Patati Patatá

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
Patati Patatá
Informação geral
Origem São Paulo, SP
País  Brasil
Gênero(s) Infantil
Período em atividade 1983-presente
Gravadora(s) Plinta Music (1991-2004)
EMI (2004-2010)
Som Livre (2010-presente)
ONErpm (2019-atual)
Página oficial www.patatipatata.com.br

Patati Patatá é uma dupla brasileira de palhaços, surgida em 1983, conhecidos no Brasil inteiro. Em 2010, lançaram a coleção Brincando com Patati e Patatá pela Som Livre, sendo certificado como disco diamante, com mais de 300 mil cópias vendidas.[1] Em uma entrevista no programa Eliana, Rinaldi Faria, empresário da marca Patati Patatá,[2] afirma que existem 6 duplas que viajam o mundo inteiro levando a marca Patati e Patatá.

A estreia da dupla na televisão deu-se em 2011 como apresentadores do programa infantil Carrossel Animado transmitido pelo SBT, logo após eles passaram a apresentar o programa Bom Dia & Companhia na mesma emissora.[3]

A dupla também foi convidada para ser destaque da escola de samba Rosas de Ouro com o enredo "Inesquecíveis", no carnaval de 2014 em São Paulo.

Carreira[editar | editar código-fonte]

Patati Patatá era um grupo formado em 1983 por artistas circenses, composto pela Garota Pupy, Mágica Alacazam e a dupla de palhaços Tuti Fruti e Pirulito.[4] Rinaldi Faria e seu irmão que apresentavam mágica e cantava, respectivamente, eram sempre chamados para se apresentarem com o grupo.[5]

Em 1985, a dupla de palhaços e a Garota Pupy morreram depois de um acidente de automóvel.[4] Para retornarem com o grupo para finalizar a agenda de shows deixada pela antiga formação, Rinaldi e seu irmão foram chamados para substituir dois integrantes.[4][5] Depois do término dos trabalhos, a detentora da marca decidiu não continuar com o grupo.[6]

1989—2010: Retorno do Patati Patatá[editar | editar código-fonte]

Anos mais tarde, em 1989, Rinaldi ganhou a marca e financiou a volta desta. Na volta do Patati Patatá, desta vez em grupo, as apresentações eram feitas em circos e programas de TV, com o nome de Grupo Patati Patatá e logo depois a dupla Patati Patatá. Outros atores também interpretaram os palhaços Patati Patatá por vários anos.[6]

De 2006 à 2009 Flávio Barollo e Rogério Faria interpretaram; gravaram os cds: Na Cidade dos Sonhos e No Castelo da Fantasia. Atualmente, Wagner Rocha e Henrique Namura interpretam os palhaços, respectivamente, desde 2010.[6]

2011—13: Fenômeno e estreia no SBT[editar | editar código-fonte]

Devido às boas vendas dos DVDs e produtos da dupla, o SBT contratou a dupla para apresentarem o programa Carrossel Animado em abril de 2011.[7] Um mês depois, o programa estreou com um cenário repaginado e passou a ser denominado de Carrossel Animado com Patati e Patatá, onde apresentavam desenhos animados e interagiam com os telespectadores, dando prêmios (brinquedos da marca Patati Patatá), além de possuírem um cenário com seus próprios coadjuvantes.

Em janeiro de 2012, eles estrearam o programa especial Férias com Patati e Patatá a tarde, substituindo Chaves.[8] Em 2013, eles organizaram a turnê Volta ao Mundo para promover o álbum de título homônimo. O show passou por seções no Citibank Hall, no Rio de Janeiro, e no Credicard Hall, em São Paulo.

No mesmo ano o canal ainda quis promover mais o sucesso dos dois pelas mídias, fazendo contratos para transmissão dos dois na Argentina além de um longa-metragem, porém ambos os projetos não foram adiante.[9]

Em 2013, os palhaços tiveram seu programa reformulado, ganhando um cenário semelhante ao do palhaço Bozo, porém da mesma forma que o outro palhaço o programa foi um fiasco e acabou sendo cancelado em poucas semanas. Ainda em março do mesmo ano, o programa Carrossel Animado foi premiado como Melhor Programa Infantil 2012 pelo Troféu Imprensa, programa apresentado por Silvio Santos.

2014—presente: Tour internacional e contrato com o Discovery Kids[editar | editar código-fonte]

Em abril de 2014, Patati Patatá anunciaram um tour pela Europa para apresentar as músicas do segundo box lançado no final de 2013.[1] O sexto álbum de vídeo da dupla, A Vida É Bela contém apenas canções inéditas que lançou em 2014.[10][11]

Depois de mais de um ano após saírem da programação do SBT, iniciou-se um contrato para os dois desenvolverem um novo programa infantil através de um canal por assinatura. Depois de várias negociações foi firmado um contrato com o canal pré-escolar Discovery Kids.[12] Em 5 de outubro de 2015 estreou o programa Parque Patati Patatá no Discovery Kids, e fazendo o canal ser líder de audiência na estreia, ficando a frente até mesmo de emissoras abertas na faixa infanto-juvenil.[13] O programa passou a ser exibido também no SBT, a partir de 3 de setembro de 2016.[14]

Personagens secundários[editar | editar código-fonte]

Maluquinhos[editar | editar código-fonte]

Maluquinhos do Patati Patatá são personagens criados para acompanhar a dupla de palhaços em seus shows, turnês e apresentações por todos os lugares. A função dos personagens, são atuar como assistentes de palco e dançarinos.[15]

Tony e Mano Tensão[editar | editar código-fonte]

Personagens que foram exclusivos do SBT criados para interagirem com Patati e Patatá no programa Carrossel Animado de 2011 até 2013. Tony foi um palhaço baixinho de cabelo colorido que tinha habilidade de se equilibrar em uma bola. Mano Tensão fazia o tipo da comédia, era um palhaço desastrado que constantemente aparecia no meio da transmissão do programa atuando obviamente como trabalhador da manutenção do programa, sempre se dava mal no final.

Fora eles outros personagens recorrentes também foram criados no programa como a bandinha de bonecos, o ventríloquo Assis, o professor palhaço Jeangibret, a professora de libras Rafaela,o mágico Tio Sésamo, o vilão Azedo Azedume, a chef Nutricia, o elefante (intitulado cachorro por Patati Patatá) Floffy, o robô Quasi e a borboleta Alegra Alegria. (Fora os últimos 5 que aparecem somente na série "Parque Patati Patatá")

Discografia[editar | editar código-fonte]

Ver artigo principal: Discografia de Patati Patatá

Televisão[editar | editar código-fonte]

  • Patati Patatá (CNT, 1995-1998)
  • Patati Patatá (TV Gazeta, 2003-2007)
  • Patati Patatá (TV Mix Regional, 2007-2011)
  • Carrossel Animado (SBT, 2011-2013)
  • Férias com Patati e Patatá (SBT, 2012)
  • Bom Dia & Cia (SBT, 2013)
  • Parque Patati Patatá (Discovery Kids, 2015-presente)

Turnês[editar | editar código-fonte]

  • Patati Patatá, um show de alegria (2010-2013)
  • Castelo da Fantasia (2012-2013)
  • Volta ao Mundo (2012-2014)
  • A Vida é Bela (2014-2017)
  • Sorrir e brincar (2016-presente)
  • Parque Patati Patatá Circo Show (2017-presente)

Referências

  1. a b «Patati Patatá iniciam carreira internacional». Portal Sucesso. Terra Networks. 3 de abril de 2014. Consultado em 23 de abril de 2014. Arquivado do original em 24 de maio de 2014 
  2. Luciano Guaraldo (1 de fevereiro de 2018). «Sobrevivente de tragédia, ex-mágico e palhaço será Silvio Santos da TV Gazeta». Consultado em 10 de setembro de 2019 
  3. Oliveira, Fernando (30 de abril de 2013). «SBT volta atrás e faz acordo financeiro para manter Patati e Patatá». Na TV. Internet Group. Consultado em 1 de maio de 2013 
  4. a b c Ferretti, Caio (19 de abril de 2012). «Reportagem - Patati Patatá». Revista Trip. Universo Online. Consultado em 1 de abril de 2014. Cópia arquivada em 1 de abril de 2014 
  5. a b Ferreira, Gabriel (17 de abril de 2014). «A palhaçada aumentou com a marca Patati Patatá». PME. Exame. Consultado em 1 de abril de 2014 
  6. a b c «Patati Patatá: o rei da palhaçada». Época. Globo.com. 24 de março de 2011. Consultado em 1 de abril de 2014 [ligação inativa] 
  7. «SBT contrata os palhaços Patati Patatá para o Carrossel Animado». Ofuxico. Terra Networks. 14 de abril de 2011. Consultado em 23 de abril de 2014 
  8. «Patati e Patatá estreiam programa de férias nas tardes de 2012». sbt.com.br. Sistema Brasileiro de Televisão. 22 de dezembro de 2011. Consultado em 23 de abril de 2014. Cópia arquivada em 23 de abril de 2014 
  9. Ricco, Flávio; Carlos, José (2 de fevereiro de 2013). «Marlene Mattos vende palhaços do SBT para a Argentina». Coluna do Fálvio Ricco. Universo Online. Consultado em 2 de fevereiro de 2013 
  10. «Patati Patatá fascinam adultos e crianças em gravação de programa especial». Caras. Universo Online. 27 de abril de 2012. Consultado em 25 de maio de 2014. Arquivado do original em 25 de maio de 2014 
  11. Erro de citação: Etiqueta <ref> inválida; não foi fornecido texto para as refs de nome DVD_2014
  12. «Dupla Patati Patatá estreia em 2015 no Discovery Kids com canções inéditas». UOL TV e Famosos. Consultado em 21 de julho de 2020 
  13. «TV-Pesquisa». www.tv-pesquisa.com.puc-rio.br. Consultado em 21 de julho de 2020 
  14. «Palhaços Patati e Patatá voltam ao SBT com programa da TV cabo». UOL. 1 de setembro de 2016. Consultado em 1 de setembro de 2016 
  15. MCALLISTER, Wesley (12 de julho de 2013). «PATATI PATATÁ chega a Brasília em agosto». Vida candanga. Consultado em 27 de maio de 2014. Arquivado do original em 28 de maio de 2014 

Ver também[editar | editar código-fonte]

Ligações externas[editar | editar código-fonte]