Patrícia Maldonado

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Patrícia Maldonado
Nome completo Patrícia Maldonado Aricó
Nascimento 13 de maio de 1975 (46 anos)
São Paulo, SP
Nacionalidade brasileira
Ocupação Jornalista
Período de atividade 1994–presente

Patrícia Maldonado Aricó, mais conhecida como Patrícia Maldonado (São Paulo, 13 de maio de 1975) é uma jornalista brasileira.

Carreira[editar | editar código-fonte]

Em 1994 se tornou estagiária no Folha de S.Paulo e Correio Popular. Em 1996 foi repórter do Jornal Regional na EPTV e no ano seguinte migrou para a TV Aliança, atual TV TEM. Em 1999 estreou no canal a cabo SporTV, onde ficou como repórter até o primeiro semestre de 2004. Logo depois foi contratada pela Rede Record como apresentadora do Tudo a Ver vespertino ao lado de Paulo Henrique Amorim e Luciano Faccioli substituindo Janine Borba em 18 de outubro de 2004. O programa teve seu fim em 10 de março de 2006, mas volta no dia 26 do mesmo mês num formato de notícias rápidas e reprise de matérias de outros programas da casa, mas agora na faixa noturna da Record variando seu horário dependendo do dia da semana. Apresentou também na emissora o reality show Troca de Família e cobriu férias de Ana Hickmann no Hoje em Dia. Em 2007 assinou com a Band, onde passou a apresentar o Atualíssima ao lado de Leão Lobo, onde ficou até 29 de fevereiro de 2008. Em 2008 comandou o game show É O Amor, na qual realizava os encontros dos casais.

Em 2008, em vídeo gravado durante a transmissão do Festival de Parintins, Patrícia Maldonado criticou o apresentador do festival, dizendo que "não é mais chato por falta de espaço", juntamente com José Luiz Datena. Os dois abusaram de ironia e linguagem explícita. Datena ainda fez um comentário xenófobo, ao dizer "Vamos fazer o movimento da 'parintinada'. Amazonas independente do Brasil em nível nacional". A Band e os apresentadores afirmaram, em nota, que as frases foram tiradas de contexto e que eram comentários em off, não interferindo na transmissão veiculada em rede nacional.[1] Patrícia, durante a transmissão, ainda afirmou que "as moças que encenavam as sinhazinhas do boi precisavam pintar os cabelos de louro, pois todos aqui são descendentes indígenas".[2][3]

Em 2009 apresentou o Dia Dia com Lorena Calábria e Daniel Bork, porém em 1 de novembro foi transferida para o Band Esporte Clube, também apresentado por seu marido Guilherme Arruda. Em 1 de outubro de 2010 estreia no comando do Vídeo News até 26 de agosto de 2011. Após um ano fora do ar, foi escalada para apresentar o Primeiro Jornal e em 2014 é transferida para o Band Esporte Clube. Em 2015 deixou a Band para mudar-se para os Estados Unidos.[4]

Vida pessoal[editar | editar código-fonte]

Patrícia formou-se pela PUC-Campinas em 1995. Em 25 de junho de 2010 deu à luz sua primeira filha, Nina. Em 31 de janeiro de 2012 nasceu sua segunda filha, Maitê.[5] Em 2016 se mudou para os Estados Unidos.

Filmografia[editar | editar código-fonte]

Ano Programa Cargo Notas
1996 Jornal Regional Repórter
1997–99 Bom Dia Cidade
1999–04 SporTV News Apresentadora
2004–07 Tudo a Ver
2006 Troca de Família Temporada 1
2007–08 Atualíssima
2008 É o Amor
2009 Dia Dia
2009–10 Band Esporte Clube
2010–11 Vídeo News
2012–14 Primeiro Jornal[6]
2014–15 Band Esporte Clube

Referências

  1. «Vídeo de Datena e Patrícia Maldonado "detonando" "Festival de Parintins" cai na web». Portal IMPRENSA - Notícias, Jornalismo, Comunicação (em inglês). Consultado em 11 de setembro de 2021 
  2. Tapajós, Leandro (5 de julho de 2008). «Band e Parintins 2008 - gafes e "índias" louras». Overmundo. Consultado em 10 de setembro de 2021 
  3. «https://obutecodanet.ig.com.br/30911/». O Buteco da Net. 30 de julho de 2008. Consultado em 11 de setembro de 2021  Ligação externa em |titulo= (ajuda)
  4. LOPES, FERNANDA (22 de janeiro de 2020). «Após viver sonho americano, Patrícia Maldonado volta ao Brasil como apresentadora». Notícias da TV. Consultado em 26 de setembro de 2020 
  5. «Nasce a segunda filha da apresentadora Patrícia Maldonado | Entretenimento». A Crítica (em inglês). Consultado em 11 de setembro de 2021 
  6. «Autor=». Band.com.br 

Ligações externas[editar | editar código-fonte]