

Telenovelas e seriados[editar | editar código-fonte]

Reality show[editar | editar código-fonte]

  • 2004 - Big Brother Vip (México) 4 - Ela mesma
  • 2013 - Mira Quien Baila - Jurada
  • 2015 - Bailando con Los Grandes

Filmes[editar | editar código-fonte]

  • 2003 - 7 mujeres, 1 homosexual y Carlos - Mónica
  • 2004 - Mujeres Infieles - Esmeralda
  • 2010 - Mujeres Frente al Espejo - Carita

Teatro[editar | editar código-fonte]

  • 2011 - Baño de mujeres
  • 2012 - Aventurera
  • 2014 - Amar y querer
  • 2015 - El Tenorio Conmico
  • 2016 - El Sirenito

Animações (Dublagem)[editar | editar código-fonte]

  • 2015 - Un Gallo Con Muchos Huevos - Chiquis

Discografia[editar | editar código-fonte]

Álbuns de Estúdio[editar | editar código-fonte]

EP[editar | editar código-fonte]

Compilações[editar | editar código-fonte]

Prêmios e nomeações[editar | editar código-fonte]

Premios Grammy Latino[editar | editar código-fonte]

Ano Categoria Álbum Resultado
2004 Melhor Álbum Ninel Conde Nomeada

Prêmios Texas[editar | editar código-fonte]

Ano Categoria Álbum Resultado
2011 Melhor Artista Feminina Ninel Conde Nomeada

Premios People En Español[editar | editar código-fonte]

Ano Categoria Álbum Resultado
2011 Melhor Cover Ayer y Hoy Nomeada
2011 Melhor Penteado Ninel Conde Nomeada
2011 Melhor Briga Ninel Conde Nomeada

Prêmio TVyNovelas[editar | editar código-fonte]

Ano Categoria Telenovela Resultado
2006 Melhor Atriz Principal Rebelde Nomeada

Sol de Oro[editar | editar código-fonte]

Ano Categoria Telenovela Resultado
1999 Mejor Atriz Revelação Catalina Y Sebastián Ganhadora
2001 Trayectoria Profesional Como En El Cine Ganhadora

Palmas de Oro[editar | editar código-fonte]

Ano Categoria Cena Resultado
1999 Melhor Atriz Revelação Mujeres Frente Al Espejo Ganhadora

Prêmios especiais[editar | editar código-fonte]

Prêmio Por/Como
Sol de oro Por trajetória profissional em "Como En El Cine"
Sol de oro Cantora em grupo de maior éxito e impacto no México 2003
Trilogía periodística Cantante revelação de grupo músical nos Estados Unidos 2003
Micrófono de Oro Atuação na telenovela "Como En El Cine"
Reconocimiento EXA Participação no reality show "Big Brother VIP"
Video Rola Reina Grupera
TVyNovelas Atriz Melhor Vestida
Furia Musical La Bomba Grupera

Referências

  1. «Ninel Conde quiere que Malillany Marín disfrute su trabajo en Aventurera "porque dura muy poco"». People en Español (em Spanish) [S.l.: s.n.] May 6, 2013. Consultado em May 19, 2013. 
  2. «Esmas» (em espanhol). esmas.com. Consultado em 24 de junho de 2014. 

Ligações externas[editar | editar código-fonte]