O Gaiato

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
Question book.svg
Este artigo ou secção não cita fontes confiáveis e independentes (desde dezembro de 2012). Ajude a inserir referências.
O conteúdo não verificável pode ser removido.—Encontre fontes: Google (notícias, livros e acadêmico)

O Gaiato é o título do jornal quinzenal publicado pela Obra da Rua, a organização de assistência social fundada em Portugal pelo Padre Américo que dá a conhecer aos seus leitores os feitos, reflexões, e diário das diversas Casas do Gaiato. Este jornal foi fundado em 5 de março de 1944.

Regularmente escrita pelos responsáveis das Casas do Gaiato espalhadas em Portugal, Angola e Moçambique, a publicação é vendida a cada quinzena, pelos rapazes da Casa do Gaiato, nas grandes cidades vizinhas das próprias instituições.

O dinheiro obtido pela venda do jornal tem como objetivo subsidiar esta mesma instituição, uma vez que esta é uma instituição de apoio social privado, e que tem como objetivo acolher os Rapazes da Rua, ou seja crianças em famílias carenciadas ou órfãos.

O lema desta instituição que se responsabiliza pelas Casas do Gaiato é: «Pelos rapazes, para os rapazes e dos rapazes». Com isto, quer-nos dizer que são os rapazes que trabalham de forma a se substanciar, os mais velhos se responsabilizam pelos mais novos segundo as diretivas dos postulados instituídos pelo Padre Américo na fundação desta mesma organização.