Pérola Negra (álbum)

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa

Pérola Negra foi o primeiro álbum lançado pelo cantor e compositor Luiz Melodia em 1973 sob direção musical de Péricles Albuquerque. A gravação do álbum veio após o sucesso das gravações de Gal Costa e Maria Bethânia em 1971 e 1972 das canções Pérola Negra e Estácio, Holy Estácio, respectivamente. Apesar do sucesso de crítica, o álbum não teve o mesmo êxito comercialmente.

O álbum mescla elementos de diversos elementos ao universo sambista que caracteriza as origens do artista e reflete influências de blues, rock, soul e até samba-canção, de um universo habitado por Billie Holiday, B.B. King, o tecladista e arranjador Taj-Mahal, os Beatles, Jorge Ben e Maria Bethânia.[1]

O álbum é famoso por conter uma participação especial do reclusivo músico marginal Daminhão Experiença, que foi convidado para contribuir com o backing vocal na faixa "Forró de Janeiro".

Foi incluído na posição 32 na Lista dos 100 maiores discos da música brasileira pela Rolling Stone Brasil.

Faixas[editar | editar código-fonte]

  1. Estácio, eu e você
  2. Vale quanto pesa
  3. Estácio, Holy Estácio
  4. Pra Aquietar
  5. Abundantemente morte
  6. Pérola Negra
  7. Magrelinha
  8. Farrapo Humano
  9. Objeto H
  10. Forró de janeiro

Regravações[editar | editar código-fonte]

As canções deste álbum foram regravadas diversas vezes por vários artistas brasileiros, como Caetano Veloso, Cássia Eller, Jards Macalé, Arnaldo Antunes, etc.

Referências