Passo de ganso

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Guardas do Kremlin executando o passo de ganso durante a troca de turnos

O passo de ganso é um passo especial de marcha realizado em desfiles militares formais e outras cerimônias. Enquanto marcham em formação de desfile, as tropas balançam suas pernas em uníssono para fora do chão, mantendo cada perna rigidamente reta.

O passo teve origem no exercício militar prussiano em meados do século 18 e foi chamado de Stechschritt (literalmente, "passo perfurante") ou Stechmarsch. Os conselheiros militares alemães espalharam a tradição pela Rússia no século XIX, e os soviéticos espalharam-na pelo mundo no século XX.

Tropas da Wehrmacht desfilam em Varsóvia (5 de Outubro de 1939).

O termo "passo de ganso" originalmente se referia ao passo de equilíbrio, uma marcha lenta formalizada e obsoleta. Nos nossos dias, está fortemente associado â Alemanha nazi. Como resultado, o termo adquiriu um significado pejorativo em alguns países.[1]



Utilizadores[editar | editar código-fonte]

As seguintes forças armadas usam o passo de ganso, seja em desfiles ou em outras cerimonias.

 China[2]

Alemanha Alemanha

 Rússia

 Coreia do Norte[3]

 Chile - adota o modelo desde 1899

 Venezuela

Cazaquistão

 Uzbequistão

 Quirguistão

 Bielorrússia

 Armênia

 Azerbaijão

 Egito

 Vietnã

 México

 Paraguai

Referências

  1. «Definition of GOOSE-STEP». www.merriam-webster.com (em inglês). Consultado em 29 de junho de 2021 
  2. TVBS. «揭密:國軍「踢正步」是怎麼消失的?│林弘展». TVBS (em chinês). Consultado em 29 de junho de 2021 
  3. «How to march like the North Korean military». the Guardian (em inglês). 11 de outubro de 2010. Consultado em 29 de junho de 2021