Olho d'Água das Flores

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Município de Olho d'Água das Flores
Bandeira de Olho d'Água das Flores
Brasão de Olho d'Água das Flores
Bandeira Brasão
Hino
Aniversário 2 de dezembro
Fundação 2 de dezembro de 1953
Gentílico olhodaguense
Prefeito(a) Maria Ester Damasceno Silva (PMDB)
(2013–2016)
Localização
Localização de Olho d'Água das Flores
Localização de Olho d'Água das Flores em Alagoas
Olho d'Água das Flores está localizado em: Brasil
Olho d'Água das Flores
Localização de Olho d'Água das Flores no Brasil
09° 32' 09" S 37° 17' 38" O09° 32' 09" S 37° 17' 38" O
Unidade federativa  Alagoas
Mesorregião Sertão Alagoano IBGE/2008[1]
Microrregião Batalha IBGE/2008[1]
Municípios limítrofes Carneiros, Jacaré dos Homens, Major Izidoro, Monteirópolis, Olivença, Santana do Ipanema.
Distância até a capital 206 7 km
Características geográficas
Área 183,440 km² [2]
População 20 367 hab. IBGE/2010[3]
Densidade 111,03 hab./km²
Altitude 286 m
Clima temperado
Fuso horário UTC−3
Indicadores
IDH-M 0,686 médio PNUD/2000[4]
PIB R$ 76 211,105 mil IBGE/2008[5]
PIB per capita R$ 3 723,97 IBGE/2008[5]
Página oficial

Olho d'Água das Flores é um município brasileiro do estado de Alagoas. Sua população estimada em 2004 era de 21.348 habitantes.


História[editar | editar código-fonte]

Em 1800, o Padre António Duarte, encontrou um olho d’água ao pé de uma serra, ai resolveu fixar-se, construindo depois, uma choupana, que passou a ser ponto de pouso dos que transitavam no local. Perto dessa nascente brotou uma árvore, provavelmente um pau d’arco. Na época de floração cobria-se de tantas flores que, tangidas pelo vento, suas pétalas formavam verdadeiro tapete à superfície da água.

Esse fato, repetindo-se várias vezes, fez com que os viajantes que passavam pela rancharia do Padre António Duarte, denominassem-na de Olho d’Água das Flores, nome que a tradição ainda conserva. Olho d’Água das Flores continuou por muito tempo um simples pouso para viajantes até que, em 1884, veio residir na localidade os irmãos Ângelo e Gil de Abreu, cidadão trabalhador que, aos poucos, foi incentivando a agricultura e pecuária, construindo estradas carroçáveis, açudes etc. Edificou uma capela sob a invocação de Santo Antônio, padroeiro da localidade. Data, daí, o início da povoação.

A Lei n° 108, de 24 de agosto de 1948, criou o distrito judiciário de Olho d’Água das Flores, no município de Santana do Ipanema. Através da Lei n° 1473, de 17 de dezembro 1953, criou o município de Olho d’Água das Flores, com território desmembrado de Santana do Ipanema.

Localização e acesso[editar | editar código-fonte]

O município de Olho d'Água das Flores está localizado na região centro-oeste do Estado de Alagoas, limitando-se ao norte com os municípios de Santana do Ipanema e Carneiros, a sul com Monteirópolis e Jacaré dos Homens, a leste com Olivença e Major Isidoro, e a oeste com [[eA área municipal ocupa 183,5 km² (0,70% de AL), inserida na mesorregião Sertão Alagoano e na microrregião Batalha, predominantemente na Folha Pão de Açúcar (SC.24ghrew-X-D-IV) e,gerpelo MINTER/SUDENE em 1989.

A sede do município tem uma altitude aproximada de 286 m e coordenadas geográficas de 9°32’09,6’’ de latitude sul e 37hrodovia pavimentada BR-316 e AL-130 sentido norte da cidade, com percurso total em torno de 207 km. E também através da rodovia AL-220, sentido sul.

Curiosidades[editar | editar código-fonte]

[6] Cidade sede do time de futebol CEO. Time da primeira divisão do Campeonato Alagoano de Futebol nos anos de 2012 e 2013.

Terra natal de Hermeto Pascoal, músico criativo, conhecido nos quatro cantos do mundo divulgando a música brasileira, e suas influências nordestinas. Nascido em Olho d´Água das Flores em 22 de junho 1936 e criado em Lagoa da Canoa, Hermeto Pascoal faz Musica Universal, e é maestro, arranjador, compositor e multi-instrumentista. Executa com extrema criatividade, piano, teclados, flautas, saxofones, bombardino, violão, acordeão, contrabaixo, trompete, percussão e vários outros instrumentos criados por ele.

É admirado e idolatrado internacionalmente por diversas correntes de grandes músicos eruditos, populares, jazzistas e cantores pela música livre universal, com extrema criatividade, riqueza melódica e arranjos ousados.

Desde o lançamento do classico Slaves Mass em 76, Hermeto começou a ter uma forte projeção internacional. Com o nome já reconhecido pelo talento, pela qualidade e por sua criatividade, tornou-se, juntamente com seu grupo, a atração de diversos eventos importantes, como o I Festival Internacional de Jazz, em 1978, em São Paulo, contando com a participação de Chick Corea,John McLaughlin e Stan Getz, que fizeram questão de dar uma "canja" com o grupo.

No ano seguinte, participou do Festival de Montreux, na Suíça, onde seu trabalho com o grupo foi ovacionado, resultando num álbum duplo Hermeto Pascoal Montreux ao vivo, com participação do musico Nivaldo Ornellas. O único defeito neste referido album duplo foi que as musicas foram severamente editadas, devido ao limitado tempo do vinil. Contudo, a apresentação do musico foi fabulosa, gerando o melhor disco ao vivo gravado por um artista brasileiro. Inclusive, a respeito desta mesma apresentação, o "bruxo dos sons", como é chamado, salvou a apresentação da cantora Elis Regina, que se apresentou após Hermeto, e era tida como uma das promessas do Festival. A dupla se uniu no palco para a execução de classicos como Rebento e Aguas de Março, só com piano e voz. A tensão entre os dois acabou por gerar um momento unico na história da música, já que a "jam session" foi considerada melhor que o show completo da cantora. O evento foi registrado para a posteridade no disco Elis Regina - Montreux Jazz Festival 1979, lançado em 1982, após a morte da cantora. Seguiu para o Japão, onde se apresentou com o grupo no festival Live Under the Sky, com a participação de Sadao Watanabe. Em 1979 Hermeto e grupo participam de uma tournê pela Argentina (teatro Nacional e estádio "Obras sanitárias") e sul do Brasil, juntamente com Dizzy Gillespie. Tocou em vários festivais no Brasil , como no festival de verão do Guarujá no inicio de 1980.

Em março desse mesmo ano, os músicos Cacau de Queiroz e Nenê deixam o grupo e Hermeto renova sua formação; entram Marcio Bahia e Carlos Malta. Lançou o Cérebro Magnético em 1981 e multiplica suas apresentações pela Europa.

Referências

  1. a b Divisão Territorial do Brasil Divisão Territorial do Brasil e Limites Territoriais Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE) (1 de julho de 2008). Visitado em 11 de outubro de 2008.
  2. IBGE (10 out. 2002). Área territorial oficial Resolução da Presidência do IBGE de n° 5 (R.PR-5/02). Visitado em 5 dez. 2010.
  3. Censo Populacional 2010 Censo Populacional 2010 Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE) (29 de novembro de 2010). Visitado em 11 de dezembro de 2010.
  4. Ranking decrescente do IDH-M dos municípios do Brasil Atlas do Desenvolvimento Humano Programa das Nações Unidas para o Desenvolvimento (PNUD) (2000). Visitado em 11 de outubro de 2008.
  5. a b Produto Interno Bruto dos Municípios 2004-2008 Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística. Visitado em 11 dez. 2010.
  6. HERMETO PASCOAL.

Ligações externas[editar | editar código-fonte]

Wikisource
O Wikisource contém fontes primárias relacionadas com Olho d'Água das Flores
Ícone de esboço Este artigo sobre municípios do estado de Alagoas é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.