Parisátide

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
Parisátide
Nascimento Século V a.C.
Morte Século IV a.C.
Progenitores Pai:Artaxerxes I
Cônjuge Dario II da Pérsia
Filho(s) Artaxerxes II da Pérsia, Ostanes, Ciro, o Jovem
Irmão(s) Dario II da Pérsia, Xerxes II da Pérsia, Sogdiano
Ocupação política

Parisátide ou Pharziris[1] (século V a.C.) foi uma filha ilegítima de Artaxerxes I, imperador da Pérsia, e de Andia da Babilónia.

Era meia-irmã de Xerxes II, Sogdiano e Dario II. Casou-se com o seu meio-irmão Dario[2] e deu à luz quatro filhos: Artaxerxes II, Ciro, o Jovem, Ostanes e Oxatres.[3] Ciro era o seu filho favorito e foi devido à sua influência que foi dado ao então adolescente o comando supremo na Anatólia ocidental por volta de 407 a.C..[2] Após a morte do seu marido, apoiou Ciro. Quando Ciro foi derrotado na batalha de Cunaxa ela culpou o sátrapa Tissafernes da morte do filho,[4] e fez com que Tissafernes fosse assassinado.[5]

Referências

  1. Estrabão, Geografia, Livro XVI, Capítulo 4, 27
  2. a b Agesilaos, P Cartledge p186
  3. Plutarco, Lives, Life of Artaxerxes, 1.1
  4. Diodoro Sículo, Biblioteca Histórica, Livro XIV, 80.6
  5. Diodoro Sículo, Biblioteca Histórica, Livro XIV, 80.8