Partido Comunista do Turcomenistão

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Searchtool.svg
Esta página foi marcada para revisão, devido a inconsistências e/ou dados de confiabilidade duvidosa (desde outubro de 2009). Se tem algum conhecimento sobre o tema, por favor, verifique e melhore a consistência e o rigor deste artigo.
Question book.svg
Esta página ou secção não cita fontes confiáveis e independentes, o que compromete sua credibilidade (desde outubro de 2009). Por favor, adicione referências e insira-as corretamente no texto ou no rodapé. Conteúdo sem fontes poderá ser removido.
Encontre fontes: Google (notícias, livros e acadêmico)

O Partido Comunista do Turcomenistão (PCT) foi um partido político comunista que controlava a República Socialista Soviética do Turcomenistão. O PCT formava parte do Partido Comunista da União Soviética. No ano de 1976, o partido contava com 74.117 filiados, enquanto a Komsomol tinha 303.606 membros. [1] Desde 1985 esteve liderado por Saparmurat Nyýazow, que em 1991 mudou o nome do partido para Partido Democrático do Turcomenistão, depois da dissolução da URSS.

Referências

Ícone de esboço Este artigo sobre comunismo é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.