O Semideus

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
O Semideus
Informação geral
Formato Telenovela
Duração 50 minutos
País de origem  Brasil
Idioma original (português brasileiro)
Produção
Diretor(es) Walter Avancini
Daniel Filho
Elenco
Tema de abertura "O Semideus", Orquestra Som Livre
Exibição
Emissora de televisão original Rede Globo
Transmissão original 22 de agosto de 19737 de maio de 1974
N.º de episódios 221

O Semideus é uma telenovela brasileira que foi produzida e exibida pela Rede Globo entre 20 de agosto de 1973 a 7 de maio de 1974, às 20 horas, em 221 capítulos, substituindo Cavalo de Aço e sendo substituída por Fogo sobre Terra.[1] Foi a 13ª "novela das oito" exibida pela emissora. Escrita por Janete Clair e dirigida por Walter Avancini, com supervisão de Daniel Filho.

Enredo[editar | editar código-fonte]

O jornalista Alex Garcia (Francisco Cuoco) está de volta ao Brasil, para realizar uma reportagem sobre o império industrial da família Leonardo. Ao mesmo tempo, o presidente das indústrias, Hugo Leonardo (Tarcísio Meira), some depois de um misterioso acidente de lancha.

Na verdade, o acidente não passava de uma manobra dos seus inimigos – Alberto Parreiras (Juca de Oliveira), Gildo Graça (Felipe Carone) e o dr. Lafayette Pontes (Paulo Padilha) – para eliminá-lo e usurpar o patrimônio da família Leonardo. Eles aproveitam o desaparecimento de Hugo para o substituir por um sósia, Raul de Paula (também interpretado por Tarcísio Meira), para que este assuma o comando da família e das indústrias de Hugo Leonardo.

Ninguém desconfia de que Hugo é na realidade outra pessoa, exceto Alex Garcia e Ângela (Glória Menezes), namorada de Hugo, que vê nele um comportamento estranho, principalmente quando o suposto Hugo dá um fim ao relacionamento dos dois para se casar com a jovem Estela (Maria Cláudia).

O clímax acontece quando o verdadeiro Hugo Leonardo, recuperado do acidente que sofrera, reaparece para retomar o seu lugar nas empresas e na família, com o rosto deformado.

Programação relacionada[editar | editar código-fonte]

Elenco[editar | editar código-fonte]

Música[editar | editar código-fonte]

Nacional[editar | editar código-fonte]

Compõem a trilha sonora nacional as seguintes faixas[2] :

  1. "Paciência" - Trama
  2. "Uma Canção a Mais" - Orquestra e Coral Som Livre
  3. "Eu Não Tenho Ninguém" - Cláudia Regina
  4. "Até Eu" - Maria Creuza
  5. "O Semideus" - Orquestra Som Livre
  6. "Solidão" - Amália Rodrigues e Don Byas
  7. "Refém da Solidão" - Maria Odette
  8. "Figa de Guiné" - Ana Maria e Maurício
  9. "Despedida" - Victor Hugo
  10. "Destinos" - Marília Barbosa

Internacional[editar | editar código-fonte]

Compõem a trilha sonora internacional as seguintes faixas[3] :

  1. "All In Love Is Fair" - Stevie Wonder
  2. "Funky Stuff" - Kool & The Gang
  3. "Another Song" - Michael Davis
  4. "All The Way Down" - Etta James
  5. "Songs" - B. J. Thomas
  6. "Painted Ladies" - Ian Thomas
  7. "Autumn Lovers" - Free Sound Orchestra
  8. "Love Me Or Leave Me Alone" - Dennis Yost & The Classics IV
  9. "Masterpiece" - Grover Washington Jr.
  10. "Welcome, Welcome" - The Light Reflections
  11. "Rockin' Roll Baby" - The Stylistics
  12. "Nothing Would Matter (Que Revienne)" - Michael Hirschmann
  13. "Let's Get It On" - Marvin Gaye
  14. "The Love We Share" - The Hopefulls

Referências

  1. «O Semideus». Teledramaturgia. Consultado em 16 de dezembro de 2015. 
  2. «O Semideus - Trilha Nacional». Teledramaturgia. Consultado em 16 de dezembro de 2015. 
  3. «O Semideus - Trilha Internacional». Teledramaturgia. Consultado em 16 de dezembro de 2015. 

Ligações externas[editar | editar código-fonte]