Nova Geração de Televisão

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
NoFonti.svg
Esta página ou secção cita fontes confiáveis e independentes, mas que não cobrem todo o conteúdo (desde julho de 2015). Por favor, adicione mais referências e insira-as corretamente no texto ou no rodapé. Material sem fontes poderá ser removido.
Encontre fontes: Google (notícias, livros e acadêmico)
Nova Geração de Televisão
Fundação Veneza de Rádio e Televisão Educativa
Rede Brasil Total Serviços de Comunicação Ltda.
Tipo Rede de televisão comercial aberta
País  Brasil
Fundação 8 de outubro de 2003 (13 anos)
Pertence a Fundação de Fátima
Presidente Manoel Antonio Bernardi Costa
Cidade de origem São Paulo Osasco, SP
Sede Bandeira da cidade de São Paulo.svg São Paulo, SP
Avenida Magalhães de Castro, 420 - Butantã
Estúdios Bandeira da cidade de São Paulo.svg São Paulo, SP
Avenida Magalhães de Castro, 420 - Butantã
Bandeira da cidade do Rio de Janeiro.svg Rio de Janeiro, RJ
Rua Figueira de Melo, 448 - São Cristóvão
Slogan Uma nova emoção no ar
Formato de vídeo 480p (SDTV)
1080i (HDTV)
Afiliações Medialand
TV Brasil
Cobertura 13,6% do território nacional
Emissoras próprias São Paulo NGT São Paulo (São Paulo)
Rio de Janeiro NGT Rio de Janeiro (Rio de Janeiro)
Emissoras afiliadas Ver lista completa
Nome(s) anteriore(s) UniTV (1996-2003)
Página oficial redengt.com.br
Disponibilidade aberta e gratuita
Analógico
Digital
Disponibilidade por satélite
StarOne C3
3709 MHz @ 3333 ksps, Horizontal (HDTV)
Disponibilidade por cabo
NET
Canal 11 (Osasco)
Canal 17 (Rio de Janeiro)
Oi TV
Canal 14 (Rio de Janeiro)
RCA
Canal 17 (Guarapari)
Canal 20 (Vitória)
Viacabo
Canal 07 (Cariacica, Cachoeiro de Itapemirim e Serra)
TBL
Canal 23
Sim TV
Canal 29 (Recife)
MultimídiaTV
Canal 40

Nova Geração de Televisão (ou simplesmente Rede NGT) é uma rede de televisão brasileira concessionada em Osasco, porém sediada na cidade de São Paulo, ambas no estado homônimo. É uma emissora educativa pertencente a Fundação de Fátima e tem como complexo de gravações, o Espaço 48, um dos maiores complexos paulistanos.

Cobre mais de 15 estados e conta com várias retransmissoras e afiliadas em 75 municípios. Para gerar a programação, tem duas sucursais, a de São Paulo e a do Rio de Janeiro.

História[editar | editar código-fonte]

A emissora existe desde 1996 como UniTV em parceira com a TVE Brasil, porém começou a se chamar Rede NGT em 8 de outubro de 2003. Durante sua implantação teve como seus principais executivos os Diretores João Carlos Serres, responsável pela Superintendência de Operações, e Márcio Tavolari, responsável pela Direção Artística e de Programação. Sob a gestão de Serres e Tavolari, começou exibindo programação própria, além das parcerias firmadas com grupos estrangeiros, como a Claxson, com conteúdos do canais Infinito, Fashion TV e SESC TV.

Em 2004 João Carlos Serres e Márcio Tavolari se desligam da emissora, que mantém parte da programação implantada além de abrir para a venda de espaço e programação independente. No início de 2006, passou a exibir apenas programação própria, baseada em variedades, jornalismo, filmes e esportes, através de uma parceria com a TV Esporte Interativo.

A emissora possui duas sedes próprias: O Espaço 48, Central de Produções de São Paulo, com quase 7000m², está no bairro do Butantã e conta com sete estúdios de tamanhos variados, sendo que o maior deles tem 532m². A sede carioca fica em São Cristóvão, ocupando uma antiga instalação do SBT na capital, com cinco andares e três estúdios.

Foi a primeira emissora brasileira a utilizar formatos digitais de videotape (DVCAM) e a primeira a digitalizar todo o processo de produção (captação, edição, armazenamento e exibição). Instalou a primeira antena digital ready, ainda para televisão analógica, no primeiro bimestre de 2006.

Em 30 de outubro de 2007, às 18h15, realizou seu primeiro teste experimental de transmissão em televisão digital, na cidade de São Paulo, sendo a primeira televisão no Brasil a gerar conteúdo digital.

Em 2 de novembro de 2007, foram instaladas no Centro de Transmissão de São Paulo (Avenida Paulista, 900 - Edifício Gazeta), a nova antena para o canal analógico 48 UHF analógico e a antena definitiva para o canal 47 UHF digital.

Em 14 de dezembro de 2008, é lançado em São Paulo o sinal digital, através do canal 47 UHF digital (48.1 virtual).

Em 2010 a Rede NGT fecha parceria com a E+ Entretenimento e traz boas séries e filmes para enriquecer sua programação, porém no início de 2011 desfaz esta parceria.

Em dezembro de 2011, é lançado no Rio de Janeiro o sinal digital da transmissora, através do canal 45 UHF digital, (26.1 virtual).

Em 2012, a NGT lançou o novo estilo da sua logomarca e mudou o slogan. O novo slogan da NGT é: "Uma nova emoção no ar". Esta emissora não foi beneficiada pela nova lei de TV por assinatura por não cumprir os requisitos necessários, embora tenha sido transmitida para todo o Brasil pela Tecsat entre 2004 e 2007. O canal atualmente é transmitido de forma regional pelas operadoras NET, Sim TV e Oi TV.

No dia 1º de fevereiro de 2013, a NGT começa a passar filmes e series diariamente na sua grade de programação. Sessões com filmes de suspense, comédia, western, sci-fi, ação, aventura, artes marciais, guerra, épicos e terror.

Estreiou em 17 de fevereiro de 2013, o seriado bonanza e outros seriados da era preto e branco aos sábados, a partir das 19h30.

No final de 2013, a NGT desfaz a parceria com a TV Diário, apostando completamente em programação própria com a criação de novos programas para diversas faixas horárias.

No dia 25 de maio de 2015, a produtora independente Medialand licenciou 340 horas de programação para o canal NGT.[1]

No pacote estão programas exibidos na TV por assinatura, como os policiais "Operação Policial" (Nat Geo), "Investigação Criminal" (A&E), "DH – Divisão de Homicídio" (Investigação Discovery), "Polícia" (AXN), "Mulheres em Ação" (Lifetime), "Show de Polícia" (PlayTV); as séries de doc-realidade "Anjos da Guarda" (Natgeo), "Socorro Imediato" (Lifetime), "Torneios Brasil" (PlayTV), "Especiais Médicos" (Discovery H&H), "Os Hermanos Perdidos no Brasil" (Futura), "Brazil CookBook" (BBC); e as ficções, "Os Amargos" (Canal E!), "Os C&D" e "Eu Odeio Meu Chefe!" (PlayTV) e "Muito Além do Medo" e "Força de Elite" (AMC).

Para 2016, a parceria da NGT com a Medialand já tem acertada duas novas séries de ficção de humor inéditas.

Programas[editar | editar código-fonte]

  • Anjos da Guarda
  • Barlada
  • Brazil Cook Book
  • Caminhos do Rodeio
  • Celeste Maria Recebe
  • Cotidiano
  • Desenhos Infantis
  • Estilo
  • Fala Galera!
  • Festa Popular
  • Jornal Metropolitano (SP e RJ tem suas edições locais)
  • Madrugadão NGT
  • Mulheres em Ação
  • Na Levada do Samba
  • NGT Clipes
  • NGT Esporte
  • NGT Kids
  • NGT Notícias
  • NGT Séries
  • Nordeste em Destaque com Fátima Dantas
  • Os C&D
  • Os Hermanos Perdidos no Brasil
  • P.O.L.Í.C.I.A.
  • Profissão Mulher
  • Programa do Jacaré
  • Sessão de Filmes
  • Sessão de Shows
  • Show do Balalá
  • Temperando o Papo
  • Viaja Brasil

Emissoras[editar | editar código-fonte]

Ver artigo principal: Lista de emissoras da NGT

Parcerias[editar | editar código-fonte]

Antena parabólica[editar | editar código-fonte]

Via satélite para todos os estados brasileiros (inclusive para os estados onde não há retransmissora, afiliada ou geradora da NGT) por meio de antena parabólica:
StarOne C3
Frequência 3709 MHz
Polarização Horizontal
Symbol Rate (SR) 3333 Kbps.

Atualmente transmite neste satélite seu sinal em formato HD na maioria de seus programas, para toda América do Sul.

Referências

  1. RJ, TVs do (27 de maio de 2015). «NGT fecha parceira com a produtora Medialand». tvsdorj.com.br. Consultado em 9 de dezembro de 2015. 

Ligações externas[editar | editar código-fonte]

Ver também[editar | editar código-fonte]