Pastel de Chaves

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Pastel de Chaves IGP
Pastéis de Chaves
País  Portugal
Região CHV.png Chaves
Ingrediente(s)
principal(is)
Massa folhada, preparado à base de carne de vitela.
Outra informação IGP (2015)
Receitas: Pastel de Chaves IGP   Multimédia: Pastel de Chaves IGP

O pastel de Chaves IGP é um produto de pastelaria de origem portuguesa com Indicação Geográfica Protegida pela União Europeia (UE) desde 27 de maio de 2015.[1] É uma iguaria da cidade portuguesa de Chaves e constitui uma das riquezas gastronómicas da região.[2]

É uma especialidade tradicional constituída por uma espécie de folhado finíssimo de carne picada no interior, com o sabor particular dos ingredientes da própria região.[2]

História[editar | editar código-fonte]

No início de 2012, o pastel de Chaves recebeu a nível nacional, em Diário da República, a Indicação Geográfica Protegida.[2]

Em 02 de julho de 2013 foi apresentado pedido de registo ao nível da União Europeia tendo o seu registo sido efectivado a 27 de maio de 2015.[1]

Aquando do reconhecimento a nível nacional, perto de 3 dezenas de unidades eram responsáveis por uma produção que ultrapassava o 25 000 pastéis por dia.[2] .

Referências

  1. a b Pastel de Chaves na Base de Dados DOOR da União Europeia. Acesso 2016-03-25
  2. a b c d Agência Lusa (2012-12-01). «Pastel de Chaves é produto de Indicação Geográfica Protegida 150 anos depois». Jornal de Notícias. Consultado em 2016-03-25. 

Ver também[editar | editar código-fonte]

Ligações externas[editar | editar código-fonte]

Ícone de esboço Este artigo sobre culinária é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.