Nova Sibéria

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
(Nota: O facto de que esta ilha se chame «Nova Sibéria» e se encontre no arquipélago das «ilhas da Nova Sibéria» é causa de frequentes confusões).
Ilha da Nova Sibéria
(Новая Сибирь; Novaya Sibir)
NEWSIB2NS.png
75° 00′ N 148° 50′ E
Geografia física
País  Rússia
Arquipélago Ilhas da Nova Sibéria (grupo de Anzhu)
Área 6201 km²
102.ª do mundo - 9.ª da Rússia  km²
Perímetro 495 km  km
New Siberian Islands map.png

Nova Sibéria (em russo: Новая Сибирь, Novaya Sibir) é uma ilha localizada no árctico russo, banhada pelas águas do mar Siberiano Oriental.

Administrativamente, a ilha, tal como o resto do arquipélago, pertence à República de Sakha (Iacútia) da Federação Russa.

Geografia[editar | editar código-fonte]

A ilha da Nova Sibéria é a mais oriental das ilhas Anzhu, o subgrupo norte das ilhas da Nova Sibéria. A sua área é aproximadamente 6200 km², o que faz dela a a 102.ª maior do mundo, e 9.ª da Rússia. É de baixa altitude, chegando a apenas 76 metros, está coberta por vegetação de tipo tundra e está totalmente desabitada.

A ilha mais próxima é ilha de Faddeyevsky, a uns 25 km na direcção oeste.

História[editar | editar código-fonte]

Yakov Sannikov foi o primeiro europeu de quem se têm notícias de visita à ilha da Nova Sibéria em 1806. Descobriu-a durante uma das várias expedições de caça financiadas pelos comerciantes, Semen e Lev Syrovatskiy.[1]

Referências

  1. Mills, W. J., 2003, Exploring polar frontiers: a historical encyclopedia. ABC CLIO Publishers, Oxford, Reino Unido.

Ligações externas[editar | editar código-fonte]

  • Fotos aéreas da ilha de Nova Sibéria, no site «www.oceandots.com», em: New Siberian Islands.
  • Climate and Diet of Mammoths in the East Siberian Arctic, de A.A. Andreev y D.M. Peteet, 1999. Science Briefs (Agosto 1999). Goddard Institute for Space Studies, New York, Nueva York. Disponible en el sitio del «Goddard Institute for Space Studies», em: [1]
  • «Environmental History of the Novosibirskie Islands for the last 12 ka.», de Anisimov, M.A., y V.E. Tumskoy, 2002. Comunicação ao «32nd International Arctic Workshop, Program and Abstracts 2002». Institute of Arctic and Alpine Research, University of Colorado at Boulder, pp 23–25. Resumo em: [2].
  • «New data on the “Mammoth” fauna of the Laptev Shelf Land (East Siberian Arctic)», de Kuznetsova, T.V., L.D. Sulerzhitsky, Ch. Siegert, 2001. Comunicação de «The World of Elephants - International Congress, Rome 2001». Consiglio Nazionale delle Ricerche, Centro di Studio per il Quaternario e l'Evoluzione Ambientale, Università di Roma, Roma, Itália. Disponível em PDF em: [3]
  • Lost world - Late Quaternary environment of periglacial Arctic shelves and coastal lowlands in NE-Siberia.. Schirrmeister, L., H.-W. Hubberten, V. Rachold, V.G. Grosse, 2005, em « 2nd International Alfred Wegener Symposium» (Bremerhaven, 30 de Outubro - 2 de Novembro de 2005). Disponível resumo em: [4].