One Last Time

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
"One Last Time"
Single de Ariana Grande
do álbum My Everything
Lançamento 10 de fevereiro de 2015
Formato(s) Download digital
Gravação 2014
Gênero(s) Dance-pop, R&B
Duração 3:17
Gravadora(s) Republic
Composição David Guetta, Savan Kotecha, Giorgio Tuinfort, Rami Yacoub, Carl Falk
Produção Falk, Rami, Ilya, Tuinfort, Kotecha
Cronologia de singles de Ariana Grande
"Santa Tell Me"
(2014)
"Adore"
(2015)

"One Last Time" é uma canção da cantora e compositora estadunidense Ariana Grande. A canção foi lançada gratuitamente na iTunes Store em 22 de agosto de 2014 como segundo single promocional do segundo álbum de estúdio de Grande, My Everything (2014).Em 10 de fevereiro de 2015, "One Last Time" foi lançada para as rádios de formato contemporary hit como 5º single do álbum.[1] O famoso DJ e produtor David Guetta participou na composição do tema (apesar de, ao contrário do que seria de esperar, não ter sido um dos produtores do mesmo).

Na sequência do atentado na Manchester Arena, que ocorreu após o concerto de Ariana no mesmo local ter terminado, "One Last Time" foi adotada como tema de homenagem às vítimas do ataque. "One Last Time" foi o penúltimo tema que Ariana interpretou no espetáculo One Love Manchester, organizado em memória das vítimas do atentado, com praticamente todos os artistas que participaram do mesmo atrás da cantora.[2]

Recepção da crítica[editar | editar código-fonte]

A canção recebeu avaliações positivas dos críticos, que elogiaram os vocais de Ariana. John Mychal Feraren, da FDRMX, deu a "One Last Time" 4,2 de 5 estrelas, apelidando "One Last Time" de "uma excelente adição à lista de canções de sucesso de Ariana". Feraren afirmou que a "produção musical surpreendente" do single "é facilmente conjugada com voz sensual da cantora". Acrescentou ainda que Ariana "pode transformar uma música vazia em uma obra-prima, e nem muitos artistas de hoje pode fazer isso, por isso, Ariana é realmente abençoada por ter essa capacidade". Em outra nota, o crítico da FDRMX afirmou que Ariana tem a capacidade de levar os ouvintes a novas dimensões". O site PPcorn.com também elogiou "One More Time", mas criticou a letra do tema, afirmando que, apesar de canção "significar realmente alguma coisa", os versos 'Need to be the one who takes you home / One more time / I promise after that, I’ll let you go" ["Preciso ser quem te leva para casa / Mais Uma vez / Prometo que, depois disso, te vou deixar ir"] "um pouco patéticos". Lucas Villa, do AXS, referiu que "One Last Time" é o primeiro single de Grande desde "Baby I" (2013) que não conta com a participação vocal de mais nenhum artista. Ele elogiou a "sinceridade e graciosidade" da canção e acrescentou que "One Last Time" mostra um lado mais vulnerável da cantora, que "destaca os vocais doces" da mesma. Jason Lipshutz, da Billboard, afirmou que a canção "demonstra maturidade e a recém descoberta ambição" de Grande em My Everything.

Performances ao vivo[editar | editar código-fonte]

Grande apresentou a canção no programa The Tonight Show Starring Jimmy Fallon em 1 de fevereiro de 2015.[3] Ela cantou a música mais uma vez no intervalo do jogo NBA All-Star Game, em 15 de fevereiro de 2015 junto com outras canções de sucesso.

Para além de ter interpretado o tema no concerto One Love Manchester, em 4 de junho de 2017, Ariana incluiu também "One Last Time" nas suas turnês The Honeymoon Tour (2015) e Dangerous Woman Tour (2017).

Vídeo musical[editar | editar código-fonte]

O videoclipe foi dirigido por Max Landis e retrata o fim do mundo. Antes da estreia do vídeo oficial, Landis escreveu o seguinte no Twitterː "A Terra passará catastroficamente pela cauda do cometa Eurydice em uma semana. Fique junto dos seus familiares e seus entes queridos". O vídeo foi filmado no início de janeiro de 2015 e Ariana explicou que ele era muito original e diferente, afirmando o seguinteː"Liguei para o Max [Landis] e eu disse 'quero fazer algo que termina exatamente assim', e descrevi o plano final". Ariana pediu igualmente a Landis que o videoclipe desse a ilusão de ter sido gravado em um único take. Landis respondeu a Ariana que esses pedidos eram "ambiciosos", "arrojados" e "diferentes", mas que iriam tentar esses mesmos conceitos. Um dia depois, Ariana afirmou que "o conceito era super legal", dizendo também que estava "muito nervosa devido a isso" e descrevendo o conceito do videoclipe como "único e estranho", mas também "emocionante".

O vídeo oficial da música foi lançado no canal da cantora no VEVO em 15 de fevereiro de 2015 e, até outubro do mesmo ano, acumulou 160 milhões de visualizações. Em meados de junho de 2017, o vídeo já havia ultrapassado os 260 milhões de visualizações.

Sinopse[editar | editar código-fonte]

No vídeo, surgem reportagens em monitores sobre o fato de Terra estar em rota de colisão com a cauda do cometa (fictício) Eurydice. Nas mesmas reportagens, são relatados o pânico e os tumultos que vão ocorrendo a nível mundial. Em todo o resto do vídeo, o mesmo é apresentado na perspectiva de uma câmera de vídeo amadora, utilizada pelo namorado de Grande (interpretado por Matt Bennett). Ambos estão presos no trânsito, tentando deixar a cidade (nesse momento, Leon Thomas III faz uma aparição de óculos escuros). Grande parece está calma e quer ver o cometa. Impaciente, ela sai do carro enquanto Bennett a segue. Grande e o namorado passam por um grupo de pessoas, mas a polícia acaba por impedir o par de avançar. Enquanto isso, o cometa entra em erupção no céu e Grande consegue passar pela multidão, ao contrário da personagem de Bennett. O namorado de Ariana acaba por atravessar uma ambulância aberta e chegar à namorada em um corredor, que os conduz até um complexo de apartamentos. Os dois entram na casa de uma família e tentam sair por uma outra porta. Logo a seguir, há uma explosão no prédio, que mata os dois. O par de namorados prossegue e entra em uma sala cheia de telas de televisão falando sobre o cometa. Porém, quando tentam sair da sala, eles são atacados por um homem. Ambos conseguem escapar. Grande e Bennett acabam por chegar ao piso exterior do prédio (o último piso). A câmera é, então, baixada, mostrando os dois abraçados pela última vez e o cometa acabando por colidir com o local.

Alegação de plágio[editar | editar código-fonte]

Devido a semelhanças entre o videoclipe de "One Last Time" e o do single "You Are the One", da banda australiana Safia, Grande e Landis foram acusados de plágio e violação de propriedade intelectual. A polêmica se centrou nas semelhanças entre os temas apocalípticos e os estilos de gravação (baseado em um único take) dos dois videoclipes, assim como nas parecenças de conceito das cenas iniciais (uma protagonista feminina sai de um veículo, apesar da vontade contrária do protagonista do sexo masculino, que dirige esse mesmo veículo) e finais (abraço entre os dois namorados, enquanto o mundo acaba em torno deles) dos dois vídeos. Os membros da banda descreveram as semelhanças como um exemplo de quando "grandes gravadoras e/ou grandes empresas cinematográficas roubam ideias de pequenos criadores independentes, que estão trabalhando muito duro para fazer algo diferente." Apesar de reconhecer as semelhanças entre os dois vídeos, Landis negou que tivesse roubado o conceito à banda Safia e afirmou que ambos os vídeos tinham muito em comum com um terceiro videoclipe, pertencente à uma banda de Perth, Injured Ninja.

Desempenho comercial[editar | editar código-fonte]

"One Last Time" estreou oficialmente na Billboard Hot 100 no número 80. Nas paradas secundárias Pop Songs e Rhythmic Songs, estreou em 28 e 38 respectivamente. À 10ª semana na Hot 100, o single chegou ao número nº13 da mesma, tornando-se o quarto tema de My Everything" (o quinto, se "Bang Bang" for também tido em conta) a entrar no top 20 da principal parada de êxitos dos EUA. Em junho de 2015, "One Last Time" ganhou o certificado de platina, assim como os quatro singles anteriores do álbum. A música também entrou no top vinte de diversos países, como no Canadá (nº 12), Austrália (nº 15) ou Nova Zelândia (nº 22).

Na França, foram lançadas duas versões da cançãoː a versão original e uma versão com o cantor francês Kendji Girac, intitulada "One Last Time (Attends-moi)" e em que o cantor canta na sua língua materna. Nesse mesmo país, a versão original de "One Last Time" chegou ai número 10, tornando-se seu primeiro tema de Ariana (e o único, à data de junho de 2017) a entrar no top 10 francês; país, enquanto a versão com Kendji Girac chegou ao número 11. Em Itália, foi lançada uma versão com o rapper italiano Fedez,

Já no Reino Unido e nos primeiros meses de 2015 (ou seja, época de lançamento do single), "One Last Time" tornou-se o 4º tema de Ariana a entrar no top 40 britânico (sucedendo aos singles número um "Problem" e "Bang Bang ", assim como o êxito de top 20 "Break Free") ao chegar à 24ª posição do UK Singles Chart. Seria o melhor posto alcançado por "One Last Time" até maio de 2017, quando o single reentrou na parada britânica, no nº 11, na sequência do atentado na Manchester Arena. Isto aconteceu, provavelmente, por os fãs de Ariana se terem esforçado para que o single chegasse a nº 1 da principal parada britânica em jeito de homenagem às vítimas do atentado.[4] Poucos dias depois do atentado, "One Last Time" acabou por ocupar a liderança da parada britânica do iTunes.[5] Duas semanas depois do seu novo pico em terras britânicas - e já após ter sido relançado como um single com fins solidários, a favor das vítimas do atentado, na sequência do concerto que Ariana e outros artistas deram em Manchester, em 4 de junho de 2017, organizado com o objetivo de homenagear as vítimas do ataque e arrecadar fundos para os sobreviventes e familiares -, "One Last Time" alcançou à vice-liderança do UK Singles Chart, ficando apenas atrás de "Despacito".[6]

Faixas e formatos[editar | editar código-fonte]

  • Download digital
N.º Título Duração
1. "One Last Time"   3:17
  • Download digital
N.º Título Duração
1. "One Last Time (Attends-moi)" (featuring Kendji Girac) 3:14
  • Download digital
N.º Título Duração
1. "One Last Time" (featuring Fedez) 3:18

Prêmios e Indicações[editar | editar código-fonte]

Ano Premio Categoria Resultado
2015 MTV Millennial Awards Hit Internacional Do Ano Venceu[7]
2015 Teen Choice Awards Melhor Música Feminina Venceu

Desempenho nas tabelas musicais[editar | editar código-fonte]

Posições[editar | editar código-fonte]

Tabela musical (2015) Melhor
posição
 Austrália (ARIA Charts)[8] 15
 Alemanha (Media Control Charts)[9] 60
 Áustria (Ö3 Austria Top 40)[10] 55
 Bélgica (Ultratop 50 de Flandres)[11] 22
 Bélgica (Ultratop 40 da Valônia)[12] 10
 Canadá (Canadian Hot 100)[13] 12
 Canadá (CHR/Top 40)[14] 3
 Dinamarca (Hitlisten)[15] 19
 Eslováquia (IFPI Slovenská Republika)[16] 8
 Estados Unidos (Billboard Hot 100) 13
 Estados Unidos (Billboard Pop Songs)[17] 6
Estados Unidos (Billboard Rhythmic)[18] 5
 Estados Unidos (Adult Pop Songs)[19] 20
 França (Syndicat National de l'Édition Phonographique)[20] 10
 Irlanda (Irish Recorded Music Association)[21] 23
 Itália (Federazione Industria Musicale Italiana)[22] 6
 Japão (Japan Hot 100)[23] 72
 Países Baixos (MegaCharts)[24] 11
 Nova Zelândia (NZ Top 40 Singles)[25] 22
 Reino Unido (UK Singles Chart) 2
 República Checa (IFPI Česká Republika)[26] 7
Suíça (Schweizer Hitparade)[27] 25
 Suécia (Sverigetopplistan)[28] 22
 Noruega (VG-lista)[29] 22

Certificações[editar | editar código-fonte]

País (Empresa) Certificação
 Austrália (ARIA) Platina[30]
 Bélgica (BEA) Ouro[31]
 Canadá (Music Canada) Ouro[32]
 Dinamarca (IFPI Dinamarca) Platina[33]
 Estados Unidos (RIAA) Platina[34]
 França (SNEP) Ouro[35]
 Itália (FIMI) 2× Platina[36]
 Países Baixos (NVPI) Ouro[37]
 Noruega (IFPI Noruega) Ouro[38]
 Polônia (ZPAV) 2× Platina[39]
 Reino Unido (BPI) Platina[40]
 Suécia (IFPI Schweiz) 2× Platina[41]

Versão com Kendji Girac[editar | editar código-fonte]

A versão francesa da canção (intitulada "One Last Time (Attends-moi)") conta com a participação do cantor francês Kendji Girac e foi lançada em 16 de fevereiro de 2015 apenas na França, Bélgica e Suíça. A canção também está incluída na versão deluxe do álbum de estreia de Kendji Girac, Kendji.

Posição[editar | editar código-fonte]

Tabela musical (2015) Melhor
posição
 França (Syndicat National de l'Édition Phonographique)[20] 11

Referências

  1. «web.archive.org/web/20150127153427/http://www.republicplaybook.com/track/ariana-grande-one-last-time/» 
  2. «One Love Manchester: Ariana Grande, Justin Bieber, Miley Cyrus, Katy Perry e mais homenageiam vítimas de atentado». G1. 4 de junho de 2017. Consultado em 9 de junho de 2017 
  3. «"Ariana Grande Just Announced Her Next Single—And She's Performing It Tonight"». Teen Vogue. 1 de fevereiro de 2015. Consultado em 4 de fevereiro de 2015 
  4. Woodward, Ellie (25 de maio de 2017). «Ariana Grande Fans Want To Send "One Last Time" To No. 1 As A Tribute To The Manchester Attack Victims» (em inglês). Buzzfeed. Consultado em 9 de junho de 2017 
  5. Cain, Dan (26 de maio de 2017). «GRANDE GESTURE Ariana Grande's 'One Last Time' hits number one in the iTunes chart as fans purchase the track in tribute to victims of Manchester bombing» (em inglês). The Sun. Consultado em 9 de junho de 2017 
  6. Faia, Amanda (9 de junho de 2017). «Luis Fonsi barra Ariana Grande do topo da parada britânica». Portal POPLine. Consultado em 9 de junho de 2017 
  7. Luvián, Karina (11 de junho de 2015). «Lista de ganadores de los MTV Millennial Awards 2015» (em espanhol). Chilango. Consultado em 11 de junho de 2017 
  8. «ARIA Australian Top 50 Singles». Australian Recording Industry Association. Consultado em 14 de julho de 2014 
  9. «Ariana Grande – One Last Time (ARIA Charts)» (em inglês). ARIA Charts. Consultado em 27 de agosto de 2014 
  10. «Ariana Grande – One Last Time (Ö3 Austria Top 40)» (em inglês). Ö3 Austria Top 40. Consultado em 27 de agosto de 2014 [ligação inativa]
  11. «Ariana Grande – One Last Time (Ultratop 50)» (em inglês). Ultratop 50. Consultado em 27 de agosto de 2014 
  12. «Ariana Grande – One Last Time (Ultratop 40)» (em inglês). Ultratop 40. Consultado em 27 de agosto de 2014 
  13. «Ariana Grande – One Last Time (Canadian Hot 100)» (em inglês). Canadian Hot 100. Consultado em 27 de agosto de 2014 
  14. «Ariana Grande - Chart history | Billboard». www.billboard.com. Consultado em 29 de julho de 2015 
  15. «Ariana Grande – One Last Time (Hitlisten)» (em inglês). Hitlisten. Consultado em 27 de agosto de 2014 
  16. «Ariana Grande – One Last Time (IFPI Slovenská Republika)» (em inglês). IFPI Slovenská Republika. Consultado em 30 de agosto de 2014 
  17. http://www.billboard.com/artist/1484343/Ariana+Grande/chart?f=381
  18. «Ariana Grande Album & Song Chart History» (em inglês). Billboard Rhythmic Songs para Ariana Grande. Consultado em 27 de março de 2014.
  19. «Ariana Grande – One Last Time (Adult Pop Songs)» (em inglês). Adult Pop Songs. Consultado em 30 de agosto de 2014 
  20. a b «Ariana Grande – One Last Time (Syndicat National de l'Édition Phonographique)» (em inglês). Syndicat National de l'Édition Phonographique. Consultado em 27 de agosto de 2014 
  21. «Ariana Grande – Love me Harder (Irish Recorded Music Association)» (em inglês). Irish Recorded Music Association. Consultado em 28 de agosto de 2014 
  22. «Ariana Grande - One Last Time (Federazione Industria Musicale Italiana)» (em inglês). Federazione Industria Musicale Italiana. Consultado em 27 de outubro de 2014 
  23. «Japan Hot 100». Billboard. Consultado em 19 de julho de 2014 
  24. «Ariana Grande – One Last Time (MegaCharts)» (em inglês). MegaCharts. Consultado em 27 de agosto de 2014 
  25. «Ariana Grande – One Last Time (NZ Top 40 Singles)» (em inglês). Recorded Music NZ. Consultado em 27 de agosto de 2014 
  26. «Ariana Grande – One Last Time (IFPI Česká Republika)» (em inglês). IFPI Česká Republika. Consultado em 30 de agosto de 2014 
  27. «Ariana Grande – One Last Time (Schweizer Hitparade)» (em inglês). Schweizer Hitparade. Consultado em 27 de agosto de 2014 
  28. «Ariana Grande – One Last Time (Sverigetopplistan)» (em inglês). Sverigetopplistan. Consultado em 27 de agosto de 2014 
  29. «Ariana Grande – One Last Time (VG-lista)» (em inglês). VG-lista. Consultado em 27 de agosto de 2014 
  30. «ARIA Australian Top 50 Singles Chart - Week ending March 18, 2013» (em inglês). Australian Recording Industry Association. Consultado em 17 de março de 2014. Arquivado do original em 3 de dezembro de 2013 
  31. «Ultratop - Goud en Platina - 2015» (em inglês). Belgian Entertainment Association. Consultado em 5 de fevereiro de 2016 
  32. «Canadian single certifications – Ariana Grande – Love Me Harder» (em inglês). Music Canada. Consultado em 5 de setembro de 2014 
  33. «Certificeringer» (em dinamarquês). IFPI Dinamarca. Consultado em 28 de outubro de 2014 
  34. «American single certifications – Ariana Grande - One Last Time» (em inglês). Recording Industry Association of America (RIAA). Consultado em 22 de dezembro de 2014 
  35. «Top Albums : Ariana Grande résiste remarquablement, Fréro Delavega plus fort que Patrick Bruel» (em francês). Charts in France. Consultado em 7 de dezembro de 2015 
  36. «Italian album certifications – Ariana Grande – One Last Time» (PDF) (em italiano). Federation of the Italian Music Industry. 1 páginas. Consultado em 2 de Outubro de 2015. Arquivado do original (PDF) em 4 de março de 2011 
  37. «Audiomarkt 2011» (PDF) (em neerlandês). Nederlandse Vereniging van Producenten en Importeurs van beeld- en geluidsdragers. Consultado em 28 de outubro de 2014. Arquivado do original (PDF) em 12 de janeiro de 2013 
  38. «IFPI Norge» (em norueguês). IFPI Noruega. Consultado em 9 de abril de 2016. Digite "Love Me Harder" na seção "Søk" e o resultado aparecerá. 
  39. «Platynowe płyty CD - Archiwum» (em inglês). Związek Producentów Audio Video. Consultado em 31 de dezembro de 2015 
  40. «British single certifications – Ariana Grande - One Last Time» (em inglês). Recording Industry Association of New Zealand. Consultado em 10 de junho de 2017 
  41. «The Official Swiss Charts and Music Community: Awards (Ariana Grande; 'Love me Harder.')» (em sami do norte). IFPI Schweiz. Consultado em 5 de setembro de 2013