Pó de mico

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.

O pó-de-mico, causa enormes ataques de coceira na pele, por maior que seja a prudência, em quem se aproxima dos lugares nos quais se acumulam. A planta leva esse nome tendo em vista o formato de sua vagem, algumas fontes indicam também que o nome se dá pela reação da pessoa em contato com o pó que se coçaria feito um macaco.

A dispersão dos tricomas (cerdas que revestem a vagem) quando em contato com a pele humana gera reações alérgicas terríveis, podendo levar a formação de feridas.

No Brasil[editar | editar código-fonte]

A Vagem da mucuna pruriens é recoberta com pelos (tricomas), dos quais se extraí o pó de mico

No Brasil, o pó de mico é oriundo dos tricomas que cobrem as superfícies das vagens de trepadeiras ou arbustos do gênero mucuna, conhecidos como olho-de-boi, mucunã, plantas que também são conhecidas por pó-de-mico. O tricoma destas plantas possui uma enzima proteolítica chamada mucunaína que provoca intensa coceira quando em contato com a pele. O pó-de-mico causa grande intoxicação e vermelhidão no nariz se for inalada . É também utilizado como brincadeira de mau gosto, onde é lançado sobre outra pessoa a fim de provocar coceira.

Onde Encontrar[editar | editar código-fonte]

É fácil encontrar essa substância em lojas de produtos espiritualistas ou que vendam produtos para a prática de Candomblé e Umbanda, mas também podem ser encontradas em farmácias locais.

https://jornaldebrasilia.com.br/cidades/reacao-a-po-de-mico-leva-16-estudantes-para-o-hospital/#:~:text=Marcas%20e%20vermelhid%C3%A3o%20na%20pele,alergia%20e%20coceira%20na%20pele.