O Colosso de Rodes

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
Disambig grey.svg Nota: Este artigo é sobre um filme. Para a estátua da Antiguidade, veja Colosso de Rodes.
Il colosso di Rodi
No Brasil O Colosso de Rodes
Em Portugal O Colosso de Rodes
Em francês Le colosse de Rhodes
Em espanhol El coloso de Rodas
 Itália ·  França · Flag of Spain (1945–1977).svg Espanha
1961 •  cor •  127 min 
Direção Sergio Leone
Produção Eduardo de la Fuente
Roteiro Ennio De Concini
Luciano Chitarrini
Elenco Rory Calhoun
Lea Massari
Georges Marchal
Conrado San Martín
Género aventura
drama
ficção histórica
Música Angelo Francesco Lavagnino
Direção de fotografia Antonio L. Ballesteros
Idioma italiano
Página no IMDb (em inglês)

Il colosso di rodi (prt/bra: O Colosso de Rodes)[1][2] é um filme ítalo-franco-espanhol de 1961, dos gêneros aventura, drama e ficção histórica, dirigido por Sergio Leone.[2]

Sinopse[editar | editar código-fonte]

O capitão de um navio grego, Dario, chega à ilha de Rodes e se envolve em uma série de situações perigosas, além de namorar uma bela jovem, Diale, até que um terremoto destrói a colossal estátua de Apolo, uma das sete maravilhas da Antiguidade.

Elenco[editar | editar código-fonte]


Referências

  1. «O Colosso de Rodes». Portugal: CineCartaz. Consultado em 15 de janeiro de 2019 
  2. a b «O Colosso de Rodes». Brasil: CinePlayers. Consultado em 15 de janeiro de 2019 
Ícone de esboço Este artigo sobre um filme do cinema italiano é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.