Pé na Tábua (filme)

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
Pé na Tábua
 Brasil
1958 •  pb •  87 min 
Direção Victor Lima
Roteiro Victor Lima
Elenco Ankito
Grande Otelo
Renata Fronzi
Gênero musical, comédia
Idioma português
Página no IMDb (em inglês)

Pé na Tábua é um filme brasileiro de comédia de 1958,[1] dirigido por Victor Lima para a Herbert Richers. Roteiro do diretor de história de Chico Anísio, com números musicais com os protagonistas Ankito e Grande Otelo (dueto com Vera Regina), Ruy Rey e Bill Farr.

Elenco[editar | editar código-fonte]

Sinopse[editar | editar código-fonte]

O motorista Petrônio e o cobrador Cabeleireiro dirigem atrapalhadamente um velho e fumacento ônibus ("lotação") pelas ruas da cidade, sofrendo e causando todo tipo de confusão, acidentes e quebras mecânicas. Elisa, a irmã de Petrônio, acidentou-se com uma motocicleta e precisa se submeter a uma cara cirurgia médica senão poderá ficar paralítica. Graças a sua vizinha e atriz Rosali, Petrônio vê uma chance de ganhar o dinheiro para ajudar Elisa ao ser contratado pela Colossal Filmes para transportar com sua lotação o elenco de uma nova película, para os locais das filmagens. Mas o protagonista do filme está sendo ameaçado por um psicopata que se autodenomina "galã desconhecido" e se recusa a continuar o trabalho. O produtor Teófilo então contrata o inocente Petrônio para ser o novo protagonista, servindo de isca para o assassino.

Referências

Ícone de esboço Este artigo sobre um filme brasileiro é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.