Nova Mutum

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Município de Nova Mutum
"Mutum"
"Cidade Modelo"
Bandeira desconhecida
Brasão de Nova Mutum
Bandeira desconhecida Brasão
Hino
Aniversário 4 de julho
Fundação 26 de novembro de 1981 (35 anos)
Emancipação 4 de julho de 1988 (28 anos)
Gentílico mutuense
CEP 78450-000
Prefeito(a) Adriano Pivetta (PDT)
(2013–2016)
Localização
Localização de Nova Mutum
Localização de Nova Mutum no Mato Grosso
Nova Mutum está localizado em: Brasil
Nova Mutum
Localização de Nova Mutum no Brasil
13° 49' 44" S 56° 04' 56" O13° 49' 44" S 56° 04' 56" O
Unidade federativa  Mato Grosso
Mesorregião Norte Mato-grossense IBGE/2008 [1]
Microrregião Alto Teles Pires IBGE/2008 [1]
Municípios limítrofes Norte: Lucas do Rio Verde e Tapurah;
Leste: Sorriso e Santa Rita do Trivelato;
Sul: Rosário Oeste,Nobres e Diamantino ;
Oeste: São Jose do Rio Claro e Diamantino.
Distância até a capital
Características geográficas
Área 9 544,574 km² [2]
População 41 178 hab. (MT: 14º) – estimativa populacional - IBGE/2016[3]
Densidade 4,31 hab./km²
Altitude 487.9[4] m
Clima Tropical Aw
Fuso horário UTC−4
Indicadores
IDH-M 0,758 (MT: 3º) – alto PNUD/2010[5]
Gini 0,51 PNUD/2010[6]
PIB R$ Aumento2 167 526,000 mil (MT: 8º BR: 332º) – IBGE/2013[7]
PIB per capita R$ 59 126,71 IBGE/2013[7]
Página oficial
Prefeitura www.novamutum.mt.gov.br
Câmara www.novamutum.mt.leg.br

Nova Mutum é um município brasileiro no interior do estado de Mato Grosso, Região Centro-Oeste do país. Pertence a microrregião de Alto Teles Pires e mesorregião do Norte Mato-grossense, distante 242 km a norte de Cuiabá, capital estadual. Sua população foi estimada em 2016 pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística em 41.178 habitantes [8],MT: 14º com dados municipais estima-se que a atual população ultrapasse os 50 mil habitantes.

O município possui o MT: 3º melhor (IDH) do estado, tendo a 8° maior economia com PIB de R$ 2.167.526,000 mil MT: 8º BR: 332º. Grande parte da sua economia é voltada para a agricultura, o município é o segundo maior produtor de grãos do estado e um dos maiores do Brasil, com uma área de 410 mil hectares de soja plantada é 3º maior exportador do Mato Grosso e 41ª Brasil. A Revista IstoÉ e a Austin Rating apontaram que Nova Mutum é a 8ª cidade do Brasil no ranking indicador econômico, quesito “comercio exterior”, e 28º colocado no indicador social, quesito “saúde” entre os melhores municípios do Brasil para se viver com população até 50 mil habitantes.

História[editar | editar código-fonte]

Antes de ser colonizada a região era conhecida como "Irmandade" e pertencia a Jorge Rachid Jaudy. Em 1966 um grupo de empresários paulistas capitaneados por José Aparecido Ribeiro, adquiriu uma extensa área de terras, de aproximadamente 169 mil hectares no município de Diamantino, constituindo a Mutum Agropecuária S/A. Conseguiram a aprovação junto a SUDAM do projeto de pecuária em área de 120 mil hectares. O projeto foi implantado definitivamente em 1981.

Como a área era muito grande houve a idéia de gerar oportunidades para novos pioneiros, sendo desenvolvidos experimentos com arroz, milho e soja em 1974. Nova Mutum desbancou pela primeira vez o estado do Paraná em produtividade de soja, ganhou o título de Capital do Soja, ate ser desbancada por Sorriso.

A empresa destacou então 100 mil hectares para a colonização, era o início da febre da conquista do Centro-Oeste e da última fronteira agrícola do país, a colonizadora construiu logo no início 10 casas e a matriz da colonizadora numa vila aberta provisoriamente por trator de esteira. Em seguida uma escola e um centro comunitário, posto de saúde, um alojamento para abrigar os compradores de terra e uma hidroelétrica para a energia inicial. Foi construído uma infraestrutura básica para que o essencial pudesse funcionar. Para o centro urbano foram reservados 551 hectares. Quem adquirisse um lote rural, recebia de bonificação dois terrenos urbanos. Como a infra estrutura de construção não funcionava por si só, foram contratadas assim as pessoas para administrar essa infra estrutura básica.

Assim veio o primeiro médico, Dr. Kazan e a primeira enfermeira, Doroti Chagas. Primitivo Cury colocou o primeiro mercado, posteriormente vendido ao Sr. Francisco Saito, no mesmo local do atual Supermercado Saito. A primeira rodoviária funcionava no centro comunitário alugado por Reinaldo Baldissera e a primeira Mercearia ficou por conta de Roberto Faccio.

Nem todos os compradores de lotes os ocupavam imediatamente. Ia chegando de acordo com suas possibilidades e acerto na venda de suas posses no sul do país. Todos os primeiros moradores da região vieram do Rio Grande do Sul e Santa Catarina, tendo sido praticamente todos pequenos minifundiários no oeste dos dois Estados.

Até o início dos anos 2000, a cidade era predominantemente sulista, mas com a divulgação do prodígio dos monocultores pessoas de várias regiões do país migraram para a cidade, principalmente depois da chegada de empresas multinacionais.

Economia[editar | editar código-fonte]

As principais fontes da economia são agricultura, com enfoque para produção de soja, milho e algodão, além de frigoríficos e indústrias, como esmagadora de soja, biodiesel e processamento de milho. Apesar de ter uma economia essencialmente primária, também há investimentos na transformação da matéria-prima em produtos. Nova Mutum é o segundo maior produtor de grãos do estado e um dos maiores do Brasil, com uma área de 410 mil hectares de soja plantada, em termos de valor de produção Nova Mutum é o 5º maior do Mato Grosso e 9º no Brasil com R$ 1,394 bilhão (+2,8%).


Nova Mutum é cortada pela Rodovia BR-163, principal rota de escoamento da safra do Mato Grosso, a concessão da BR-163 MT prevê investimentos de R$ 5,5 bilhões ao longo dos 30 anos, sendo R$ 2,8 bilhões aplicados nos cinco primeiros anos. Este é o valor estimado pela concessionária Rota do Oeste para realizar a duplicação, recuperação, conservação, manutenção, implantação de melhorias, serviços de operações e atendimentos aos usuários.

No setor industriário o município conta com a Bunge Alimentos S/a (maior esmagadora de soja da América latina), frigoríficos como: Perdigão Brasil Foods - BRF (que será contemplada com um volume de investimentos superior a R$ 100 milhões de reais) que gera entorno de 2500 empregos diretos, Excelência carnes suínas (abate de suínos e industrialização de produtos derivados, de alta qualidade, com 21.250 m² de área construída, gerando atualmente cerca de 3000 empregos diretos e indiretos. Sua capacidade instalada para abater 3 mil animais/dia, aproximadamente 350 animais/h. O setor de industrializados com capacidade para produzir 100 toneladas/dia, divididos em produtos frescais, cozidos e temperados.Sucos Melina O suco de uva Melina é o primeiro “suco de uva 100% natural” produzido em Mato Grosso e o terceiro do Brasil. Em 2011 ganhou o selo” Garantia de Origem Carrefour”.A cada safra a fábrica produz entre 400 e 600 mil litros de suco.

Em 2013, o Produto Interno Bruto do município era de R$ 2 167 526 mil reais,o município é o terceiro maior exportador do estado e tem como principal mercado no exterior países asiáticos, continente europeu e parte do oriente médio.

Nova Mutum faz parte dos 10 municípios que são responsáveis por 48,06% de tudo que é exportado pelo estado com US$ 559,1 milhões.


Infraestrutura[editar | editar código-fonte]

Nova Mutum é considerada modelo em questão de infraestrutura, a cidade possui um projeto de plano diretor que vai manter o desenvolvimento organizado pelos próximos 30 anos para ter um crescimento de maneira ordenada e projetada, esta sendo estudado um projeto de implantação de um parque tecnológico com a doação de aproximadamente 300 hectares por pioneiros, o Plano aponta a implantação do parque tecnológico de Nova Mutum, e destaca alguns pontos de possível concretização, entre eles: implantação de novos cursos técnicos em diversas áreas, implantação de nova instituição de ensino, formação de parcerias público/privado, viabilização de uma feira Tecnológica - espaço para realização de grandes negócios e apresentação de inovação tecnológica no campo do agronegócio, construção de um teatro como incentivo a cultura local entre outros projetos.

O município possui 16 km de ciclovia, estão previstos mais 14 km nos próximos anos com o objetivo de proporcionar maior qualidade de vida, através da prática de atividades esportivas, como corrida, ciclismo e caminhada.

Educação[editar | editar código-fonte]

Nova Mutum é polo regional de qualificação industrial, o município possui uma unidade do Senai que disponibiliza mais de quatro mil vagas em cursos de Educação Profissional nas áreas de Alimentos e Bebidas, Construção, Gestão, Saúde, Segurança no Trabalho, Tecnologia da Informação e Automotiva.

Além de Nova Mutum, também são atendidos os municípios de Alto Paraguai, Arenápolis, Diamantino, Nortelândia, Nova Marilândia, Nova Maringá, Santa Rita do Trivelato, Santo Afonso e São José do Rio Claro. A unidade é a mais moderna e sustentável do Estado, sendo referência em arquitetura, design e sustentabilidade, com uma área total de 4.824,63 m² que comporta laboratórios de informática, manutenção de microcomputadores, corte e costura, panificação, elétrica e automação, manutenção, mecânica e máquina operatriz. Com 20 salas de aulas, uma biblioteca, ambiente para ações móveis, auditório, cantina e refeitório.


A cidade conta com um Campus da Universidade Estadual do Mato Grosso (UNEMAT), que disponibiliza os cursos de Administração, Ciências Contábeis e Agronomia. Nova Mutum é referencia em educação com escolas estaduais e municipais de alto padrão, com piscina, aulas de natação, balé , judo e alimentação acompanhada por nutricionistas. Sua nota no Ideb 2015 é de 5,8.





Demografia[editar | editar código-fonte]

Crescimento populacional
Censo Pop.
1991 5 542
2000 14 818 167,4%
2010 31 649 113,6%
Est. 2016 41 178 [9] 177,9%
Censos demográficos do
IBGE (1991-2010).[10]

A população de Nova Mutum aumentou 113,47%, em um período de 10 anos, foi o município que teve o maior aumento populacional do Mato Grosso no periodo de (2000-2010). A informação tem por base o resultado do Censo Demográfico 2010, realizado pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística -IBGE. Foram confirmados 31.649 habitantes e em 2000, o município estava com 14.818 habitantes. Com estimativa do Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística(IBGE) atualmente Nova Mutum possui uma população de 41.178, há controvérsias devido ao aumento superior a 11,36% ao ano, atualmente Nova Mutum deve possuir uma população superior a 50.000 habitantes.

A Explosão populacional de Nova Mutum se deu a partir do momento que o município conseguiu conciliar a produção agrícola com a industrialização, fato que motivou a instalação de centenas de empresas, a base da Economia esta baseada na plantação de soja, milho e algodão.

Atualmente o município possui também o Índice de Desenvolvimento Humano do estado e o segundo do interior, pelo Ranking, Nova Mutum alcançou 0.758 no quesito desenvolvimento, na sequencia aparece IDHM renda com 0.773, IDHM Longevidade 0.837 e Educação com 0.673

Geografia[editar | editar código-fonte]

Limites geográficos: Norte: Nova Maringá, Tapurah e Lucas do Rio Verde Leste: Sorriso e Santa Rida do Trivelato Sul: Rosário Oeste, Nobres e Diamantino Oeste: São José do Rio Claro e Diamantino

Distâncias: Até a capital do Estado (Cuiabá): 242km Até o porto de Santos: 2.107km Até o porto de Paranaguá: 2.180km Até Santarém/PA: 1.530km pela BR163 Até Alto Taquari/MT – Terminal rodo ferroviário (Ferronorte): 750km

Clima predominante: Equatorial – Tropical quente e sub-úmido, com duas estações bem definidas: Seca: Maio / Setembro Chuvas: Outubro/Abril

Temperatura média anual: 24ºC – com máxima média em 34ºC e mínima média de 4ºC

Altitudes: Sede do município: 450 metros Área de produção: 480 à 550 metros

Precipitação Anual: A precipitação média anual é de 2.200mm, indo de 1.850mm à 2.400mm e a umidade relativa do ar é 80% no período chuvoso e de 35% na estiagem.

Relevo: O relevo de Nova Mutum caracteriza-se por ser plano, com declive não superior à 3% e se constitui em parte da Chapada dos Parecis.

Formação Geológica: Coberturas não dobradas do Fanerozóico. Bacia Quaternária do Xingu e Bacia Mesozóica do Parecis.

Solo: O solo é predominantemente latossolo (80%) e areias quartzosas (20%).

Vegetação: A vegetação do município se constituí em 70% de cerrado e 30% de mata.

Recursos Hídricos: O município de Nova Mutum está localizado na Bacia Amazônica. Os principais rios são: Rio Verde, Rio Arinos, Rio Ranchão, Rio Novo, Rio Beija-Flor, Rio dos Patos, Rio Moderno e Rio Piuvão.

Extensão territorial do município: 9.572,69km², o equivalente a 1,12% da área total do estado de Mato Grosso.


Clima[editar | editar código-fonte]

Equatorial – Tropical quente e semiúmido, com duas estações bem definidas: Seca: Maio / Setembro. Chuvas: Outubro/Abril Temperatura média anual: 24ºC – com máxima média em 34ºC e mínima média de 4ºC.

Dados climatológicos para Nova Mutum
Mês Jan Fev Mar Abr Mai Jun Jul Ago Set Out Nov Dez Ano
Temperatura máxima absoluta (°C) 37,0 38,0 36,0 36,0 34,0 34,0 36,0 40,0 44,0 41,0 41,0 37,0 44,0
Temperatura máxima média (°C) 27,0 27,0 27,0 27,0 27,0 27,0 28,0 31,0 32,0 31,0 29,0 27,0 32,0
Temperatura média (°C) 23,5 23,5 23,5 23,5 22,5 22,0 22,0 24,5 26,5 26,0 25,0 24,0 23,8
Temperatura mínima média (°C) 20,0 20,0 20,0 20,0 18,0 17,0 16,0 18,0 21,0 21,0 21,0 21,0 16,0
Temperatura mínima absoluta (°C) 16,0 15,0 10,0 10,0 7,0 4,0 5,0 3,0 10,0 16,0 14,0 11,0 3,0
Precipitação (mm) 257,0 240,0 279,0 159,0 53,0 24,0 9,0 16,0 69,0 167,0 240,0 257,0 1 770,0
Fonte: Foreca/MSN[11]








Referências

  1. a b «Divisão Territorial do Brasil». Divisão Territorial do Brasil e Limites Territoriais. Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE). 1 de julho de 2008. Consultado em 11 de outubro de 2008. 
  2. http://www.atlasbrasil.org.br/2013/pt/perfil/nova-mutum_mt.  Falta o |titulo= (Ajuda)
  3. «Censo Populacional 2016» (PDF). IBGE. Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE). 30 de agosto de 2016. Consultado em 16 de outubro de 2016. 
  4. . Cidade Mapa. 2010 estipulada do municipío de Nova Mutum http://altitude.cidademapa.com.br/altitude-de/nova-mutum/5210/Altitude estipulada do municipío de Nova Mutum Verifique |url= (Ajuda). Consultado em 16 de outubro de 2016.  Falta o |titulo= (Ajuda)
  5. «Ranking decrescente do IDH-M dos municípios do Brasil». Atlas do Desenvolvimento Humano. Programa das Nações Unidas para o Desenvolvimento (PNUD). 2010. Consultado em 22 de agosto de 2013. 
  6. «Perfil Municipal: Nova Mutum (MT)». Atlas do Desenvolvimento Humano. Programa das Nações Unidas para o Desenvolvimento (PNUD). 2010. Consultado em 16 de outubro de 2016. 
  7. a b http://www.pnud.org.br/IDH/Default.aspx?indiceAccordion=1&li=li_AtlasMunicipios.  Falta o |titulo= (Ajuda)
  8. «Estimativa populacional IBGE 2016» (PDF). IBGE. Consultado em 30 de agosto de 2016. 
  9. «Estimativa populacional dos municípios 2015» (PDF). Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística. Consultado em 06 de junho de 2016. 
  10. «Evolução da população, segundo os municípios - 1872/2010» (PDF). Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística. Consultado em 06 de junho de 2016. 
  11. «Dados climatológicos de Nova Mutum». Consultado em 29 de Outubro de 2016. 
Ícone de esboço Este artigo sobre municípios do estado de Mato Grosso é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.