O Velho do Restelo

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
Disambig grey.svg Nota: Se procura o personagem de Camões, veja Velho do Restelo.
O Velho do Restelo
Portugal Portugal /  França
2014 •  cor •  19 min 
Realização Manoel de Oliveira
Produção Sandro Aguilar
Daniel Chabannes de Sars
Luís Urbano
Coprodução Corentin Dong-Jin Sénéchal
Argumento Manoel de Oliveira
Baseado em Camilo Castelo Branco, Teixeira de Pascoaes, Miguel de Cervantes e Luís Vaz de Camões
Elenco Luís Miguel Cintra
Ricardo Trêpa
Diogo Dória
Mário Barroso
Género drama
Música José Luís Borges Coelho
Cinematografia Renato Berta
Edição Valérie Loiseleux
Idioma português

O Velho do Restelo (Le Vieillard du Restelo, em francês) é um filme franco-português de 2014, dirigido pelo cineasta Manoel de Oliveira. Estreou no Festival de Veneza em 2 de setembro de 2014, tendo estreado em Portugal a 11 de Dezembro do mesmo ano, dia em que o realizador completou 106 anos de idade.[1]

Sinopse[editar | editar código-fonte]

Camilo Castelo Branco, Luís Vaz de Camões, Dom Quixote de La Mancha e Teixeira de Pascoaes encontram-se em um jardim da foz portuense para discutir os rumos de Portugal, o passado glorioso e o futuro incerto.

Referências

  1. Observador.pt, “O velho do Restelo”, de Manoel de Oliveira, estreia em Portugal em dezembro, reportagem de 2 de setembro de 2014 [em linha]

Ligações externas[editar | editar código-fonte]

Ícone de esboço Este artigo sobre um filme é um esboço relacionado ao Projeto Entretenimento. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.