Observatório do Alto da Sé

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Question book-4.svg
Esta página ou secção cita fontes confiáveis e independentes, mas que não cobrem todo o conteúdo, comprometendo a sua verificabilidade(desde abril de 2017). Por favor, adicione mais referências inserindo-as no texto. Material sem fontes poderá ser removido.
Encontre fontes: Google (notícias, livros e acadêmico)
Observatório Astronômico do Alto da Sé
Observatório Astronômico do Alto da Sé - Olinda - Pernambuco - Brasil.jpg
Informações gerais
Status Aberto ao público
Organização Espaço Ciência
Lançamento 1896
Informações do telescópio
Localização atual Alto da Sé, Olinda,  Pernambuco
Altitude 56m
Instrumentos
BK DOB 10" 254mm
' 200mm
' 300mm
Startec 15EQST 150mm

O Observatório Astronômico do Alto da Sé é um observatório localizado em Olinda, Pernambuco, Brasil. Foi construído próximo ao local onde, em 1860, o astrônomo francês Emmanuel Liais detectou o Cometa Olinda, primeiro cometa descoberto na América Latina.

História[editar | editar código-fonte]

O observatório foi construído no ano de 1896 em estilo neoclássico, durante o governo de Alexandre José Barbosa Lima.[1]

Em 26 de fevereiro de 1860 um cometa foi observado próximo ao local, ficando conhecido como Cometa Olinda, o primeiro cometa descoberto na América Latina.[2] Em 6 de dezembro de 1882, astrônomos foram na região observar o fenômeno conhecido como trânsito de Vênus. Após esses eventos foi construído o observatório para estudos dos astros.

Em 1922 o espaço tornou-se uma estação meteorológica, sendo desativado no ano de 1960. Foi apenas em 2004 que o Espaço Ciência assumiu a administração, instalando uma cúpula e o reinaugurando.[3] Hoje, é um observatório didático voltado a popularização do conhecimento astronômico, tendo 3 exposições, sendo elas: Lua (térreo), Marte (1° andar), Universo (Cúpula). O observatório está aberto ao público de terça ao domingo das 16h às 20h.

Referências

  1. «Observatório Astronômico | Espaço Ciência». www.espacociencia.pe.gov.br. Consultado em 9 de setembro de 2016 
  2. «O primeiro cometa do Brasil - Notícias - Ciência». Consultado em 9 de setembro de 2016 
  3. «Observatório Astronômico de Olinda convida visitante a se tornar explorador do Espaço - MundoBit». 20 de janeiro de 2013. Consultado em 9 de setembro de 2016 
Ícone de esboço Este artigo sobre Geografia do Brasil é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.