Papa Clemente VIII

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
Clemente VIII
Papa da Igreja Católica
231° Papa da Igreja Católica
Atividade Eclesiástica
Diocese Diocese de Roma
Eleição 30 de janeiro de 1592
Entronização 9 de fevereiro de 1592
Fim do pontificado 3 de março de 1605 (13 anos)
Predecessor Inocêncio IX
Sucessor Leão XI
Ordenação e nomeação
Ordenação presbiteral 31 de dezembro de 1580
Nomeação episcopal 30 de janeiro de 1592
Ordenação episcopal 2 de fevereiro de 1592
Capela Sistina
por Dom Alfonso Cardeal Gesualdo
Nomeado arcebispo 30 de janeiro de 1592
Cardinalato
Criação 18 de dezembro de 1585
por Papa Sisto V
Ordem Cardeal-presbítero
Título São Pancrácio
Papado
Brasão
C o a Clemente VIII.svg
Consistório Consistórios de Clemente VIII
Dados pessoais
Nascimento 24 de fevereiro de 1536
Fano, Itália
Morte 3 de março de 1605 (69 anos)
Roma, Itália
Nacionalidade Italiano
Nome nascimento Ippolito Aldobrandini
Progenitores Mãe: Lisa Donati
Pai: Silvestro Aldobrandini
Sepultura Basílica de Santa Maria Maior
dados em catholic-hierarchy.org
Categoria:Igreja Católica
Categoria:Hierarquia católica
Projeto Catolicismo
Listas de papas: cronológica · alfabética

Clemente VIII, nascido Ippolito Aldobrandini (Florença, 24 de fevereiro de 1536 - Roma, 3 de março de 1605), foi Papa de 30 de Janeiro de 1592 até à data da sua morte.

Biografia[editar | editar código-fonte]

Era advogado e foi aluno de São Filipe Neri, pregava e impunha disciplina. Firmou a paz entre a França e a Espanha em razão dos conflitos entre católicos e huguenotes. Celebrou o XII Jubileu (1600).

Em 1598 Clemente conseguiu fazer e mediar um tratado de paz entre Espanha e França (Paz de Vervins) terminando um longo conflito, e negocia também a paz entre França e Saboia. Apesar do nome Clemente, não dispunha de clemência com os bandidos que percorriam toda a Itália central, nem com quaisquer criminosos. Também sob o ponto de vista disciplinar sobre heresias foi implacável: foi durante o seu pontificado (17 de Fevereiro de 1600) que Giordano Bruno foi condenado à morte na fogueira e executado pelo Tribunal Civil, sob acusações de subverter a Teologia e desrespeitar dogmas da Igreja referentes à Santa Eucaristia.

Em 1602, Clemente VIII, com a bula "Incrustabile Divine", fundou a "Congregatio de Propaganda Fide" (Congregação para a Propagação de Fé) criando uma poderosa palavra e atividade que seria disseminada nos séculos seguintes: depois de definir a congregação, a palavra passou a ter o sentido de propaganda em 1680 em italiano, em 1753 em francês, em 1842 em inglês. Também foi Clemente VIII que, em 1592, encerrou o conflito em torno do texto oficial da Bíblia, publicando a Vulgata. Em 1596, reeditou o Index Librorum Prohibitorum.

Clemente VIII

Outra referência a este Papa é a Sala Clementina, situada no Palácio Apostólico do Vaticano. É um pomposo salão no segundo andar, cujo nome é uma homenagem a Clemente VIII e possui a inscrição Clemens VIII, Pontifex Maximus. Na Sala Clementina foi realizada uma parte do velório do pontífice João Paulo II em 2005.

O papa Clemente também foi o responsável pela liberação do consumo de café na Europa. Por volta de 1570, o café foi introduzido em Veneza, Itália, mas a bebida, considerada maometana, era proibida aos cristãos e somente foi liberada após o papa Clemente VIII provar o café.

A causa da sua morte veio por intoxicação ao comer um cogumelo ''Amanita Phalloides''.


Precedido por
Inocêncio IX
Emblem of the Papacy SE.svg
Papa

231.º
Sucedido por
Leão XI


Ícone de esboço Este artigo sobre um papa é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.