Ourilândia do Norte

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ourilândia do Norte
  Município do Brasil  
Símbolos
Bandeira de Ourilândia do Norte
Bandeira
Brasão de armas de Ourilândia do Norte
Brasão de armas
Hino
Apelido(s) "Gurita"
Gentílico ourilandense
Localização
Ourilândia do Norte está localizado em: Brasil
Ourilândia do Norte
Localização de Ourilândia do Norte no Brasil
Mapa de Ourilândia do Norte
Coordenadas 6° 45' 18" S 51° 05' 02" O
País Brasil
Unidade federativa Pará
Região imediata[1] Alto Xingu (Pará)
Municípios limítrofes Água Azul do Norte, Tucumã, São Félix do Xingu, Parauapebas, Bannach, Cumaru do Norte
Distância até a capital 940 km
História
Fundação 10 de maio de 1988 (34 anos)
Administração
Prefeito(a) Romildo Veloso e Silva (PSD, 2017 – 2020)
Características geográficas
Área total [2] 13 826,010 km²
População total (IBGE/2017[3]) 31 921 hab.
Densidade 2,3 hab./km²
Clima Equatorial Úmido
Altitude 280 m
Fuso horário Hora de Brasília (UTC−3)
Indicadores
IDH (PNUD/2010[4]) 0,624 médio
PIB (IBGE/2014[5]) R$ 820 014,82 mil
PIB per capita (IBGE/2014[5]) R$ 27 178,91
Sítio http://www.ourilandia.pa.gov.br (Prefeitura)

Ourilândia do Norte é um município brasileiro do estado do Pará. Localiza-se a uma latitude 06º45'17" sul e a uma longitude 51º05'02" oeste, estando a uma altitude de 280 metros. Sua população estimada em 2017 era de 31.921 habitantes. Possui uma área de 13884,89 km².

O município foi emancipado em 10 de maio de 1988, oriundo de São Félix do Xingu.

Ourilândia do Norte forma com a cidade vizinha, Tucumã, a única área conurbada do sudeste do Pará.

Infraestrutura[editar | editar código-fonte]

Saúde[editar | editar código-fonte]

O município possuía, em 2009, 15 estabelecimentos de saúde, sendo 13 públicos e 2 privados, entre hospitais, pronto-socorros, postos de saúde e serviços odontológicos. Neles havia 50 leitos para internação.[6]

Em 2014, 88,4% das crianças menores de 1 ano de idade estavam com a carteira de vacinação em dia.[7] Em 2015, foram registrados 678 nascidos vivos, ao mesmo tempo que o índice de mortalidade infantil foi de 11,0 óbitos de crianças menores de cinco anos de idade a cada mil nascidos vivos.[7] No mesmo ano, 29,3% das crianças que nasceram no município eram de mães adolescentes.[8] Cerca de 56,6% das crianças menores de 2 anos de idade foram pesadas pelo Programa Saúde da Família em 2014, sendo que 2% delas estavam desnutridas.[9]

Até 2009, Ourilândia do Norte possuía 6 estabelecimentos de saúde especializados em clínica médica, obstetrícia, pediatria e traumato-ortopedia, e nenhum estabelecimento de saúde com especialização em psiquiatria ou cirurgia bucomaxilofacial. Dos 15 estabelecimentos de saúde, apenas 1 deles era com internação.[6] Até 2016, havia 48 registros de casos de HIV/AIDS, sendo que as mulheres representavam 33,33% dos casos.[10] Entre 2001 e 2012 houve 1440 casos de doenças transmitidas por mosquitos e insetos, sendo a principal delas a dengue e a leishmaniose.[11]

Transportes[editar | editar código-fonte]

A área territorial de Ourilândia é cortada, de leste a oeste, pela rodovia estadual PA-279 que a liga à Água Azul do Norte, a leste, e; a Tucumã, no oeste. Outra via importante é a estrada vicinal PA Picadão, que liga a cidade ao Projeto Mineral Onça Puma.[12]

Referências

  1. Erro de citação: Etiqueta <ref> inválida; não foi fornecido texto para as refs de nome IBGE_DTB_2017
  2. IBGE (10 de outubro de 2002). «Área territorial oficial». Resolução da Presidência do IBGE de n° 5 (R.PR-5/02). Consultado em 5 de dezembro de 2010 
  3. «Estimativas da população residente nos municípios brasileiros com data em 1º de julho de 2017» (PDF). Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística. 30 de agosto de 2017. Consultado em 1 de setembro de 2017 
  4. «Ranking decrescente do IDH-M dos municípios do Brasil». Atlas do Desenvolvimento Humano. Programa das Nações Unidas para o Desenvolvimento (PNUD). 2010. Consultado em 21 de setembro de 2013 
  5. a b «PIB Municipal 2010-2014». Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística. Consultado em 30 de dezembro de 2016 
  6. a b Cidades@ - Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE). «Serviços de saúde - 2009». Consultado em 13 de dezembro de 2018 
  7. a b Portal ODM (2014). «4 - reduzir a mortalidade infantil». Consultado em 13 de dezembro de 2018 
  8. Portal ODM (2015). «5 - melhorar a saúde das gestantes». Consultado em 13 de dezembro de 2018 
  9. Portal ODM (2015). «1 - acabar com a fome e a miséria». Consultado em 13 de dezembro de 2018 
  10. Portal ODS (2016). «ODS 03: AIDS e outras doenças transmissíveis». Relatórios Dinâmicos. Consultado em 13 de dezembro de 2018 
  11. Portal ODM (2012). «6 - combater a Aids, a malária e outras doenças». Consultado em 13 de dezembro de 2018 
  12. Guedes, Lucilei Martins. [Deslocamento compulsório de agricultores familiares por empresas mineradoras: o caso do Projeto Onça Puma no município de Ourilândia do Norte-PA]. Belém: UFPA/Embrapa, 2012.
Ícone de esboço Este artigo sobre municípios do estado do Pará é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.