No Sub Reino dos Metazoários

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
No Sub Reino dos Metazoários
Álbum de estúdio de Marconi Notaro
Lançamento 1973
Gravação Estúdio da TV Universitária de Recife (sons elétricos) e da gravadora Rozenblit (sons acústicos)
Gênero(s) Rock Psicodélico, Folk-rock, Psych folk
Duração 33:16
Idioma(s) Português
Formato(s) LP
Gravadora(s) Rozenblit

No Sub Reino dos Metazoários é o primeiro e único álbum do poeta e músico recifense Marconi Notaro[1]. Foi lançado pelo selo Rozenblit em 1973[2].

É considerado um clássico da música psicodélica nacional[3]. Não à toa, o disco é indicado pelo Senhor F - A Revista do Rock como uma das referências do chamado movimento Udigrudi[4].

O LP original é um dos mais raros da discografia nacional[4], mas cópias em CDs pirata já circulam no universo de colecionadores.

Faixas[editar | editar código-fonte]

Lado A
N.º TítuloCompositor(es) Duração
1. "Desmantelado"  Marconi Notaro 1:45
2. "Ah Vida Ávida"  Lula Côrtes 3:51
3. "Fidelidade"  Marconi Notaro 3:22
4. "Maracatú"  Marconi Notaro 0:51
5. "Made in PB"  Marconi Notaro e Zé Ramalho 2:34
6. "Antropológica"  Marconi Notaro 2:44
Lado B
N.º TítuloCompositor(es) Duração
7. "Antropológica II"  Marconi Notaro 4:49
8. "Sinfonia em Ré"  Marconi Notaro 5:40
9. "Não Tenho Imaginação pra Mudar de Mulher"  Marconi Notaro 2:43
10. "Ode a Satwa"  Marconi Notaro 4:57
Duração total:
33:16

Créditos Musicais[editar | editar código-fonte]

Referências

  1. rollingstone.uol.com.br/ Agreste Psicodélico
  2. namiradogroove.com.br/ Grandes Álbuns - Marconi Notaro: No Sub Reino dos Metazoários
  3. oglobo.globo.com/ Psicodelia que marcou música brasileira nos anos 1970 é celebrada em livro, disco e série
  4. a b portal.senhorf.com.br/ A psicodelia dos 60 & 70 no Brasil

Links Externos[editar | editar código-fonte]