Ola Ullsten

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ola Ullsten
Ministro das Relações Exteriores
Período 12 de outubro de 1979
a 8 de outubro de 1982
Primeiro-Ministro Thorbjörn Fälldin
Antecessor(a) Hans Blix
Sucessor(a) Lennart Bodström
Primeiro-Ministro da Suécia Suécia
Período 18 de outubro de 1978
a 12 de outubro de 1979
Monarca Carlos XVI Gustavo
Antecessor(a) Thorbjörn Fälldin
Sucessor(a) Thorbjörn Fälldin
Ministro da Cooperação para
o Desenvolvimento Internacional
Período 8 de outubro de 1976
a 18 de outubro de 1978
Primeiro-Ministro Thorbjörn Fälldin
Antecessor(a) Gertrud Sigurdsen
Sucessor(a) Lena Hjelm-Wallén
Dados pessoais
Nome completo Stig Kjell Olof Ullsten
Nascimento 23 de junho de 1931
Umeå, Bótnia Ocidental,
 Suécia
Morte 28 de maio de 2018 (86 anos)
Öja, Gotlândia,  Suécia
Progenitores Mãe: Stina Rörström
Pai: Carl Augustinus Ullsten
Esposas Evi Esko (1961–1981)
Louise Beaudoin (1989–2018)
Partido Popular Liberal

Stig Kjell Olof Ullsten (Umeå, 23 de junho de 1931 – Öja, 28 de maio de 2018) foi um diplomata e político da Suécia, membro do Partido Popular Liberal. Ocupou o lugar de primeiro-ministro da Suécia de 18 de outubro de 1978 a 12 de outubro de 1979.[1]

Antecedentes e início de carreira[editar | editar código-fonte]

Ullsten nasceu em Teg, Västerbotten, uma pequena cidade que seria anexada como parte da capital do condado de Umeå. Ele é filho do inspetor florestal Carl Augustin Ullsten (14 de agosto de 1892 - 27 de março de 1977) e da professora Kristina Ullsten (nascida Röström; 27 de fevereiro de 1900 - 23 de março de 1993).[2] Ullsten juntou-se à Juventude Liberal da Suécia e ao Partido do Povo na primavera de 1958.[3]

Em sua juventude, ele fez várias viagens aos Estados Unidos e, em 1959, participou ativamente da campanha bem-sucedida para eleger o governador de Nova York pelo republicano liberal Nelson Rockefeller. Ele serviu como chefe da Juventude Liberal da Suécia entre 1962 e 1964 e foi eleito para o parlamento em 1964.

Nomeações ministeriais e políticas[editar | editar código-fonte]

Após a formação em 1976 do primeiro governo não socialista na Suécia em 40 anos, ele foi nomeado Ministro do Desenvolvimento Internacional. Quando o líder do Partido Liberal, Per Ahlmark, renunciou em 1978, Ullsten foi eleito líder do partido.

Primeiro Ministro da Suécia[editar | editar código-fonte]

O governo de coalizão de centro-direita da Suécia se desfez no final de 1978, principalmente devido a divergências sobre a política energética. Ullsten então sucedeu ao posto de primeiro-ministro da Suécia, chefiando um governo minoritário composto pelo Partido Liberal e ministros independentes. Após a sobrevivência bem-sucedida da coalizão nas eleições parlamentares de 1979, ele renunciou ao cargo de primeiro-ministro em favor de Thorbjörn Fälldin, seu antecessor.

Carreira posterior[editar | editar código-fonte]

Ele então serviu como Ministro das Relações Exteriores sob o novo governo de três partidos de Thorbjörn Fälldin de 1979 a 1982. Mais tarde, ele serviu como Embaixador da Suécia no Canadá, também credenciado nas Bahamas de 1984 a 1989 e na Itália, também credenciado na Albânia de 1989 a 1995.[4]

Vida pessoal[editar | editar código-fonte]

Em 1961 casou-se com Evi Esko (29 de outubro de 1931 - 2 de janeiro de 1992), filha dos professores Roman Esko e Elsa Tammik.[5] Eles se divorciaram em 1981 e em 1989 Ullsten se casou com Louise Beaudoin (nascida em 1954).

Ullsten morreu em 28 de maio de 2018 aos 86 anos de causas naturais.[6][7]

Bibliografia[editar | editar código-fonte]

  • Folkpartiet och reformerna: liberala riksdagsinitiativ 1902-1960 (1960)
  • Guide-lines for international development co-operation (1978)
  • Liberaler om utveckling (1978)
  • Sweden and the developing countries (1979)
  • Vad ska vi göra med kulturpolitiken?: anföranden och kommentarer kring den svenska kulturpolitikens "fem-årsdag" (1979)
  • Lättsinnet i siffror: en sammanfattning av socialdemokraternas ställningstaganden till de 15 viktigaste besparingsförslagen (1982)
  • Kämpande liberalism: anförande (1982)
  • Ola Ullsten: partiledaren, demokraten, internationalisten, folkpartisten, statsministern, idédebattören (1983)
  • Så blev det (2013)

Ver também[editar | editar código-fonte]

Referências

  1. «Ola Ullsten är död: "En varm person med ett stort hjärta"» (em sueco) 
  2. Bergstrand, Mats (2010). Bergstrand, Mats; Ohlsson, Per T., eds. Ola Ullsten. Col: Sveriges statsministrar under 100 år ; 18 (em sueco). Stockholm: Bonnier. pp. 15–16. ISBN 9789100119744 
  3. Ahlmark, Per (2011). Gör inga dumheter medan jag är död!: memoarer (em sueco). Stockholm: Atlantis. p. 307. ISBN 978-91-7353-470-3 
  4. Uddling, Hans; Paabo, Katrin, eds. (1992). Vem är det: svensk biografisk handbok. 1993 [Who is it: Swedish biographical handbook. 1993] (em sueco). Stockholm: Norstedt. p. 1127. ISBN 91-1-914072-X 
  5. Lagerström, Sten, ed. (1968). Vem är det: svensk biografisk handbok. 1969 [Who is it: Swedish biographical handbook. 1969] (em sueco). Stockholm: Norstedt. p. 978 
  6. «Tidigare stadsministern Ola Ullsten är död» (em sueco). Sveriges Television. 28 de maio de 2018. Consultado em 29 de maio de 2018 
  7. Sweden’s former prime minister, Ola Ullsten, dies aged 86


Precedido por
Thorbjörn Fälldin
Primeiro-ministro da Suécia
1978–1979
Sucedido por
Thorbjörn Fälldin