Oles Buzina

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
Oles Buzina
Oles Buzina em 2008
Nascimento 13 de julho de 1969
Kiev, Ucrânia
Morte 16 de abril de 2015 (45 anos)
Kiev, Ucrânia
Nacionalidade Ucrânia Ucraniano
Ocupação Jornalista

Oles Buzina (Kiev, 13 de julho de 1969 - Kiev, 16 de abril de 2015) foi um jornalista ucraniano.[1]

Buzina era conhecido por criticar e fazer oposição à Petro Porochenko. Foi colunista e editor do jornal diário «Sievódnia» ("Hoje", em russo). Também escreveu centenas de artigos sobre temas sócio-políticos, sociais, legais e econômicos. Seus trabalhos foram publicados por muitos veículos, mas especialmente no jornal Verdade Ucraniana.[2] Chegou também a concorrer às eleições legislativas pelo Bloco Russo, não tendo conseguido ser eleito.[3]

Oles Buzina, jornalista ucraniano pró-russo assassinado em Kiev no dia 16 de abril de 2015. Na foto de 2009 atingido com bolo por Alexandra Chevchenko do grupo FEMEN.[4]

Foi morto a tiros a poucos metros do apartamento em que vivia em Kiev.[5]

Referências

  1. «Pro-Russia journalist shot dead in Kiev» (em inglês). The Guardian. 16 de abril de 2015. Consultado em 16 de abril de 2015 
  2. «Três conhecidos críticos de Poroshenko são assassinados em três dias em Kiev». Sputnik Brasil. 16 de abril de 2015. Consultado em 16 de abril de 2015 
  3. «Mortes de figuras da oposição ensombram clima político na Ucrânia». Público. 16 de abril de 2015. Consultado em 17 de abril de 2015 
  4. France 24 - Prominent Pro-Russian Ukrainian journalist killed in Kiev Arquivado em 26 de junho de 2015, no Wayback Machine., 16/04/2015
  5. «Jornalista ucraniano é morto a tiros em Kiev». G1. 16 de abril de 2015. Consultado em 16 de abril de 2015 
Ícone de esboço Este artigo sobre um(a) jornalista é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.