Nixapur

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
(Redirecionado de Nishapur)
Ir para: navegação, pesquisa

Nota: esta página contém alguns caracteres especiais e é possível que a impressão não corresponda ao artigo original.

Nixapur
Mausoléu de Omar Khayyam
Mausoléu de Omar Khayyam
Nixapur está localizado em: Irão
Nixapur
Localização de Nixapur no Irão
Coordenadas 36° 12' N 58° 47' E
País  Irão
Província Razavi Coração
Altitude 1 250 m (4 101 pés)
População (2006)
 - Total 205 972

Nixapur[1] (em persa: نیشابور; transl.: Nishapur), também conhecida como Neishabur ou Neshabur, é uma cidade do Irã. Localizada no nordeste do país, Nishapur tem cerca de 230 000 habitantes. A cidade situa-se na província de Razavi Coração, nas proximidades de Mashhad, e sua principal atividade econômica é a agricultura, propiciada pela fertilidade dos vales do Monte Binalub.

Nixapur era um ponto importante da Rota da Seda e possui forte tradição cultural. A cidade atingiu seu ápice como capital do Império Taírida, no século IX. No ano 1000, ela era uma das dez maiores cidades do mundo.[2] Nixapur foi arrasada pelas invasões mongóis, sofrendo o pior ataque em 1221, quando uma filha de Gengis Cã ordenou o massacre de seus moradores. Seu nome deve-se ao xá Sapor I , o provável fundador da cidade.

Habitantes ilustres[editar | editar código-fonte]

A cidade foi o berço do acadêmico muçulmano Muslim ibn al-Hajjaj, do imã Hakim al-Nishaburi, do místico sufi As-Sulami, do poeta e filósofo Omar Khayyam, do poeta Farid ud-Din Attar, do filósofo Hajji Bektash Wali, do nababo de Awadh Saadat Ali Khan I, do poeta Heydar Yaghma, do escritor Mohammad-Reza Shafiei Kadkani e do músico Parviz Meshkatian.

Cidades-irmãs[editar | editar código-fonte]

Nixapur possui as seguintes cidades-irmãs:

Referências

  1. Conquistas dos Turcos Seljúcidas. In Infopédia [Em linha]. Porto: Porto Editora, 2003-2012 [1]
  2. about.com

Ligações externas[editar | editar código-fonte]

Ícone de esboço Este artigo sobre Geografia do Irão é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.