O Mecanismo

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
O Mecanismo
Informação geral
Formato Série
Gênero Policial
Drama político
Criador(es)
País de origem  Brasil
Idioma original Português
Produção
Diretor(es)
Produtor(es) executivo(s)
Distribuída por Netflix
Elenco
Empresa(s) de produção Zazen Produções
Exibição
Emissora de televisão original Netflix
Formato de exibição 4K (Ultra HD)
Transmissão original 23 de março de 2018 – presente
N.º de temporadas 1
N.º de episódios 8

O Mecanismo é uma série de televisão brasileira sobre política. Criada por José Padilha e Elena Soarez, dirigido por José Padilha, Felipe Prado, Marcos Prado e com roteiros de Elena Soárez. A série é livremente inspirada nas investigações da Operação Lava Jato[1][2] e foi lançada pela Netflix em 23 de março de 2018.[3] Em 28 de maio de 2018, a série foi renovada para uma segunda temporada prevista para 2019. [4]

Sinopse[editar | editar código-fonte]

Marco Ruffo (Selton Mello), é um delegado da Polícia Federal obcecado pelo caso que está investigando. Quando menos espera, ele e sua aprendiz, Verena Cardoni (Carol Abras), já estão mergulhados em uma das maiores investigações de desvio e lavagem de dinheiro da história do Brasil. A proporção é tamanha que o rumo das investigações muda completamente a vida de todos os envolvidos.[5]

Elenco[editar | editar código-fonte]

Principal[editar | editar código-fonte]

Ator Personagem
Selton Mello Marco Ruffo[6]
Carol Abras Verena Cardoni[7]
Enrique Díaz Roberto Ibrahim[6]
Leonardo Medeiros João Pedro Rangel (Pepê)
Antonio Saboia[6] Dimas Donatelli
Lee Taylor Claudio Amadeu[7]
Otto Jr.[6] Juiz Paulo Rigo
Osvaldo Mil Luis Carlos Guilhome
Jonathan Haagensen[6] Vander
Caio Junqueira Henrique Villa Verde (Ricky)
Priscila Assum Shayenne Rangel Villa Verde
Giulio Lopes Roberval Bruno
Susana Ribeiro[6] Regina Ruffo
Michel Bercovicht Senador Lúcio Lemes

Participações especiais[editar | editar código-fonte]

Produção[editar | editar código-fonte]

Desenvolvimento[editar | editar código-fonte]

Em abril de 2016, a Netflix anunciou que faria uma série original, ainda sem título, que retrataria as investigações da Operação Lava Jato.[9] A série foi produzida por José Padilha, Marcos Prado e pela produtora Zazen Produções e escrita por Elena Soarez e Sofia Maldonado.[10] A série foi dirigida por José Padilha, Felipe Prado, Marcos Prado e Daniel Rezende.[11]

Filmagens[editar | editar código-fonte]

O Mecanismo iniciou sua produção em maio de 2017.[11] Os locais de filmagem incluíram as cidades de São Paulo, Rio de Janeiro, Curitiba e Brasília.[11]

Episódios[editar | editar código-fonte]

TítuloDirigido porEscrito porLançamento
1 "Lava Jato" José PadilhaElena Soarez23 de março de 2018 (2018-03-23)
A família do delegado federal Marco Ruffo sofre ameaças depois que ele tenta enquadrar o doleiro Roberto Ibrahim por lavagem de dinheiro. 
2 "Halawi" Felipe PradoElena Soarez23 de março de 2018 (2018-03-23)
Dez anos depois, Verena continua investigando Ibrahim e os doleiros que trabalham com ele. 
3 "Ventos Frios Vindos do Sul" Felipe PradoElena Soarez23 de março de 2018 (2018-03-23)
A equipe da Polícia Federal trabalha duro para realizar uma operação com múltiplos alvos, mas evidências importantes desaparecem. 
4 "Fundo Falso" Marcos PradoElena Soarez23 de março de 2018 (2018-03-23)
Guilhome consegue uma ajuda inesperada. Verena vai atrás de João Pedro, e o juiz Rigo reflete sobre uma decisão que pode mudar tudo. 
5 "Olhos Vermelhos" Marcos PradoElena Soarez23 de março de 2018 (2018-03-23)
Verena tem a sensação de que não pode confiar em mais ninguém. A mulher de Ibrahim fica furiosa ao descobrir o que o marido tem feito na cadeia. 
6 "Eles Sabiam de Tudo" Marcos PradoElena Soarez23 de março de 2018 (2018-03-23)
Para forçar João Pedro a falar o que sabe, os investigadores buscam acusações contra a família dele. Mas um vazamento põe a operação toda em risco. 
7 "O Último Respiro" Daniel RezendeElena Soarez23 de março de 2018 (2018-03-23)
O Clube dos 13 se apressa para fechar um acordo com o procurador-geral. Ao lidar com um problema de esgoto no bairro, Ruffo tem uma sacada e entende a origem de tudo. 
8 "Juízo Final" Daniel RezendeElena Soarez23 de março de 2018 (2018-03-23)
Verena recebe uma notícia devastadora. Ruffo reavalia suas prioridades. Dimas e Cláudio ficam sabendo do destino da Operação Juízo Final. 

Lançamento[editar | editar código-fonte]

A primeira temporada da série foi lançada em 23 de março de 2018 e contou com 8 episódios.[12]

Marketing[editar | editar código-fonte]

O primeiro trailer da série foi lançado em 19 de janeiro de 2018.[12] Um segundo trailer foi lançado em 28 de fevereiro de 2018.[10]

Para divulgar a série, a Netflix instalou um outdoor medidor de corrupção em Brasília nomeado "corruptômetro", onde era mostrado um medidor que mediria a quantidade de dinheiro desviado a cada minuto.[13] Em outra ação, a Netflix instalou estandes no Aeroporto de Brasília e no Aeroporto de Congonhas em São Paulo, a chamada "loja da corrupção", onde eram apresentados produtos fictícios, como uma cueca doleira, uma gravata filmadora, o livro "Delação premiada para leigos" e capinhas decorativas para tornozeleiras eletrônicas.[14][15]

Recepção[editar | editar código-fonte]

Resposta da crítica[editar | editar código-fonte]

O site Rotten Tomatoes registrou classificação de 88% com uma classificação média de 7.8/10 com base em 8 avaliações.[16]

Cassio Starling, em uma crítica para a Folha de S.Paulo, disse que "Como ficou claro nos dois “Tropa de Elite”, além do sucesso de bilheteria, Padilha busca provocar respostas sociais, fazer o público reagir à anestesia e aos slogans automáticos. A enorme atenção concentrada na Lava Jato, nos efeitos das investigações sobre o presente e o futuro imediato do país, não poderia escapar ao oportunismo de Padilha. Por isso, “O Mecanismo” desenvolve aos poucos, quase insidiosamente, outra trama, que justifica, afinal, o título. Ao introduzir essa questão fundamental Padilha alcança uma dimensão, de fato, mais política e menos policialesca, mais cotidiana e menos excepcional."[17]

Fábio de Souza Gomes, do Omelete, escreveu que o programa apresenta ficção cansativa, tramas paralelas desnecessárias, porém conta com atuações de destaque. Comentou também que "apesar de no início parecer um pouco forçado, [Selton] Mello melhora muito ao longo do seriado e consegue conduzir bem a história pelas sombras enquanto [Caroline] Abras cria uma detetive complexa e forte que busca encontrar a corrupção por trás do país." Completou dizendo que "O Mecanismo poderia ter sido muito melhor do que realmente foi."[18]

Adolfo Molina, do Observatório do Cinema, resume que "O Mecanismo é uma falha como representação de fatos históricos do Brasil por tentar buscar isenção no viés e não conseguir, e uma obra de ficção também falha por cair nessa armadilha."[19]

Ritter Fan, do Plano Crítico, escreveu que "Os roteiros dos episódios, todos escritos por Elena Soarez, são para lá de didáticos, com repetições infindáveis que batem na mesma tecla monocórdia praticamente a todo capítulo como o “combater o câncer não deixa ninguém incólume” e coisas assim. No campo das atuações, Selton Mello mais uma vez mostra que é um dos melhores atores brasileiros de sua geração, mesmo considerando sua irritante incapacidade de falar para fora, marca registrada sua desde os primórdios que torna a compressão do que ele balbucia bastante complicada." Elogiou Enrique Díaz, dizendo que a atuação "imediatamente lembrou a de Robert Knepper como T-Bag, em Prison Break, ou seja, um bandido safado e cafajeste moldado para que o odiemos, mas ao mesmo tempo que o amemos." E finalizou dizendo que "O Mecanismo é uma série com potencial, mas que não é plenamente realizado."[20]

Inspirações reais[editar | editar código-fonte]

Embora haja um aviso informando que a série é inspirada livremente em eventos reais e que personagens, situações e outros elementos foram alterados para efeito dramático, alguns personagens (mas não todos os fatos a eles atribuídos na série) e elementos, tem clara correspondência à real Operação Lava Jato.[21][22][23][24]

Críticas[editar | editar código-fonte]

A série foi classificada pela ex-presidente Dilma Roussef como propaganda política, que afirmou, em tom ameaçador, que a direção do programa não tem conhecimento do impacto político da série.[25] E foi retrucada pelo criador da série, que a chamou de iletrada, por estar escrito que os fatos estavam dramatizados e se tratava de uma obra de ficção.[26] Isso se deve ao fato de o roteiro da série, em seu quinto episódio, atribuir ao personagem Higino, personagem correspondente ao ex-presidente Lula, frase emblemática do Senador Romero Jucá obtida em grampo telefônico sobre "estancar a sangria", referindo-se à interromper as investigações da Lava-Jato.

Prêmios e indicações[editar | editar código-fonte]

Ano Prêmio Categoria Indicado Resultado Ref
2018
Troféu APCA
Melhor Diretor José Padilha Pendente

[27]

Ver também[editar | editar código-fonte]

Referências

  1. «Série sobre Lava Jato dirigida por José Padilha é anunciada pela Netflix». Pop & Arte. 15 de abril de 2016. Consultado em 10 de maio de 2017 
  2. «Começam as filmagens de 'O mecanismo', série com Selton Mello sobre a Lava Jato». G1. Consultado em 11 de maio de 2017 
  3. Netflix (18 de janeiro de 2018), O Mecanismo | Trailer oficial [HD] | Netflix, consultado em 18 de janeiro de 2018 
  4. «Netflix anuncia 2ª temporada de "O Mecanismo" para 2019». UOL. 28 de maio de 2018. Consultado em 28 de maio de 2018 
  5. «O Mecanismo». AdoroCinema. Consultado em 24 de março de 2018 
  6. a b c d e f g AdoroCinema. «O Mecanismo: Série de José Padilha sobre a Lava Jato ganha título, elenco completo e previsão de estreia». AdoroCinema. Consultado em 10 de maio de 2017 
  7. a b «Selton Mello, Caroline Abras e Lee Taylor farão nova série da Netflix». Noticiasdetv.com. 9 de maio de 2017. Consultado em 11 de maio de 2017 
  8. «Exclusivo: Ravel Cabral é escalado para a série "Lava-Jato", da Netflix». Noticiasdetv.com. 6 de maio de 2017. Consultado em 11 de maio de 2017 
  9. Nakagawa, Fernando (15 de abril de 2016). «Netflix anuncia série sobre Operação Lava Jato para 2017». Estadão. Consultado em 31 de março de 2018 
  10. a b «Netflix: Com Selton Mello, série sobre Lava Jato lança trailer». Folha Jovem. 28 de fevereiro de 2018 
  11. a b c «Começam as filmagens de 'O mecanismo', série com Selton Mello sobre a Lava Jato». G1. 15 de maio de 2017. Consultado em 31 de março de 2018 
  12. a b «'O mecanismo', série da Netflix sobre Operação Lava Jato, tem 1º trailer divulgado». g1. 18 de janeiro de 2018. Consultado em 31 de março de 2018 
  13. Guilherme Coral (12 de março de 2018). «O MECANISMO | NETFLIX INSTALA 'CORRUPTÔMETRO' EM BRASÍLIA PARA PROMOVER SÉRIE». nosbastidores.com.br. Consultado em 31 de março de 2018 
  14. «Netflix lança "Loja da Corrupção" em aeroportos para promover série "O Mecanismo" sobre a Lava Jato». Época Negócios. 27 de março de 2018. Consultado em 31 de março de 2018 
  15. «Netflix inaugura "loja da corrupção" no aeroporto de Brasília». Correio Braziliense. 26 de março de 2018 
  16. «The Mechanism: Season 1» [O mecanismo: primeira temporada]. Rotten Tomatoes (em inglês). Consultado em 31 de março de 2017 
  17. Carlos, Cássio Starling (24 de março de 2018). «Trama paralela a conflito policial torna 'O Mecanismo' uma série política». Folha. UOL. Consultado em 31 de março de 2018 
  18. Gomes, Fábio de Souza (26 de março de 2018). «O Mecanismo: Crítica». Omelete. Consultado em 31 de março de 2018 
  19. Molina, Adolfo (23 de março de 2018). «Crítica: O Mecanismo – 1ª Temporada». Observatório do Cinema. Consultado em 31 de março de 2018 
  20. Fan, Ritter (25 de março de 2018). «Crítica: O Mecanismo – 1ª Temporada». Plano Crítico. Consultado em 31 de março de 2018 
  21. «'O mecanismo': conheça as referências da série à vida real». O Globo. Consultado em 25 de março de 2018 
  22. «O mecanismo: A série que quer mostrar para o mundo como funciona a corrupção». HuffPost Brasil. 23 de março de 2018. Consultado em 25 de março de 2018 
  23. «O Mecanismo encara o desafio de retratar a corrupção brasileira». Diário de Pernambuco. 23 de março de 2018. Consultado em 25 de março de 2018 
  24. «O Mecanismo: mapeamos todas as referências que você não percebeu». Superinteressante 
  25. «'Netflix não está sabendo onde se meteu', diz Dilma sobre 'O Mecanismo'». Folha de S.Paulo. 23 de março de 2018. Consultado em 26 de março de 2018 
  26. «Dilma critica série "O Mecanismo" e Padilha responde: "se soubesse ler, não estaríamos com esse problema"». InfoMoney. 26 de março de 2018. Consultado em 29 de março de 2018 
  27. «Séries ultrapassam novelas e lideram indicações da APCA aos melhores da TV». UOL. 30 de novembro de 2018. Consultado em 30 de novembro de 2018 

Ligações externas[editar | editar código-fonte]