Parque das Esculturas Francisco Brennand

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Parque das Esculturas Francisco Brennand

O Parque das Esculturas Francisco Brennand é um parque construído sobre um recife em frente ao Marco Zero do Recife. O parque foi construído no ano de 2000 como marco comemorativo da cidade do Recife aos 500 anos do Descobrimento do Brasil. Ao total, existem, no parque, 90 obras (esculturas) do escultor e artista plástico pernambucano Francisco Brennand, sendo a principal obra no complexo a Coluna de Cristal, com 32 metros de altura e confeccionada em argila e bronze, popularmente conhecida como "Picão do Brennand" devido à sua forma fálica. Por sua semelhança com o órgão masculino ereto, foi motivo de grande controvérsia causada pelo prefeito Roberto Magalhães (DEM) que chegou a invadir, armado de revólver, a redação de um jornal local para confrontar um jornalista que o havia criticado por discordar do projeto. No ano de 2014, todas as esculturas foram restauradas, assim como o parque, além do recebimento de reforço na segurança do complexo.[1]

Acesso[editar | editar código-fonte]

Para chegar até o parque, o visitante deve entrar numa embarcação, que sai de um pequeno píer no Marco Zero, e cruzar o Estuário do Porto do Recife indo até a entrada do parque ou ir de carro pela Avenida Brasília Formosa.

Referências