Partido da Solidariedade Nacional

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Disambig grey.svg Nota: Para o partido brasileiro anteriormente denominado PSN, veja Partido Humanista da Solidariedade.
Partido da Solidariedade Nacional
Fundação 26 de julho de 1990
Dissolução 10 de janeiro de 2006
Sede  Portugal
Ideologia Humanismo
Populismo
Espectro político Centro
Cores Azul, verde, amarelo

O Partido da Solidariedade Nacional (PSN) é um antigo partido político português que surgiu em 1990 com uma plataforma ligada principalmente à defesa dos direitos dos cidadãos aposentados.

O partido rapidamente recebeu a alcunha de "partido dos reformados", mas apesar de tudo conseguiu votos suficientes para eleger um deputado nas eleições legislativas portuguesas de 1991: o seu presidente Manuel Sérgio, que cumpriu a legislatura de uma forma muito discreta.

Nas eleições de 1995, o partido verificou a erosão da grande parte da sua base de apoio, ficando de fora da Assembleia da República. Nas últimas eleições não tem apresentado listas. Nas eleições legislativas de 2002, recolheu apenas 804 votos a nível nacional, deixando de existir nesse mesmo ano.

Resultados eleitorais[editar | editar código-fonte]

Eleições legislativas[editar | editar código-fonte]

Data Votos % Deputados +/- Status
1991 96 096 1,7 (#5)
1 / 230
Oposição
1995 12 613 0,2 (#8)
0 / 230
Baixa1 Extra-parlamentar
1999 11 488 0,2 (#9)
0 / 230
= Extra-parlamentar
2002 804 0,0 (#13)
0 / 230
= Extra-parlamentar

Referências



Ícone de esboço Este artigo sobre política ou um cientista político é um esboço relacionado ao Projeto Ciências Sociais. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.