PS/2

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Conector PS/2

Ps-2-ports.jpg

As portas de conexão PS/2 codificadas em cor (roxo para teclado e verde para mouse)

Tipo Conector de dados de Teclado e mouse
História de produção
Criador IBM
Projetado 1987
Substituiu Conector DIN e conector DE-9
Substituído por Universal Serial Bus (USB)
Especificações
Sinal de dados Dados seriais em 10-16 kHz com 1 bit de parada, 1 bit de início, 1 bit de paridade (odd)
Pinos 6
Conector Mini-DIN
Pinagem
MiniDIN-6 Connector Pinout.svg

Conector fêmea de frente
Pino 1 +DATA Dados
Pino 2 Não conectado
Pino 3 GND Terra
Pino 4 Vcc +5 V DC em 275 mA
Pino 5 +CLK Clock
Pino 6 Não conectado


O conector PS/2 é um conector mini-DIN de 6 pinos usado para conectar alguns teclados e mouses a um sistema de computador compatível com PC. Seu nome vem da série de computadores pessoais IBM Personal System/2, com o qual ele foi introduzido em 1987. O conector de mouse PS/2 geralmente substitui antigos conectores de "mouses seriais" DE-9 RS-232, enquanto o conector de teclado PS/2 substituiu o conector DIN mais largo de 5 pinos/180º usado no desenho do IBM PC/AT. Os desenhos PS/2 nas interfaces de teclados e mouses são eletricamente similares e empregam o mesmo protocolo de comunicação. Entretanto, a porta de teclado ou mouse de um determinado sistema pode não ser intercambiável uma vez que os dois dispositivos usam um conjunto de comandos diferentes.

Protocolo de comunicação[editar | editar código-fonte]

A comunicação é serial, síncrona e bidirecional.[1] O dispositivo conectado gera o sinal de relógio. O hospedeiro controla a comunicação usando a linha de relógio. Quando o hospedeiro puxa o relógio para baixo, a comunicação do dispositivo é inibida.

Referências

Ligações externas[editar | editar código-fonte]


Ícone de esboço Este artigo sobre hardware é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.