O Hospital Hostil

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
Question book.svg
Esta página ou secção não cita fontes confiáveis e independentes, o que compromete sua credibilidade (desde abril de 2011). Por favor, adicione referências e insira-as corretamente no texto ou no rodapé. Conteúdo sem fontes poderá ser removido.
Encontre fontes: Google (notícias, livros e acadêmico)
Searchtool.svg
Esta página foi marcada para revisão, devido a incoerências e/ou dados de confiabilidade duvidosa. Se tem algum conhecimento sobre o tema, por favor, verifique e melhore a coerência e o rigor deste artigo.
The Hostile Hospital
O Hospital Hostil
Capa da edição americana.
Autor(es) Lemony Snicket
Idioma inglês
País  Estados Unidos
Série A Series of Unfortunate Events
Ilustrador Brett Helquist
Editora HarperCollins
Lançamento Setembro de 2001
Páginas 255
ISBN 0-06-175720-9
Edição portuguesa
Editora Terramar
Lançamento 2011
Formato capa mole
Páginas 232
ISBN 978-972-710-434-5
Edição brasileira
Tradução Ricardo Gouveia
Editora Cia. das Letras
Páginas 229
ISBN 8535903925
Cronologia
The Vile Village
The Carnivorous Carnival

The Hostile Hospital (traduzido no Brasil e em Portugal como O Hospital Hostil) é o oitavo livro da série A Series of Unfortunate Events. Foi escrito por Lemony Snicket, heterônimo do autor Daniel Handler, e ilustrado por Brett Helquist. Foi lançado em setembro de 2001.

É a partir deste livro que as crianças não possuem mais tutor e vivem por conta própria. Elas tentaram mandar um telegrama para o sr. Poe no armazém Última Chance onde são confundidos por Lou porém conseguem convencer o dono que eles apenas querem mandar o telegrama, mas como consta da Lemony Snicket: Autobiografia não Autorizada, o Sr. Poe acreditou em O Pundonor Diário e mandou que eliminassem todos os telegramas do banco. Os órfãos Baudelaire se juntam aos Combatentes pela Saúde do Cidadão(C.S.C) se escondendo na perua deles, e vão trabalhar no Hospital Heimlich na seção de Registros para a gestora Babs um altofalante interlocutor que não acredita nos Baudelaire, mas por não os ver não os acusa para a policia, o qual nunca foi acabado. Eles decobrem Hal, o guardião da Biblioteca e ajuda eles á arquivar então descobrem nas anotações dos Quagmire que existem arquivos de Lemony Snicket mas todas estão faltando menos a página 13 que diz que pode existir um sobrevivente do incêndio, Esmé Esqualor aparece e captura Violet Baudelaire. Klaus e Sunny descobrem que o nefasto conde Olaf cria mais um de seus horríveis planos e quer serrar a cabeça de Violet, alegando ser um craniotomia e descobre que Matatias (Conde Olaf) usa anagramas e assim procura Violet por um anagrama. Ele impede a cirurgia e um agente de Olaf que não se sabe se era homem ou mulher morre no incêndio do hospital Heimlich ,que começou na biblioteca de registros e foi ateado pelo próprio conde Olaf.

Anagramas[editar | editar código-fonte]

Em uma sessão do livro, há uma lista de pacientes no hospital, e seus nomes são todos anagramas de nomes de personagens, pessoas do mundo real ou outras frases pertinentes.

Outros anagramas, além dos da lista de pacientes, aparecem no livro:

  • Dr. Flacutono - Count Olaf
  • Dr. O. Lucafont - Count Olaf
  • Dra. Tocuna e enfermeira Flo - Count Olaf

Referências Culturais[editar | editar código-fonte]

Hospital Heimlich é uma referência a Henry Heimlich , um médico americano mais conhecido pela manobra de Heimlich . Em uma ilustração, um dos Combatentes pela Saúde desempenha um violão com a inscrição "Este Voluntário combate as doenças". Esta é uma alusão à Woody Guthrie , que a inscrição "Esta máquina mata fascistas" em seu instrumento.

Os pacientes em Hospital Heimlich apresentam uma riqueza de alusões a famosos da literatura, personagens e autores: Emma Bovary, um paciente com intoxicação alimentar, refere-se ao personagem de mesmo nome em Gustave Flaubert 's romance, Madame Bovary . Jonah Mapple, que sofre de enjoo, é nomeado após o Padre Mapple, o pregador que sermonizes no conto bíblico de Jonas preso em uma baleia no Herman Melville é Moby-Dick . Clarissa Dalloway é uma alusão a um personagem do mesmo nome em Virginia Woolf 's romance, a Sra. Dalloway . Ela sofre de nenhuma doença visível, mas olha tristemente para fora da janela, que pode referir-se às lutas tanto Woolf com depressão e seu ensaio, Um quarto de seu próprio . Cynthia Vane, um paciente com uma dor de dente, tem o nome de um personagem de conto de Nabokov, As Irmãs Vane . Charley Anderson vem de John Dos Passos é trilogia EUA . Dr. Bernard Rieux, cuja doença é uma tosse terrível, de Albert Camus 's La Peste ("A Peste"). Dois pacientes nomes de compartilhamento com autores reais: Haruki Murakami , um escritor e tradutor japonês cujas obras incluem The Chronicle Pássaro Wind-Up , e Mikhail Bulgakov , um romancista e dramaturgo russo. [ editar ]Anagramas