O Anjo Azul

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
O Anjo Azul
Marlene Dietrich in The Blue Angel.png
Alemanha
p&b • 100
Direção Josef von Sternberg
Produção Erich Pommer
Roteiro Carl Zuckmayer
Karl Vollmöller
Heinrich Mann
Robert Liebmann
Baseado em Professor Unrat
Elenco Emil Jannings
Marlene Dietrich
Kurt Gerron
Rosa Valetti
Hans Albers
Reinhold Bernt
Gênero filme baseado em literatura • filme dramático
Música Friedrich Hollaender
Cinematografia Günther Rittau, Hans Schneeberger
Companhia(s)
produtora(s)
Universum Film AG
Distribuição Universum Film AG, Netflix
Lançamento 1930

Der Blaue Engel (O Anjo Azul no Brasil e em Portugal) é um filme da fase expressionista/realista alemã, marcado pela tragédia e degradação, baseado no livro Professor Unrat de Heinrich Mann. O filme que levou Marlene Dietrich ao estrelato.[1]

Enredo[editar | editar código-fonte]

O filme começa na Alemanha de Weimar, em 1925. O protagonista é Immanuel Rath (Emil Jannings), um professor de ginásio que ensina inglês e literatura. Ele descobre que muitos de seu alunos estão com fotografias de Lola Lola (Marlene Dietrich), uma atriz de um cabaré local denominado Anjo Azul, embora Immanuel não a conheça. Então ele pergunta a um de seus alunos que possuía essas fotos, onde ele fala que foi nesse cabaré. Naquela noite, Immanuel vai até o Anjo Azul para pedir à Lola que pare de seduzir seus alunos. Mas inesperadamente, ele acaba se apaixonando pela atriz, e se interessa por suas apresentações. Dias depois, ele visitou à casa de Lola e disse que ama, um pouco antes de perceber que estava atrasado para a escola, e foi correndo para o local. Ao chegar lá, é zombado pelo seus alunos, já que mostrou maus exemplos ao se apaixonar pela atriz, e em seguida, é demitido do cargo de professor, pelo diretor da escola. Depois, volta para a casa da atriz, lhe presenteia com flores e lhe pede em casamento. Lola aceita e então eles passam a morar juntos, e tem um casamento aparentemente feliz. Pelos 4 anos seguintes, até 1929, Immanuel vive pelo sustento de Lola, e se vê como um vagabundo e pensa em abandonar à casa da atriz. Ele também percebe traição de Lola, e no mesmo dia, ela o usa como palhaço de seu show. O filme acaba com uma cena dele voltando à sua antiga sala de aula, à noite, se sentindo rejeitado e humilhado.

Ficha técnica adicional[editar | editar código-fonte]

  • Estúdio: Universum Film S.A.
  • Distribuição: Paramount Pictures / Kino International
  • Direção: Josef von Sternberg
  • Produção: Erich Pommer
  • Fotografia: Günther Rittau
  • Direção de Arte: Otto Hunte
  • Edição: Walter Klee e Sam Winston

Ver também[editar | editar código-fonte]

Referências

  1. Schneider, Steven Jay (2008). 1001 filmes para ver antes de morrer. Rio de Janeiro: Sextante 

Ligações externas[editar | editar código-fonte]

Ícone de esboço Este artigo sobre um filme é um esboço relacionado ao Projeto Entretenimento. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.