Saltar para o conteúdo

Ordem Internacional do Arco-Íris para Meninas

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ordem Internacional do Arco-Íris para Meninas
Dados Gerais
Tipo de organização: Paramaçônica
Fundador: William Mark Sexson
Data de fundação: 1922
Local de fundação: McAlester  Estados Unidos
Órgão patrocinador: Maçonaria
Sede: McAlester  Estados Unidos


A Ordem Internacional do Arco-Íris para Meninas é uma Ordem Paramaçônica dedicada à edificação do caráter das adolescentes com idade entre 11 e 21 anos, com ou sem parentesco maçônico. Podem fazer parte meninas filhas de maçons ou não, necessitando apenas serem indicadas por um maçom ou de uma Menina Arco-Íris.[1]

A Ordem Internacional do Arco-Íris para Meninas surgiu em 1922,[2] época em que o mundo sofria fortes conseqüências pós 1ª Guerra Mundial. Muitos pais e irmãos que saíram para lutar não voltaram. Então percebeu a necessidade de haver algo para orientar e amparar as meninas.

Quando o maçom reverendo William Mark Sexsom, foi convidado a fazer um discurso ao Capítulo Nº 149 da Ordem da Estrela do Oriente, sugeriu a criação de Ordem, similar à Ordem DeMolay, para as meninas.

A primeira Cerimônia de Iniciação foi realizada por um grupo de 171 meninas, no dia 6 de abril de 1922, no auditório do Templo do Rito Escocês em McAlester. O nome original era "Ordem do Arco-Íris".[3]

No Brasil, as primeiras notícias sobre a Ordem Internacional do Arco-Íris para Meninas foram trazidas pelo Mestre Maçom José Rodrigues Filho (Patrono do Arco-íris no Brasil), que teve suas aspirações apoiadas pelo também Mestre Maçom João Chiarelli Salgado, grau 33°, sua esposa Mára Drummond Salgado e mais um grupo de maçons da Loja Maçônica Acácia do Oeste I nº 44 de Cascavel, Paraná. No dia 16 de maio de 1992, foi fundada a primeira Assembleia do Brasil, a Assembleia Caminho de Luz I, na cidade Cascavel, Paraná. O maçom João Chiarelli Salgado foi nomeado pela Suprema Assembleia o Supremo Deputado da Ordem do Arco-íris para o Brasil, sendo o primeiro a exercer este cargo em toda a América Latina.[4]

Localizações

[editar | editar código-fonte]

A Ordem Internacional do Arco-íris tem Assembleias em 47 estados dos Estados Unidos, bem como em vários outros países. Os estados que atualmente não têm Assembleias são Delaware, Utah e Wyoming. (Dakota do Sul instituiu a sua primeira Assembleia em 2006.)

Os países fora dos Estados Unidos, que têm Assembleias são Aruba, Austrália (em Queensland, Nova Gales do Sul e Austrália do Sul), Bolívia, Brasil (nas Jurisdições do Paraná, São Paulo, Espírito Santo, Tocantins e Maranhão e Pará), Canadá (em Ontário e Nova Brunswick), Filipinas, Itália, México e Romênia.[5]

Objetivos da Ordem Arco-íris

[editar | editar código-fonte]

A Ordem Internacional do Arco-íris para Meninas é uma organização que se propõe à edificação do caráter das adolescentes através dos preceitos:[1]

Referências

  1. a b «International Order of Rainbow Girls - Staffordshire Cup and Saucer». Consultado em 29 de novembro de 2012 
  2. Morris, S. Brent (2006). The complete idiot's guide to freemasonry. [S.l.]: Alpha Books. p. 147. ISBN 1-59257-490-4, 9781592574902 Verifique |isbn= (ajuda) 
  3. «Biography of William Mark Sexson». Winston-Salem, North Carolina: Grand Assembly of North Carolina. Consultado em 17 de novembro de 2008. Arquivado do original em 25 de dezembro de 2007 
  4. http://www.ordemarcoirispr.org.br
  5. «Global Network». Supreme Assembly. Consultado em 17 de novembro de 2008. Arquivado do original em 13 de janeiro de 2013