Oxigênio (álbum)

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
Oxigênio
Álbum de estúdio de Jota Quest
Lançamento 7 de julho de 2000
Gravação Maio de 2000 em AR Estúdios, Rio de Janeiro
Gênero(s) Dance punk[1]
Gravadora(s) Sony Music/Chaos
Produção Marcelo Sussekind
Cronologia de Jota Quest
De volta ao planeta
(1998)
Discotecagem Pop Variada
(2002)
Singles de Oxigênio
  1. "Oxigênio"
    Lançamento: 2000
  2. "Tele-Fome"
    Lançamento: agosto de 2000
  3. "O Que Eu Também Não Entendo"
    Lançamento: dezembro de 2000
  4. "Dias Melhores"
    Lançamento: abril de 2001
  5. "Desses Tantos Modos"
    Lançamento: outubro de 2001

Oxigênio é o terceiro álbum da banda brasileira Jota Quest, lançado no dia 7 de Julho de 2000 pela gravadora Sony Music/Chaos. O som de Oxigênio prioriza rock e música eletrônica sobre a black music dos álbuns anteriores. Além de letras de amor,[2] há uma mensagem ecológica na faixa-título "Oxigênio", que teve seus direitos autorais direcionados ao Greenpeace.[3] As críticas foram negativas, considerando as canções pouco inspiradas e com letras pobres.[4][5][6] No documentário 20%, feito à época do álbum Até Onde Vai, o grupo expressa arrependimentos sobre Oxigênio, dizendo que foi feito às pressas para aproveitar a onda de popularidade após o sucesso de "Fácil" e uma campanha publicitária de Fanta.[7]

Faixas[editar | editar código-fonte]

  1. "Oxigênio" (Rogério Flausino, Zé Ramalho)
  2. "Dias Melhores" (Rogério Flausino)
  3. "Um Raio Laser" (Pepeu Gomes, Baby Consuelo)
  4. "O Que Eu Também não Entendo" (Rogério Flausino, Fernanda Mello)
  5. "A Minha Gratidão é Uma Pessoa" (Nando Reis)
  6. "Tele-Fome" (Rogério Flausino, Paulinho Pedra Azul)
  7. "Velocidade" (Rogério Flausino, Márcio Buzelin, PJ)
  8. "Desses Tantos Modos" (Rogério Flausino, Fernanda Mello)
  9. "Ainda Mais Você" (Rogério Flausino, Marco Túlio Lara)
  10. "Locomotiva" (Rogério Flausino)
  11. "Uma Breve História" (Rogério Flausino, Marco Túlio Lara, Carlinhos Brown)
  12. "Máquina do Tempo" (Rogério Flausino, Marco Túlio Lara, Bruno Levison)
  13. "Dois Mundos" (Márcio Buzelin, Eduardo Alienígena)
  14. "Vamo Lá" (Rogério Flausino, PJ, Roger Dee)

Créditos[editar | editar código-fonte]

Jota Quest
Músicos convidados
  • Zé Ramalho: Vocal em "Oxigênio"
  • Milton Nascimento: Vocal em "Desses Tantos Modos"
  • Marcelo Sussekind: Guitarra Right e Ebow (faixas 11, 13)
  • Lincoln Olivetti: Arranjo de cordas (faixas 6, 10)
  • Violinos: Bernardo Bessler (Spalla), José Alves, João Daltro, Antonella Pareschi, Carlos Eduardo Hack, Walter Hack, Paschoal Perrota, Marie Christine Springuel, Jesuina Passaroto e Michel Bessler
  • Cellos: Yura Ranevsky e Marcus Ribeiro
  • Trompas: Lucas de Paiva e Elizeu de Carmo
  • Pedro Aristides: Trombone (faixas 3, 9, 11)
  • Chico Amaral, Ed Cortes e Milton Guedes: Saxofone (faixas 3, 9, 11)
  • Paulo Márcio: Trompete (faixas 3, 9, 11)
  • Malu Brasil, Gil Miranda e Gilce de Paula: Backing vocal (faixas 9, 11)
  • Ed Motta, Tibless & Play: Backing vocal
Equipe
  • Marcelo Sussekind - Produção, Mixagem
  • Eduardo Costa - Gravação
  • Eduardo Pop - Mixagem


Referências

Ícone de esboço Este artigo sobre um álbum de Jota Quest é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.