Nitrato de potássio

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
NoFonti.svg
Este artigo ou se(c)ção cita uma ou mais fontes fiáveis e independentes, mas ela(s) não cobre(m) todo o texto (desde Fevereiro de 2014).
Por favor, melhore este artigo providenciando mais fontes fiáveis e independentes e inserindo-as em notas de rodapé ou no corpo do texto, conforme o livro de estilo.
Encontre fontes: Googlenotícias, livros, acadêmicoScirusBing. Veja como referenciar e citar as fontes.
Nitrato de potássio
Alerta sobre risco à saúde
Potassium nitrate.jpg
Outros nomes Salitre
Identificadores
Número CAS 7757-79-1
Propriedades
Fórmula molecular KNO3
Massa molar 101,1032 g/mol[1]
Aparência Sólido branco a 1013 mbar/20 °C[1]
Densidade 2,109 g·cm−3 (16 °C) (sólido[1]
Ponto de fusão

334 °C[1]

Ponto de ebulição

400 °C decomp.[1]

Riscos associados
Classificação UE O[1]
NFPA 704
NFPA 704.svg
0
1
3
OX
Frases R 8[1]
Frases S 17, 24/25[1]
Compostos relacionados
Outros aniões/ânions Nitrito de potássio
Outros catiões/cátions Nitrato de lítio
Nitrato de sódio
Nitrato de rubídio
Nitrato de césio
Excepto onde denotado, os dados referem-se a
materiais sob condições PTN

Referências e avisos gerais sobre esta caixa.
Alerta sobre risco à saúde.

O composto químico nitrato de potássio ou, erroneamente, embora comercialmente usado, nitrato potássico é um nitrato cuja fórmula é KNO3.

Origem do nitrato de potássio[editar | editar código-fonte]

Atualmente, a maioria do nitrato de potássio vem dos vastos depósitos de nitrato de sódio existentes nos desertos chilenos. O nitrato de sódio é purificado e posteriormente colocado para reagir com uma solução de cloreto de potássio, na qual o nitrato de potássio obtido, menos solúvel, cristaliza.

Utilização[editar | editar código-fonte]

Em alimentos[editar | editar código-fonte]

É usado pelas indústrias de alimentos que produzem carnes defumadas e embutidos (salsichas, linguiças, salames, etc.) a fim de evitar a proliferação de bactéria causadora do botulismo, que causa uma intoxicação alimentar grave. Serve também para ressaltar a cor e o sabor do alimento. O alto consumo destes produtos pode ser prejudicial à saúde, pois as bactérias do intestino convertem os nitratos, como o salitre, em nitritos, que reagem com compostos nitrogenados e transforma-se em nitrosaminas, substâncias potencialmente cancerígenas que também podem causar anomalias fetais. Além disso, ao entrar na corrente sanguínea, o nitrito converte a hemoglobina das células vermelhas do sangue em meta-hemoglobina, que é incapaz de transportar oxigênio.

Em adubos[editar | editar código-fonte]

Também ótimo como adubo, sendo grande fonte de nitrogênio e potássio para as plantas.

Através do nitrogênio, as bactérias nitrificantes produzem essa substância, juntamente com o nitrato de sódio (NaNO3).

Outras aplicações[editar | editar código-fonte]

  • Ele também é muito usado para fazer bombas de fumaça.
  • É utilizado pelos ourives para aumentar a resistência do ouro.
  • É utilizado em fertilizantes.
  • É utilizado para fazer Pólvora, usada nos Fogos de artifício
  • É utilizado no tratamento da hipersensibilidade dentinária
  • É utilizado em coquetel molotov.

Referências[editar | editar código-fonte]

  • Alan Williams: The production of saltpeter in the middle ages, Ambix, 22 (1975), p. 125-33. Maney Publishing, ISSN 0002-6980.
  • Garone Filho, W.: Lesões cervicais e hipersensibilidade dentinária. Atualização na Clínica Odontológica – São Paulo – APCD – Artes Médicas,1996
  • Composição de dessenbilizante dentinário "Dessensiv"[1]

Referências

  1. a b c d e f g h Registo de Potassium nitrate na Base de Dados de Substâncias GESTIS do IFA

Ligações externas[editar | editar código-fonte]

Ícone de esboço Este artigo sobre um composto inorgânico é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.