Pampa (cavalo)

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Cavalo Pampa
Faça upload de imagem de autoria própria
Nome em inglês Pampa horse
Origem  Brasil
Temperamento Dócil
Pelagem conjugada
Uso Sela
Influências Quarto de milha, Anglo-Árabe, Campolina, Mangalarga marchador, Crioulo, Puro-sangue inglês, etc
Altura maior que 1,40-1,45 m.

O cavalo pampa é uma raça de cavalos originária do Brasil e que (a exemplo da raça americana Paint Horse) recebeu este nome devido à sua característica pelagem malhada, conhecida como pelagem pampa.[1] [2] [3]

Características[editar | editar código-fonte]

O padrão da raça é estabelecido pela Associação Brasileira de Criadores do Cavalo Pampa (ABC Pampa) que foi fundada em 1993 e conta com mais de 12.000 animais registrados em seu Stud Book e 1.500 associados, sendo 800 considerados ativos e regulares. O principal objetivo da associação é o aprimoramento do cavalo Pampa com aptidão esportiva e de lazer, sendo aceitos cavalos de origem em diversas raças. A base da formação é a de um cavalo de padrão morfológico internacional para sela, preservando as modalidades de andamento.[4] [5] [6]

Aparência[editar | editar código-fonte]

Possui pelagem pampa conjugada, com as pelagens sólidas contidas no regulamento, sendo que o animal deverá ter no mínimo uma área de pelos brancos sobre pele despigmentada medindo em torno de 100 cm², podendo ser composta de, no máximo, duas manchas formando a área total. Os machos devem possuir altura mínima de 1,45 m na cernelha; enquanto que as fêmeas devem possuir altura mínima de 1,40 m na cernelha. O peso médio de um cavalo Pampa é de cerca de 500 Kg.[7] [8]

Andamento[editar | editar código-fonte]

Dividido em cinco categorias:[9] [10]

  • Marcha batida: andamento dissociado a quatro tempos bem definidos e quatro batidas que se aproximam duas a duas na sonoridade.  Há predominância dos avanços dos bíceps em diagonal e momentos de tríplice apoio.
  • Marcha picada: andamento igual à da Marcha batida, porém, há predominância dos avanços dos bíceps em lateral e momentos de tríplice apoio.
  • Marcha de centro(intermediária): andamento dissociado a quatro tempos bem definidos e quatro batidas, com espaçamento aproximadamente iguais, com momentos de tríplice apoio e em que não se evidencia predominância do deslocamento dos bíceps em diagonais ou laterais.
  • Marcha trotada: andamento de avanços diagonais sincronizados, em dois tempos, em que não se observa nitidamente o momento de suspensão para troca dos apoios.
  • Trote: andamento de avanços diagonais sincronizados, em dois tempos, em que se observa nitidamente o momento de suspensão para a troca dos apoios.

Ver também[editar | editar código-fonte]

Ligações externas[editar | editar código-fonte]

Referências

Ícone de esboço Este artigo sobre cavalos, integrado no Projeto Mamíferos é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.