O Cavaleiro da Morte

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
The Pale Horseman
O Cavaleiro da Morte
Autor(es) Bernard Cornwell
Idioma Inglês
País Reino Unido
Género Romance histórico
Série Crônicas Saxônicas
Lançamento 2005
Edição brasileira
Tradução Ivanir Alves Calado[1]
Ilustrador Kako
Arte de capa Marcelo Martinez
Editora Record[1]
Lançamento 2007
Páginas 392[1]
ISBN 978-85-01-07552-9
Cronologia
O Último Reino
Os Senhores do Norte

O Cavaleiro da Morte (no original, The Pale Horseman) é o segundo livro da série Crônicas Saxônicas (The Saxon Stories), do autor inglês Bernard Cornwell. Lançado em 2005 na Inglaterra, é precedido pelo livro "O Último Reino" e seguido por "Os Senhores do Norte", publicado em 2005 na Inglaterra e nos Estados Unidos da América.

Enredo[editar | editar código-fonte]

Gtk-paste.svg Aviso: Este artigo ou se(c)ção contém revelações sobre o enredo.

Neste segundo livro, Bernard Cornwell, narra aos olhos de Uhtred como os dinamarqueses, trazendo seus grandes navios, conseguiram dominar a ilha quase que em sua totalidade. Até o presente momento os dinamarqueses já haviam conquistado a Nortúmbria, a Mércia — parte central da ilha e a Ânglia Oriental. Mas ainda faltava o reino mais rico e poderoso entre todos na Ilha, Wessex. Wessex era o reino mais próspero na Ilha entre todos e era governado por Alfredo, O Grande — que viveu entre 849 e 899. Apesar de estar na história como o grande defensor da Inglaterra contra a fúria dos vikings, o autor prefere descrevê-lo como um rei-clérigo. Sempre rodeado por uma horda de padres e sempre enclausurado escrevendo. Pois bem, como Wessex era o mais rico, ele era o principal objetivo das invasões. Então de surpresa, os vikings atacam o reino e Alfredo e sua família são obrigados a fugir para uma região pantanosa. E lá Uhtred acaba encontrando o rei Alfredo e de lá eles organizam uma força de defesa, chamada de fyrd. O Fyrd era uma força formada por senhores e homens do campo. Naquela época, na Ilha e assim como em quase toda a Europa, não existiam reino vastos e fortes o bastante para terem os seus próprios exércitos, então havia o fyrd, formado por homens do campo despreparados, sem armas adequadas para a luta e que eram obrigados a abandonar a suas famílias e irem para as guerras as quais eram convocados. O rei Alfredo, dentro do pantano, juntamente com Uhtred, convoca o fyrd esperando afugentar os vikings de suas terras.

Gtk-paste.svg Aviso: Terminam aqui as revelações sobre o enredo.

Referências

  1. a b c «O cavaleiro da morte (Vol. 2 - Crônicas Saxônicas)». record.com.br. Consultado em 1 de fevereiro de 2018 

Ligações externas[editar | editar código-fonte]

Ícone de esboço Este artigo sobre um livro é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.