Parque Estadual de Campos do Jordão

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
Parque Estadual de Campos do Jordão
Categoria II da IUCN (Parque Nacional)
Localização
País Brasil
Estado São Paulo
Mesorregião Vale do Paraíba Paulista
Microrregião Campos do Jordão
Município Campos do Jordão[1]
Dados
Área &0000000000008385.8900008 385,89 hectares (83 9 km2)[1]
Criação 27 de março de 1941 (78 anos)
Gestão Fundação Florestal
Coordenadas 22° 40' 57" S 45° 27' 11" O
Parque Estadual de Campos do Jordão está localizado em: Brasil
Parque Estadual de Campos do Jordão

O Parque Estadual de Campos do Jordão (PECJ) é uma unidade de conservação brasileira de proteção integral da natureza localizada na Serra da Mantiqueira e conhecido regionalmente como Horto Florestal, foi criado pela Lei Estadual nº 11.908, de 27 de março de 1941.

É um dos 29 parques do estado de São Paulo destinados à observação da natureza. Foi a primeira Unidade de Conservação a ser implantada no Estado de São Paulo, tendo sido o primeiro parque brasileiro a possuir um Plano de Manejo. Está localizado no Cone Leste do estado, no município de Campos do Jordão e se estende por uma área de aproximadamente 8 341 hectares.[2]

Características[editar | editar código-fonte]

A Serra da Mantiqueira é predominante no local, com relevo bastante acidentado e inúmeras nascentes de água.

Estão identificados no parque as seguintes fitofisionomias: Floresta ombrófila mista alto-montana (Mata de Araucária), Floresta ombrófila densa alto-montana (Mata nebular) e Campos de altitude.[2]

Trilhas[editar | editar código-fonte]

O parque conta com cinco trilhas auto-guiadas:[3]

  • Trilha da Cachoeira, caminho com 4 500 m, passando pelo córrego e cachoeira do Galharada e Estação de Truticultura e Salmonicultura do Instituto de Pesca.[4]
  • Trilha Quatro pontes, caminho com 1 000 m, com destaque para duas pontes pênseis.
  • Trilha do Rio Sapucaí, percurso com 2 600 m, observação das corredeiras do Rio Sapucaí e araucárias centenárias.
  • Trilha celestina com 8 500 m de extensão, passando pela Mata Atlântica e Campos de Altitude chegando a uma altitude de 1 905, só pode ser percorrida com o acompanhamento de monitores.
  • Trilha dos campos, caminho com 3 000 m, acompanhando o vale do Rio do Meio.

Flora e fauna[editar | editar código-fonte]

Beija-flor rubi brasileiro (Clytolaema rubricauda), Parque Estadual Campos do Jordão.

Foram catalogados na região 843 espécies de plantas, sendo a Araucaria angustifolia a árvore símbolo do Parque. Estão presentes no local 63 espécies de mamíferos erre eles a onça suçuarana[3]; 165 espécies de aves, 98 espécies da répteis e anfíbios e 9 espécies de peixes,[2]

Referências

  1. a b «Parques Estaduais». Agência Ambiental Pick-upau. Consultado em 4 de maio de 2014 
  2. a b c «Elaboração do Plano de Manejo do Parque Estadual de Campos do Jordão (SP)». Instituto Ekos Brasil. Consultado em 4 de maio de 2014 
  3. a b «Principais Atrativos, Parque Estadual Campos do Jordão». Sistema Ambiental Paulista. Consultado em 4 de maio de 2014 
  4. «Horto Florestal, Parque Estadual de Campos do Jordão». Guia Campos. Consultado em 4 de maio de 2014. Arquivado do original em 18 de novembro de 2006 

Ligações externas[editar | editar código-fonte]

Ícone de esboço Este artigo sobre Unidades de Conservação da Natureza é um esboço relacionado ao Projeto Brasil. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.