The Man Who Wasn't There

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
(Redirecionado de O Homem Que Não Estava Lá)
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
Question book-4.svg
Esta página ou secção cita fontes confiáveis e independentes, mas que não cobrem todo o conteúdo, o que compromete a verificabilidade (desde Janeiro de 2013). Por favor, insira mais referências no texto. Material sem fontes poderá ser removido.
Encontre fontes: Google (notícias, livros e acadêmico)
Searchtool.svg
Esta página ou secção foi marcada para revisão, devido a inconsistências e/ou dados de confiabilidade duvidosa. Se tem algum conhecimento sobre o tema, por favor verifique e melhore a consistência e o rigor deste artigo. Pode encontrar ajuda no WikiProjeto Cinema.
Se existir um WikiProjeto mais adequado, por favor corrija esta predefinição.

Este artigo está para revisão desde janeiro de 2013.

Ambox rewrite.svg
Esta página precisa ser reciclada de acordo com o livro de estilo (desde janeiro de 2013).
Sinta-se livre para editá-la para que esta possa atingir um nível de qualidade superior.
The Man Who Wasn't There
O Barbeiro[1] (PT)
O Homem Que Não Estava Lá[2] (BR)
 Estados Unidos
2001 •  p&b •  118 min 
Direção Joel Coen
Roteiro Joel Coen
Ethan Coen
Elenco Billy Bob Thornton
Scarlett Johansson
Frances McDormand
James Gandolfini
Tony Shalhoub
Jon Polito
Michael Badalucco
Género neo-noir / crime
Idioma inglês
Página no IMDb (em inglês)

The Man Who Wasn't There (br: O Homem Que Não Estava Lá/pt: O Barbeiro) é um filme noir americano, do ano de 2001 escrito por Joel e Ethan Coen e dirigido por Joel Coen.

Elenco[editar | editar código-fonte]

Sinopse[editar | editar código-fonte]

Em Santa Rosa, Califórnia, meados de 1949, Ed Crane é um barbeiro taciturno e melancólico do subúrbio, casado com a infiel contadora Doris. Ed fica sabendo por um cliente de um novo negócio, a "lavagem a seco", e resolve chantagear o patrão de Doris, que desconfia ser o amante dela, para conseguir o dinheiro e investir naquilo. A chantagem leva a assassinatos e Doris é presa e, embora Ed saiba que ela é inocente, teme não conseguir impedir que a esposa seja condenada à morte.

Prémios e nomeações[editar | editar código-fonte]

  • Recebeu uma nomeação ao Oscar, na categoria de:
    • Melhor Fotografia
  • Recebeu três nomeações ao Globo de Ouro, nas seguintes categorias:
    • Melhor Filme – Drama
    • Melhor Ator - Drama (Billy Bob Thornton)
    • Melhor Argumento
  • Ganhou o BAFTA de Melhor Fotografia
  • Recebeu uma nomeação ao César, na categoria de:
    • Melhor Filme Estrangeiro
  • Ganhou o prêmio de Melhor Realizador no Festival de Cannes
Portal A Wikipédia tem os portais:

Referências

Ícone de esboço Este artigo sobre um filme estadunidense é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.