Partido Democrático Esloveno

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
Partido Democrático Esloveno
Slovenska demokratska stranka
Líder Janez Janša
Fundação 1989
Sede Liubliana,  Eslovênia
Ideologia Conservadorismo
Democracia cristã
Populismo de direita
Liberalismo económico
Anti-imigração
Espectro político Actualidade:
Direita
Histórico:
Centro-esquerda a Centro-direita
Afiliação internacional Internacional Democrata Centrista
União Internacional Democrata
Afiliação europeia Partido Popular Europeu
Grupo no Parlamento Europeu Grupo do Partido Popular Europeu
Cores Amarelo e Azul

O Partido Democrático Esloveno (em esloveno: Slovenska demokratska stranka, SDS) é um partido político da Eslovénia.

O partido foi fundado em 1989, com o nome de Partido Social-Democrata da Eslovénia, e, originalmente, estava situado no centro-esquerda e seguia uma ideologia social-democrata.

Em 1992, a ala social-democrata e liberal separa-se do partido, que, após isto, vira completamente no espectro político, situando-se, claramente, na direita, e, adoptando uma linha populista, nacionalista[1] e, até, xenófoba[2]. Com esta viragem no espectro, o SDS tornou-se, oficiosamente, o partido da Igreja Católica na Eslovénia[3].

A partir do ano 2000, o partido moderou-se, aproximando-se do centro-direita[4] e, adoptando a democracia cristã, o conservadorismo[5][6], o conservadorismo liberal[7] e o liberalismo económico como ideologias oficiais. Com esta moderação, o SDS começou a distanciar-se da Igreja Católica, apoiando a união civil entre casais homossexuais e a pesquisa de células embrionárias.

O partido é liderado por Janez Janša e, integra o Partido Popular Europeu, a Internacional Democrata Centrista e a União Internacional Democrata.

Nomes[editar | editar código-fonte]

  • Partido Social-Democrata da Eslovénia (1989-2003)
  • Partido Democrático da Eslovénia (2003-actualidade)

Resultados eleitorais[editar | editar código-fonte]

Eleições legislativas[editar | editar código-fonte]

Data CI. Votos % +/- Deputados +/- Status
1990 7.º 79 951
7,4 / 100,00
6 / 80
Governo
1992 8.º 39 675
3,3 / 100,00
Baixa4,1
4 / 90
Baixa2 Governo
1996 3.º 172 470
16,1 / 100,00
Aumento12,8
16 / 90
Aumento12 Oposição
2000 2.º 170 228
15,8 / 100,00
Baixa0,3
14 / 90
Baixa2 Oposição
2004 1.º 281 710
29,1 / 100,00
Aumento13,3
29 / 90
Aumento15 Governo
2008 2.º 307 735
29,3 / 100,00
Aumento0,2
28 / 90
Baixa1 Oposição
2011 2.º 288 719
26,2 / 100,00
Baixa3,1
26 / 90
Baixa2 Governo
2014 2.º 181 052
20,7 / 100,00
Baixa5,5
21 / 90
Baixa5 Oposição
2018 1.º 222 042
24,9 / 100,00
Aumento4,2
25 / 90
Aumento4 Oposição

Eleições europeias[editar | editar código-fonte]

Data CI. Votos % +/- Deputados +/-
2004 3.º 76 945
17,7 / 100,00
2 / 7
2009 1.º 123 369
26,7 / 100,00
Aumento9,0
2 / 7
3 / 8
Estável

Aumento1

2014 1.º 99 643
24,8 / 100,00
Baixa1,9
3 / 8
Estável

Referências

  1. Hloušek, Vít; Kopeček, Lubomír (2010-01-01). Origin, Ideology and Transformation of Political Parties: East-Central and Western Europe Compared. [S.l.]: Ashgate Publishing, Ltd. ISBN 9780754678403  Verifique data em: |ano= (ajuda)
  2. Rizman, Rudi (2006-06-07). Uncertain Path: Democratic Transition and Consolidation in Slovenia. [S.l.]: Texas A&M University Press. ISBN 9781585444236  Verifique data em: |ano= (ajuda)
  3. Ramet, Sabrina P. (2010-11-01). Radical Right in Central and Eastern Europe Since 1989. [S.l.]: Penn State Press. ISBN 0271043792  Verifique data em: |ano= (ajuda)
  4. Arvanitopoulos, Constantine (2010-04-06). Reforming Europe: The Role of the Centre-Right. [S.l.]: Springer Science & Business Media. ISBN 9783642005602  Verifique data em: |ano= (ajuda)
  5. Jungerstam-Mulders, Susanne (2006-01-01). Post-communist EU Member States: Parties and Party Systems. [S.l.]: Ashgate Publishing, Ltd. ISBN 9780754647126  Verifique data em: |ano= (ajuda)
  6. Magone, José (2010-08-26). Contemporary European Politics: A Comparative Introduction. [S.l.]: Taylor & Francis. ISBN 9780203846391  Verifique data em: |ano= (ajuda)
  7. Guardiancich, Igor (2012-08-21). Pension Reforms in Central, Eastern and Southeastern Europe: From Post-Socialist Transition to the Global Financial Crisis. [S.l.]: Routledge. ISBN 9781136225956  Verifique data em: |ano= (ajuda)