Patricia Petibon

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
Patricia Petibon
Nome nativo Patricia Petibon
Nascimento 27 de fevereiro de 1970 (48 anos)
Montargis
Cidadania França
Alma mater Conservatório Nacional Superior de Música e Dança de Paris
Ocupação cantora, cantora de ópera
Página oficial
http://www.patriciapetibon.com/

Patricia Petibon (Montargis, 27 de fevereiro de 1970) é uma soprano coloratura francesa que tem sido aclamada pelas suas interpretações da Música barroca francesa.

Nascida em Montargis, começou por estudar artes plásticas e só depois estudou musicologia no Conservatório de Paris, onde se licenciou, tendo obtido o primeiro prémio do Conservatório em 1995.

Petibon trabalhou com William Christie, John Eliot Gardiner, Marc Minkowski, Nikolaus Harnoncourt, com o agrupamento Concentus Musicus Wien, Robert Wilson e mesmo com o grupo de rap francês, Futuristiq. Gravou discos com obras de Lully, Charpentier, Rameau, Landi, Couperin, Handel, Gluck, Mozart, Haydn, Caldara, Bernstein, Barber, Bruno, Dello Joio, Debussy, Mancini, Méhul, Jommelli, Offenbach, Delibes, Poulenc, e Nicolas Racot de Grandval. Mais recentemente, tem sido muito aplaudida a sua interpretação de Olympia em Les contes d'Hoffmann de Offenbach.

Petibon é casada com o compositor francês Eric Tanguy, de quem teve um filho, Leonard.

Discografia[editar | editar código-fonte]

Solo[editar | editar código-fonte]

Ópera/Opereta/Oratório[editar | editar código-fonte]

Missa[editar | editar código-fonte]

Artista convidada[editar | editar código-fonte]

Filmografia[editar | editar código-fonte]

Ligações externas[editar | editar código-fonte]

Ver também[editar | editar código-fonte]