Panzerotti

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Um panzerotto servido em Milão.

A panzerotto (pronúncia italiana: [pantseˈrɔtto]) (Sobre este somouvir ), também conhecido como panzarotto[1] (pronúncia italiana: [pantsaˈrɔtto]) plural panzerotti, é um tipo de massa salgada que lembra um calzone pequeno, tanto no formato quanto no tipo de massa usada para seu preparo. A palavra usualmente se aplica à massa frita em vez daquela assada no forno (isto é, o calzone),[2] embora calzoni e panzerotti sejam frequentemente confundidos um com o outro.[2][3][4][5]

O panzerotto origina-se na culinária do Centro e do Sul da Itália , mas tornou-se muito popular nos Estados Unidos e no Canadá, onde é muitas vezes chamado de panzerotti (Sobre este somouvir ) ou panzarotti como um substantivo no singular (plural panzerotties/panzarotties ou panzarottis/panzarottis).[6]

Etimologia[editar | editar código-fonte]

O substantivo panzerotto vem do diminutivo de panza, uma variação regional do italiano pancia ("barriga, pança"), referindo-se ao distintivo inchaço da receita, que remete a uma barriga inchada em sentido figurado.[7]

Embora sejam etimologicamente relacionados, a palavra pansoti (pronúncia italiana: [panˈsɔti]) refere-se a uma receita totalmente diferente do panzerotti, caracterizada por ser uma espécie de ravioli que é típica de Gênova.

Itália[editar | editar código-fonte]

Panzerotti cozidos

Os panzerotti originaram-se no Centro e no Sul da Itália, especialmente na culinária da Apúlia. Eles basicamente são pequenas versões dos calzoni mas sendo usualmente fritos em vez de assados, a razão pela qual também são conhecidos como calzoni fritti ("calzones fritos") ou pizze fritte ("pizzas fritas") na Itália, mais tipicamente na Campânia. Em partes da Apúlia, tais como Molfetta e Mola di Bari,[8] panzerotti também são chamados de frittelle ou frittelli,[9][10][11] enquanto em Brindisi são conhecidos como fritte (uma variação local de frittelle).[12] Também pode-se encontrar os panzerotti cozidos, similares ao ravioli.

Os recheios mais comuns para esta receita são de tomate e mussarela, mas espinafre, cogumelos, "milho bebê" e presunto são frequentemente usados. Outro recheio de cebola mexidas e fritas no azeite e temperadas com anchovas salgadas e alcaparras, um tempero que, misturado com pão, também é usado para rechear pimentões na Apúlia.

Uma receita diferente para panzerotti é a de panzerotti di patate ("panzerottis de batata"), uma especialidade de Salento, que consiste de croquetes de purê de batata, em vez de panzerotti como normalmente se pretende associar.[13]

América do Norte[editar | editar código-fonte]

Os panzerotti também são consumidos na América do Norte, onde foram trazidos pelos imigrantes do Sul da Itália na época da diáspora italiana.

Ver também[editar | editar código-fonte]

Referências[editar | editar código-fonte]

Referências

  1. «"Panzarotto" or "panzerotto"» 
  2. a b «La vera ricetta dei panzerotti pugliesi» 
  3. Sarkar, Suhashini (June 29, 2015). "Panzerotti: The Empanada’s Italian Cousin", Saveur. Retrieved February 13, 2016.
  4. Minchilli, Elizabeth (December 11, 2014). "Making Panzerotti in Barivecchia", Elizabeth Minchilli in Rome. Retrieved February 13, 2016.
  5. "Deep Fried Panzerotti", food.com. Retrieved February 13, 2016.
  6. Como acontece com muitos empréstimos linguísticos da língua italiana, em particular com os substantivos referentes a alimentos (por exemplo, macarrão, panini, abobrinha, etc.).
  7. «Panzerotto» 
  8. "Panzerotti", Culinaria Italia. Retrieved February 13, 2016.
  9. «Quindici OnLine - L'informazione a Molfetta - Tradizioni molfettesi: Tra le frittelle di San Martino e il ricordo di un lettore di Quindici» 
  10. «Degustazione di frittelle al Centro polivalente per disabili» 
  11. Molfetta - Wikipedia, Retrieved 2013-05-15[carece de fonte melhor]
  12. «Panzerotti fritti: i migliori 10 del Salento» 
  13. «Spizzica in Salento....: panzerotti di patate salentini»