Patrícia Amorim

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
Patrícia Amorim
Ex-Presidente do Flamengo
Swimming pictogram.svg Natação Swimming pictogram.svg
Nome completo Patrícia Filler Amorim
Nascimento 13 de fevereiro de 1969 (51 anos)
Rio de Janeiro,  Rio de Janeiro
Nacionalidade  Brasil
Clube sem clube
Período em atividade 1972 - 1991

Patrícia Amorim Sihman , nascida Patrícia Filler Amorim, Rio de Janeiro, 13 de fevereiro de 1969) é uma ex-nadadora brasileira de origem judaica[1] e ex-presidente do Clube de Regatas do Flamengo, sucedida por Eduardo Bandeira de Mello. Foi 28 vezes campeã brasileira nos 200, 400, 800 e 1.500 metros livres. Entre os anos de 1983 a 1989, superou 29 recordes sul-americanos e quebrou a ausência feminina de 16 anos do Brasil nas olimpíadas indo aos Jogos de Seul, em 1988, onde não chegou às finais, mas estabeleceu os recordes sul-americanos nos 200 e 400 metros livres. Como presidente do Flamengo, teve uma gestão controversa, marcada por vários escândalos, custando-lhe a reeleição para o clube assim como para vereadora.

Trajetória[editar | editar código-fonte]

Na natação[editar | editar código-fonte]

Patrícia começou a nadar aos três anos no Botafogo e, aos cinco anos, fez uma travessia no mar, da praia do Flamengo até a praia Vermelha.[2] Em 1977 passou a nadar no Flamengo.[2] Entre os anos de 1983 e 1989 superou 29 recordes sul-americanos.[2]

Nos Jogos Pan-Americanos de 1987 em Indianápolis, alcançou o quarto lugar no revezamento 4x100 metros medley e nos 200 metros nado livre.[2]

Depois de 16 anos sem participação brasileira feminina na natação em jogos olímpicos, competiu nos Jogos Olímpicos de Verão de 1988, em Seul, ficando em 11º lugar no revezamento 4x100 metros livre.[3][2]

Foi a primeira nadadora brasileira a conseguir patrocínio individual.[2] Em 1991, com 25 anos e já formada em educação física, encerrou a carreira de atleta, mas permaneceu no Flamengo, coordenando a equipe de esportes olímpicos.[2]

Patrícia no desfile do Arrastão de Cascadura, no carnaval 2012.

Na política[editar | editar código-fonte]

Foi eleita pelo Partido da Social Democracia Brasileira (PSDB) em 2000, com 24.651 votos, para a Câmara dos Vereadores do Rio de Janeiro, com o lema de defender os interesses do esporte [4]. Foi reeleita em 2004 e 2008. Sofreu grande desgaste devido à sua gestão como presidente do Flamengo, não sendo eleita para um quarto mandato em 2012[5].

Em 2012 foi homenageada pela escola de samba Arrastão de Cascadura, que desfila na Estrada Intendente Magalhães, onde foi contado desde seu tempo como nadadora até a chegada à presidência do clube de maior torcida do país[6].

Presidência do Flamengo[editar | editar código-fonte]

2010[editar | editar código-fonte]

Foi eleita vencendo Delair Dumbrosck, tornando-se a primeira mulher na presidência do Clube de Regatas do Flamengo[7]. Não obteve bons resultados no primeiro ano após o título brasileiro no ano anterior e a badalada dupla de ataque composta por Adriano e Vágner Love, apelidada "Império do Amor", foi eliminado na Libertadores nas quartas-de-final, perdeu a final do campeonato carioca para o Botafogo e lutou contra o rebaixamento no brasileiro sendo salvo apenas na última rodada. Anunciou com grande euforia a inclusão de Zico como diretor executivo.

Quando assumiu o clube o cenário encontrado era um mês de salário, 13º e premiação do título brasileiro atrasados. Patricia sanou as pendências e passou a ser reconhecida pelos funcionários como a Presidente que pagava os salários rigorosamente em dia.  

Internamente, houve muitos conflitos com jogadores, dirigentes e membros da comissão técnica. Destacam-se as demissões do técnico campeão brasileiro Andrade, este acusando a diretoria de planejar sua demissão premeditadamente e se aproveitando da derrota no estadual para tal[8], desde quando assumiram e do vice de futebol; o vice de futebol Marcos Braz; atos de indisciplina de Petkovic e Adriano; a prisão do goleiro Bruno; e a saída de Zico, acusado sem provas pelo presidente do conselho fiscal, Leonardo Ribeiro, de usar o clube para fins pessoais envolvendo seus filhos e o CFZ.

Títulos conquistados com a revitalização do futebol de base seguindo o lema: "Craque o Flamengo faz em casa":

Juvenil: Campeão invicto Estadual

Infantil: Campeão da Copa Light

Mirim: Vice-Campeão da Copa Light

2011[editar | editar código-fonte]

A diretoria investiu pesado contratando craques como Thiago Neves e Ronaldinho Gaúcho, este recepcionado sob grande festa em sua apresentação e estreia. O salário de Ronaldinho Gaúcho, de mais de 1 milhão de reais, foi, em grande parte, bancado pela parceria com a empresa Traffic[9]. O clube ganhou o campeonato carioca daquele ano, foi eliminado da Copa do Brasil pelo Ceará nas quartas-de-final, e se classificou para a libertadores no campeonato brasileiro. Destaca-se a histórica virada na Vila Belmiro por 5x4 contra o Santos, campeão da libertadores daquele ano, com uma atuação magistral do camisa 10.

Uma negociação com a empresa 9ine, do ex-jogador Ronaldo, causou insatisfação por parte da Traffic[10] e, consequentemente, o fim de sua parceria com o Flamengo, tornando o clube o único encarregado pelo salário do jogador.[11].

Títulos conquistados com a revitalização do futebol de base seguindo o lema: "Craque o Flamengo faz em casa":

Junior: Campeão da Copa São Paulo; Campeão do Torneio Otavio Pinto Guimarães

Juvenil: Vice-Campeão do Torneio Guilherme Embry

Infantil: Campeão da Copa Cingapura; Campeão da Copa da Amizade

Mirim: Campeão da Copa Laranjal; Campeão do troféu Zagallo

JOGOS PAN-AMERICANOS DE GUADALAJARA 2011

O Rubro-negro se fez representado por 31 atletas. Entre eles César e Frauches representaram o futebol da Gávea, Marcelinho no basquete, Daniele Hypólito, Diego Hypólito, Jade Barbosa e Sérgio Sasaki na ginástica artística, César Cielo e Joanna Maranhão, na natação e Fabiana Beltrame, no remo. No quadro geral, os atletas do Flamengo conquistaram um total de 33 medalhas sendo 12 de ouro, sete de prata e 14 de bronze. Somente na natação, os rubro-negros subiram ao pódio nove vezes. O remo fez bonito com a medalha de prata de Fabiana Beltrame no single sikiff peso-leve e com os dois ouros conquistados pelos irmãos argentinos Santiago e Sebastian Fernandez.

2012[editar | editar código-fonte]

A principal aposta para 2012 foi o retorno de Vágner Love, após a marcante passagem de 2010. Apesar disso, algumas turbulências começaram a surgir. Jogadores como Alex Silva[12] e Thiago Neves[13] romperam seu vínculo com o clube. Deivid, perseguido pela diretoria por sua ligação com Zico[14], move um processo contra o clube por 19 meses de salários atrasados totalizando 6,46 milhões[15]. O técnico Vanderlei Luxemburgo é demitido após a vitória sobre o Real Potosí na pré-Libertadores[16], tendo principal motivo uma polêmica com Ronaldinho Gaúcho na concentração[17]. Joel Santana assume seu lugar[18]. O clube foi eliminado na primeira fase da Libertadores destacando-se jogos considerados vexatórios como o empate em 3x3 com o Olímpia no Engenhão[19] e a derrota de virada para o Emelec por 3x2, no Equador[20]. No estadual, foi eliminado pelo Vasco na primeira e segunda fase, ficando assim, um mês inativo. Vários jogadores como Kléberson[21], Júnior César[22] e Willians[23] foram dispensados pelo clube. Para repor essas perdas, anunciou com grande euforia a contratação do jogador Íbson, até então reserva no Santos. recebendo um alto salário no valor de 300 mil reais mensais e seu empresário, Eduardo Uram, recebeu uma comissão no valor de 1,9 milhões. Íbson não rendeu o esperado e passou a ser reserva em boa parte do campeonato nacional.[24].

Zinho assume como novo diretor executivo de futebol[25]. Foram tentadas as contratações dos jogadores Diego, Juan e Riquelme, sem sucesso[26]. Após uma série de maus resultados e grande contestação por parte da torcida e imprensa, Joel Santana foi demitido. A quebra de contrato rendeu 2 milhões ao técnico[27]. Dorival Júnior assume seu lugar. Liédson foi contratado, após se recuperar de uma lesão, ao Corinthians. Também não rendeu o esperado. Seu contrato previa o pagamento de R$ 700 mil atingindo a meta de 70% dos jogos no período de 1º de agosto a 31 de outubro, somado ao seu salário de R$ 330 mil mensais.[28] Mesmo após a demissão por justa causa pelo Corinthians, o clube investiu no retorno de Adriano e fez-se um contrato de rendimento com um limite de três faltas até o fim do ano, baseando-se em seu histórico comportamental. Faltou quatro vezes e seu contrato foi rescindido. Na última partida do ano, contra o Botafogo, um grupo de torcedores protestou contra a administração do clube. O vice de finanças do clube, Michel Levy, e o de patrimônio, Cacau Cotta, tentaram agredi-los.[29]

JOGOS OLÍMPICOS DE LONDRES 2012

O Flamengo foi um dos maiores fornecedores de atletas para o Brasil, nos Jogos Olímpicos de Londres, com 20 atletas na delegação brasileira, incluindo estrelas rubro-negras, como Cesar Cielo, que ganhou uma medalha de bronze, Fabiana Beltrame e Diego Hypolito. Além dos convocados, o clube carioca ainda teve dois atletas no Projeto Vivência Olímpica, que visa os Jogos do Brasil, em 2016: Isaquias Queiroz, da canoagem, e Rebeca Andrade, da ginástica.

A comissão técnica do Mais Querido também carimbou seis passaportes. Estiveram presentes os técnicos Renato Araújo e Ricardo Pereira (ginástica masculina e feminina, respectivamente), Marco Veiga (natação), José Neto (auxiliar técnico do basquete) e Rosicléia Campos (judô), além da nutricionista Renata Parra. Antes disso, em Pequim-2008, o Flamengo teve, somente, três atletas titulares em ação. Na ocasião, o Rubro-Negro foi representado pelos ginastas Diego Hypolito, Daniele Hypolito e Jade Barbosa.

Patrícia Amorim viajou para as Olimpíadas de Londres para apoiar a delegação olímpica do Flamengo[30]. Mesmo fazendo forte lobby para os esportes olímpicos, o desempenho do Brasil não correspondeu às expectativas, especialmente César Cielo, a principal esperança de medalha para o clube.

Títulos conquistados no Futebol de Base:

Junior: Terceiro lugar no Estadual

Juniores: Vice-Campeão da Taça BH

Mirim: Campeão da Copa Céu; Vice-Campeão da Copa Rio Bonito

CONQUISTAS NOS ESPORTES OLÍMPICOS DURANTE A GESTÃO PATRICIA AMORIM

REMO

INVICTO -  O Flamengo entrou no ano de 2010 com o título de campeão estadual. Sob a gestão de Patricia Amorim, o remo do Flamengo manteve o alto nível técnico e sagrou-se o campeão da 1ª Regata do Estadual ao vencer sete das 12 provas realizadas. A vitória foi assegurada nas duas etapas seguintes (2ª e 3ª Regatas), fazendo com que o Flamengo ampliasse ainda mais a vantagem no campeonato de 2010. Na 5ª Regata, faltando apenas uma etapa para o término do Estadual, o Flamengo alcançou um total de 377 pontos e assumiu a liderança isolada da competição. A 6ª e última etapa também foi vencida pelo Rubro-Negro que levou o título de campeão de forma invicta ao vencer todas as etapas do Estadual 2010.

CAMPEÃO DE TERRA E MAR INVICTO - O ano de 2011 foi marcado por resultados inéditos e expressivos para o remo do Flamengo, atingindo os cenários estadual, nacional e internacional. Além de conquistar o título de tricampeão consecutivo no Estadual de Remo, com um total de 466 pontos, o Rubro-Negro também se sagrou o campeão brasileiro tanto no Sênior quanto na categoria Junior. Com um total de nove vitórias, o Flamengo foi o clube com o maior número de medalhas de ouro no Brasileiro Sênior. Em 2011, o Flamengo dominou as seis etapas do Estadual e voltou a conquistar o título de campeão estadual de Terra e Mar de forma invicta, feito realizado apenas uma única vez em sua história e conquistado às vésperas de completar 116 anos. Fabiana Beltrame colocou definitivamente seu nome na história do remo rubro-negro com duas conquistas inéditas para o Brasil: a medalha de ouro na Copa do Mundo de Hamburgo e o ouro no Mundial de Bled, na Eslovênia.

O ano de 2012 - O Flamengo na liderança do Campeonato Estadual de Remo. Venceu a 1ª Regata com facilidade, com sete provas vencidas; conquistou o título de campeão da 2ª etapa, com cinco vitórias entre as 13 provas disputadas. A liderança e invencibilidade foram mantidas também na 3ª etapa. O Flamengo venceu sete das 13 provas realizadas e ampliou a vantagem sobre os principais adversários, Botafogo e Vasco, respectivamente.  A 4ª Regata, disputada em agosto, foi novamente de festa rubro-negra na Lagoa Rodrigo de Freitas. Na 5ª e penúltima etapa, após vencer seis provas, a metade do programa, o Flamengo acabou sendo superado pelo Botafogo na regata, mas se mantém líder do campeonato epode assegurar o tetra estadual consecutivo em novembro.

TÍTULOS POLO AQUÁTICO

Campeão Brasileiro Junior Masculino (sub-17) – 2012

Campeão Brasileiro Infanto Masculino (sub-13) – 2012

Campeão Brasileiro Infantil Masculino (Sub-12) – 2012

Campeão Brasileiro Juvenil Feminino (Sub-15) – 2012

Campeão Brasileiro Juvenil Feminino (Sub-15) 1º semestre 2012

Campeão Brasileiro Juvenil Masculino (Sub-15) – 2011

Campeão Brasileiro Infantil Masculino (Sub-12) – 1º semestre 2012

Campeão Brasileiro Masculino (Sub-19) – 1º semestre 2012

Campeão Brasileiro Juvenil Feminino (Sub-15) – 2012

Campeão Brasileiro Adulto Feminino – 1º semestre 2011

Campeão Brasileiro Sub 19 Feminino – 1º semestre 2011

Campeão Brasileiro Juvenil Masculino (Sub-15) – 2010

Campeão Brasileiro Juvenil Masculino (Sub-15) – 1º semestre 2010

Campeão Brasileiro Infanto Masculino ( Sub-13) – 2010

Campeão Brasileiro Infanto Masculino ( Sub-13) – 1º semestre 2010

Campeão Brasileiro Adulto Feminino – 2º semestre de 2010

TÍTULOS GINÁSTICA ARTÍSTICA

Campeão Brasileiro Adulto Feminino – 2012

Campeão Brasileiro Juvenil Feminino- 2012

Campeão Brasileiro Adulto Feminino – 2011

Campeão da primeira etapa do Torneio Nacional-2011

Campeão Brasileiro Juvenil Feminino- 2011

Campeão Brasileiro Infantil feminino-2011

Campeão Brasileiro pré-infantil masculino-2011

Campeão Estadual Juvenil feminino- 2011

Campeão Estadual Infantil femino-2011

Campeão Estadual Infantil masculino-2011

Campeão Estadual Pré-infantil feminino-2011

Campeão Estadual Pré-infantil masculino-2011

Campeão Estadual Pré-infantil masculino-2010

Campeão Brasileiro Pré-infantil masculino 2010

Campeão Estadual Pré-infantil masculino-2010

Campeão Estadual infantil masculino-2010

TÍTULOS JUDÔ

Campeão Estadual por Equipes 2010 – sênior masculino, júnior masculino e feminino

Campeão geral do Estadual por Equipes 2011

Campeão do Circuito Alto Rendimento 2011

Campeão do Estadual Rosicléia Campos 2011

Campeão do Torneio de Encerramento 2011

Campeão do Torneio Inter-Regional 2012

Campeão do Estadual Absoluto 2012

TÍTULOS NADO SINCRONIZADO

Campeão Brasileiro Juvenil- Agosto 2012

Campeão Brasileiro Senior- Agosto 2012

Campeão Brasileiro Absoluto- Outubro 2012

Campeão Brasileiro Senior- Agosto 2011

Campeão Brasileiro Absoluto-Dezembro 2011

Campeão SulSudeste Senior- Maio 2010

Campeão Brasileiro Senior- Agosto 2010

Campeão Brasileiro Junior- Novembro 2010

Campeão Brasileiro Senior- Dezembro 2010

Campeão Estadual Infantil- 2010

Campeão Estadual Senior- Dezembro 2010

TÍTULOS NATAÇÃO

Campeão Brasileiro Absoluto – Abril 2012

Vice Campeão Brasileiro de Inverno – Agosto de 2012

Campeão Estadual Sênior 2012

Campeão Estadual Junior, Juvenil, Petiz – 2012

Campeão Estadual Absoluto -  2011

Campeão Estadual Sênior – 2011

Campeão Estadual Junior – 2011

Candidatura à reeleição[editar | editar código-fonte]

Candidata à reeleição pela chapa amarelo ouro, foi acusada pelo ex-presidente Márcio Braga de fazer um pacto com uma chapa adversária, representada por Jorge Rodrigues, buscando impugnar a candidatura de Wallim Vasconcellos, da chapa azul, apontado como seu principal concorrente e crítico ferrenho de sua gestão[31]. A candidatura de Wallim Vasconcellos foi impugnada, sendo comemorada efusivamente por seus partidários[32]. Patrícia Amorim classificou a chapa de Rodrigues de "oposição do bem"[33].


A chapa considerada durante toda a campanha como a favorita para ganhar as eleições: a chapa Azul, apoiada por Zico, com Wallim Vasconcellos à frente para assumir a presidência. Com a impugnação de Wallim, Eduardo Bandeira de Mello assumiu a responsabilidade como o candidato lançado pela Chapa Azul. No dia das eleições, 03/12/2012, Patrícia Amorim perde para Bandeira de Mello, passando assim o cargo de presidente do Clube. Sua derrota foi ironizada pela torcida rubro-negra na internet.[34]

Críticas[editar | editar código-fonte]

Seus críticos acusaram suas política de reformas das estruturas internas do clube visarem interesses eleitorais com os sócios, aumentados significativamente durante seu mandato e sua ênfase em promover sua gestão baseada nas reformas da sede.


Os salários e multas rescisórias de valores muito elevados firmados em diversos contratos com jogadores e técnicos, como Ronaldinho Gaúcho[35], Íbson, Liédson, Vágner Love, Joel Santana e Dorival Júnior, foram criticados pela gestão Eduardo Bandeira de Mello após a derrota de Patrícia Amorim nas eleições de 2012. Essa prática motivou uma política de austeridade a fim de conter a folha salarial do clube.

Eventuais dívidas da gestão[editar | editar código-fonte]

Sob nova direção, em 2013, o Conselho Deliberativo aprovou as contas de 2011 na gestão Patrícia Amorim e apesar de uma comissão de inquérito para avaliá-las.

Patrícia Amorim defendeu-se sob a alegação de retaliação, fato negado por Eduardo Bandeira de Mello.[36]

Cinquenta dias depois da reunião do Conselho Deliberativo do Flamengo que inocentou a ex-presidente Patricia Amorim sobre o caso das contas de 2011, as atas da votação foram aprovadas na noite de 13 de dezembro de 2013.

Desta forma, não há mais a possibilidade de conselheiros recorrerem da decisão para a mandatária ser punida. Além de Patricia Amorim, foram inocentados pelo Conselho Deliberativo o ex-vice-presidente de finanças, Michel Levy, o ex-presidente do Conselho Fiscal, Leonardo Ribeiro, e o ex-controller da contabilidade, William Pereira.


<>://www.terra.com.br/esportes/futebol/no-flamengo-contas-de-2011-sao-aprovadas-e-isentam-patricia,4574ef812bfd2410VgnCLD2000000ec6eb0aRCRD.html/ref>

Ronaldinho Gaúcho[editar | editar código-fonte]

Ronaldinho Gaúcho, questionado pela torcida[37], mídia e dirigentes[38] pelo seu desempenho abaixo do esperado e vida extra campo controversa, foi centro de polêmica com a diretoria em sua passagem pela rubro-negro.

Assis, seu irmão e empresário, protagonizou um momento crítico na loja oficial do clube. Ele leva camisas oficiais sem pagamento sob a acusação de inadimplência por parte do clube quanto aos salários de seu irmão[39]. Ele se defende dizendo que a atitude foi feita com o aval do vice de finanças, Michel Levy. Ronaldinho decide entrar na justiça trabalhista, representado pela advogada Gislaine Nunes, ganhando uma liminar rescindindo seu contrato com o Flamengo e cobrando, no valor de R$ 40 milhões, uma indenização por salários atrasados e direitos de imagem[40]. Assina com o Atlético-MG após a quebra de vínculo. Patrícia Amorim reagiu duramente, pedindo mobilização da torcida contra o jogador[41]. O clube exibiu um vídeo do jogador, supostamente, passando a noite em seu quarto, acompanhado por uma mulher, na concentração no começo de 2012[42]. Ronaldinho Gaúcho moveu um novo processo por danos morais contra o clube no valor de R$ 15 milhões[43].

O Período Final de Mandato[editar | editar código-fonte]

Em agosto de 2012, o presidente do conselho fiscal Leonardo Ribeiro, conhecido como Capitão Leo não justificou o furo de 7 milhões em adiantamentos nas finanças do clube[44]. O jogador Vágner Love foi espontaneamente seu cabo eleitoral para sua candidatura à vereadora em 2012[45], contrariando o estatuto do clube[46].

Em novembro de 2012, a Polícia Militar emitiu mandatos de prisão para diversos integrantes da Torcida Jovem do Flamengo (Jovem Fla), que já foi a maior e mais perigosa torcida do clube e atualmente é a terceira, com acusações de violência, homicídios e diversos crimes[47]. Leonardo Ribeiro, o Capitão Léo, presidente do conselho fiscal foi durante anos líder da facção.[48] Por intermédio de escutas e maçantes investigações, foram descobertas ligações entre a diretoria atual do Flamengo e a torcida[49], esquemas de distribuições de ingressos, de camisas, financiamentos gerais e nomeações a cargos na diretoria e no clube[50]. Um dos dirigentes foi intimado a depor[51].

Um incêndio no Ginásio Cláudio Coutinho, sede de ginástica do clube, ocorreu a poucos dias antes da eleição. Houve suspeita não comprovada de ter sido criminoso, abrindo investigação policial.[52]

Referências

  1. «Patricia Amorim já admite contrato mais curto com patrocinador master». GloboEsporte.com 
  2. a b c d e f g Olimpianos - Atletas Olímpicos Brasileiros: PATRÍCIA AMORIM Arquivado em 12 de abril de 2017, no Wayback Machine. Acessado em 12 de fevereiro de 2017
  3. Por onde anda? Arquivado em 6 de fevereiro de 2003, no Wayback Machine. - Gazeta Esportiva
  4. [1]
  5. http://globoesporte.globo.com/futebol/times/flamengo/noticia/2012/10/patricia-amorim-andrade-e-marcos-braz-nao-conseguem-se-eleger-no-rio.html
  6. O Da na Folia. «Homenageada em enredo, Patrícia Amorim confirma desfile no Arrastão de Cascadura». Consultado em 3 de dezembro de 2011 
  7. Patrícia Amorim é eleita presidente do Flamengo
  8. http://www.lancenet.com.br/flamengo/Dorival-Junior-decidir-terca-feira-Fla_0_830916924.html
  9. http://globoesporte.globo.com/futebol/times/flamengo/noticia/2011/01/presidente-da-traffic-admite-negocio-de-risco-ao-bancar-ronaldinho-no-fla.html
  10. http://www.lancenet.com.br/flamengo/Traffic-impoe-condicao-fechar-Flamengo_0_610139144.html
  11. http://extra.globo.com/esporte/flamengo/flamengo-traffic-nao-chegam-acordo-mas-assis-sai-animado-do-encontro-3709335.html
  12. http://globoesporte.globo.com/futebol/noticia/2012/03/com-liberacao-do-flamengo-alex-silva-pode-negociar-com-outro-clube.html
  13. http://globoesporte.globo.com/futebol/noticia/2012/01/fla-fracassa-na-tentativa-de-manter-thiago-neves-que-vai-para-o-flu.html
  14. http://esporte.uol.com.br/futebol/ultimas-noticias/2012/02/24/deivid-encara-rejeicao-no-flamengo-por-ligacao-com-zico-e-sequencia-de-gols-perdidos.htm
  15. http://globoesporte.globo.com/futebol/times/flamengo/noticia/2012/02/atacante-deivid-resolve-cobrar-na-justica-civel-divida-do-flamengo.html
  16. http://oglobo.globo.com/esportes/luxemburgo-demitido-do-flamengo-3860101
  17. http://esportes.terra.com.br/flamengo/noticias/0,,OI5564306-EI19376,00-Luxemburgo+pede+saida+de+Ronaldinho+por+flagra+na+concentracao+diz+jornal.html
  18. «Cópia arquivada». Consultado em 30 de julho de 2012. Arquivado do original em 20 de junho de 2015 
  19. http://globoesporte.globo.com/jogo/libertadores-2012/15-03-2012/flamengo-olimpia.html
  20. http://globoesporte.globo.com/jogo/libertadores-2012/04-04-2012/emelec-flamengo.html
  21. http://globoesporte.globo.com/futebol/brasileirao-serie-a/noticia/2012/06/kleberson-da-adeus-ao-flamengo-e-procurador-o-coloca-perto-do-bahia.html
  22. http://esporte.uol.com.br/futebol/ultimas-noticias/2012/05/25/junior-cesar-se-empolga-com-atletico-mg-e-esquece-o-flamengo-e-historia-passada.htm
  23. http://veja.abril.com.br/noticia/esporte/udinese-anuncia-contratacao-do-volante-willians-ex-flamengo
  24. http://www.lancenet.com.br/flamengo/Flamengo-enxuga-salarial-saidas-acontecer_0_846515452.html
  25. http://oglobo.globo.com/esportes/flamengo-confirma-zinho-como-novo-diretor-de-futebol-4862333
  26. http://extra.globo.com/esporte/flamengo/zinho-se-irrita-com-repercussao-dos-fracassos-do-flamengo-critica-juan-e-enigmatico-sobre-buscar-riquelme-5493896.html
  27. http://www.jb.com.br/esportes/noticias/2012/07/23/joel-santana-nao-e-mais-treinador-do-flamengo/
  28. http://globoesporte.globo.com/futebol/times/flamengo/noticia/2013/03/liedson-tinha-bonus-de-r-700-mil-mesmo-se-nao-entrasse-em-campo.html
  29. http://www.sidneyrezende.com/noticia/193886+diretores+do+flamengo+tentam+agredir+torcedores+apos+jogo+contra+botafogo
  30. http://extra.globo.com/esporte/flamengo/flamengo-publica-nota-oficial-sobre-viagem-de-patricia-amorim-londres-reforma-administrativa-no-clube-5585028.html
  31. http://globoesporte.globo.com/futebol/times/flamengo/noticia/2012/11/com-novos-nomes-chapa-azul-do-fla-quer-ter-zico-no-comando-do-futebol.html
  32. http://globoesporte.globo.com/futebol/times/flamengo/noticia/2012/11/presidente-do-conselho-explica-voto-secreto-e-espera-substituto-de-wallim.html
  33. http://esportes.opovo.com.br/app/esportes/minuto/2012/11/25/noticiaminutol,2471003/patricia-e-vice-de-jorge-rodrigues-tem-encontro-no-ninho-do-urubu.shtml
  34. http://esporte.ig.com.br/futebol/2012-12-04/derrota-de-patricia-amorim-vira-chacota-na-internet.html
  35. http://esporte.uol.com.br/futebol/campeonatos/brasileiro/serie-a/ultimas-noticias/2012/10/06/contratos-de-ronaldinho-previam-que-fla-pagasse-comissoes-acima-do-mercado.htm
  36. http://www.lancenet.com.br/flamengo/Bandeira-reprovacao-balanco-existe-retaliacao_0_879512153.html
  37. http://esporte.uol.com.br/futebol/campeonatos/brasileiro/serie-a/ultimas-noticias/2012/05/26/ronaldinho-e-substituido-pela-primeira-vez-na-era-joel-e-sai-vaiado.htm
  38. http://extra.globo.com/esporte/flamengo/coutinho-afirma-em-video-que-ronaldinho-esta-afastado-do-flamengo-5077088.html
  39. http://www.goal.com/br/news/3599/futebol-nacional/2012/05/23/3122532/assis-alega-d%C3%ADvida-e-causa-rebuli%C3%A7o-na-loja-do-flamengo
  40. http://globoesporte.globo.com/futebol/times/flamengo/noticia/2012/05/ronaldinho-gaucho-entra-na-justica-e-nao-e-mais-jogador-do-flamengo.html
  41. http://www.lancenet.com.br/z_manchete_mobile/Patricia-Amorim-mobilizacao-Fla-R10_0_710929077.html
  42. http://extra.globo.com/esporte/flamengo/video-revela-farsa-ronaldinho-dormiu-com-mulher-na-concentracao-do-flamengo-5117689.html
  43. http://www.estadao.com.br/noticias/esportes,por-danos-morais-ronaldinho-gaucho-aciona-flamengo-na-justica,893071,0.htm
  44. http://globoesporte.globo.com/futebol/times/flamengo/noticia/2012/08/contador-nao-explica-rombo-de-r-7-mi-em-adiantamentos-sem-prestacao-de-contas.html
  45. http://www.sidneyrezende.com/noticia/193140+vagner+love+pode+deixar+flamengo+caso+patricia+amorim+nao+venca+eleicao
  46. http://www.lancenet.com.br/flamengo/Participacao-Love-impeachment-Patricia-Amorim_0_778122411.html
  47. «Cópia arquivada». Consultado em 24 de novembro de 2012. Arquivado do original em 3 de março de 2016 
  48. http://globoesporte.globo.com/futebol/times/flamengo/noticia/2010/10/leonardo-ribeiro-de-capitao-leo-presidente-do-conselho-fiscal-do-fla.html
  49. http://globoesporte.globo.com/futebol/times/flamengo/noticia/2012/11/membros-de-organizada-do-fla-sao-presos-em-operacao-da-policia-civil.html
  50. «Cópia arquivada». Consultado em 24 de novembro de 2012. Arquivado do original em 3 de março de 2016 
  51. http://globoesporte.globo.com/futebol/times/flamengo/noticia/2012/11/membros-de-organizada-do-fla-sao-presos-em-operacao-da-policia-civil.html
  52. http://g1.globo.com/rio-de-janeiro/noticia/2012/11/policia-investiga-se-incendio-em-ginasio-do-flamengo-foi-criminoso.html
  • 1000 maiores esportistas do século XX. São Paulo: Três, 1996.
O Commons possui uma categoria contendo imagens e outros ficheiros sobre Patrícia Amorim
Wikiquote
O Wikiquote possui citações de ou sobre: Patrícia Amorim

Ligações externas[editar | editar código-fonte]