Paul Millsap

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Paul Millsap
Paul Millsap free throw (cropped).jpg
Informações pessoais
Data de nasc. 10 de fevereiro de 1985 (37 anos)
Local de nasc. Monroe, Louisiana,  Estados Unidos
Altura 6 ft 7 in (2.01 m)
Peso 257 lb (117 kg)
Apelido The Anchorman
Informações no clube
Clube atual Estados Unidos Philadelphia 76ers
Número 31
Posição Ala-pivô
Clubes de juventude
2003-2006 Estados Unidos Louisiana Tech
Clubes profissionais
Ano Clubes Partidas (pontos)
2006-2013
2013-2017
2017-2021
2021–2022
2022–Presente
Estados Unidos Utah Jazz
Estados Unidos Atlanta Hawks
Estados Unidos Denver Nuggets
Estados Unidos Brooklyn Nets
Estados Unidos Philadelphia 76ers
540 (6.713)
297 (5.177)
215 (2.531)
24 (82)

Paul Millsap (Luisiana, 10 de fevereiro de 1985) é um jogador norte-americano de basquete profissional que atualmente joga no Philadelphia 76ers da National Basketball Association.[1]

Ele jogou basquete universitário em Louisiana Tech e foi selecionado pelo Utah Jazz como a 47º escolha geral no draft da NBA de 2006. Ele também jogou pelo Atlanta Hawks, Denver Nuggets e Brooklyn Nets.

Ensino médio e carreira universitária[editar | editar código-fonte]

Millsap estudou na Grambling High School em Grambling, Louisiana. Considerado um recruta de três estrelas pela 247Sports.com, Millsap foi listado como o 31º melhor Ala-pivô e o 115º melhor jogador do país em 2003.[2]

Em seus três anos de carreira na Louisiana Tech, Millsap teve médias de 18,6 pontos, 12,7 rebotes e 2,0 bloqueios em 92 jogos. Ele se tornou o único jogador na história do basquete da NCAA a liderar o país em rebotes por três anos consecutivos.[3] Após sua terceira temporada em 2005-06, ele declarou-se para o draft da NBA.

Carreira profissional[editar | editar código-fonte]

Utah Jazz (2006–2013)[editar | editar código-fonte]

Millsap foi selecionado pelo Utah Jazz como a 47ª escolha geral no draft da NBA de 2006[4] e mais tarde assinou um contrato de 2 anos e 1.3 milhões com o Jazz em 2 de agosto de 2006.

No final de 2006, alguns jornalistas esportivos estavam se referindo a Millsap como um potencial candidato a Novato do Ano, um prêmio não tradicionalmente dado aos jogadores de segunda rodada no draft.[5] Embora o prêmio tenha ido para Brandon Roy, Millsap teve uma primeira temporada forte, liderando todos os novatos com seis duplos-duplos. Ele terminou a temporada de 2006-07 com médias de 6,8 pontos e 5,2 rebotes.[6] Millsap jogou em 194 jogos seguidos desde que foi draftado pelo Jazz em 2006; ele perdeu seu primeiro jogo de sua carreira profissional em 26 de dezembro de 2008 contra o Dallas Mavericks devido a uma lesão no ligamento cruzado posterior no joelho sofrida contra o Milwaukee Bucks.

Durante a temporada de 2008-09, Millsap tornou-se reserva de Carlos Boozer depois que ele sofreu múltiplas lesões. A partir do meio da temporada, quando ele virou titular, os números de Millsap subiram posteriormente e ele teve médias de 15,9 pontos e 10,3 rebotes.[7]

Em 25 de junho de 2009, o Jazz apresentou uma oferta de qualificação para Millsap, tornando-o um agente livre restrito. Algumas semanas depois, em 10 de julho de 2009, ele assinou com o Portland Trail Blazers por US$ 32 milhões. O Jazz tinha o direito de igualar a oferta, e o fez sete dias depois, em 17 de julho de 2009.

Millsap tornou-se titular permanente de Utah na temporada de 2010-11 depois que Boozer se juntou ao Chicago Bulls. Em 9 de novembro de 2010, Millsap marcou 46 pontos na vitória por 116-114 sobre o Miami Heat na prorrogação.[8]

Atlanta Hawks (2013–2017)[editar | editar código-fonte]

Millsap com os Hawks em novembro de 2013

Em 10 de julho de 2013, depois de passar os primeiros sete anos de sua carreira no Utah Jazz, Millsap assinou um contrato de dois anos e 19 milhões com o Atlanta Hawks.[9][10]

Em 30 de janeiro de 2014, Millsap foi eleito pelos treinadores para ser reserva no All-Star Game de 2014.[11] Em 18 de março de 2014, Millsap registrou seu primeiro triplo-duplo na carreira com 19 pontos, 13 rebotes e 10 assistências na vitória por 118-113 sobre o Toronto Raptors na prorrogação.

Em 29 de janeiro de 2015, Millsap ganhou sua segunda chamada consecutiva como reserva do All-Star Game.[12] Os Hawks enviaram quatro jogadores para o jogo, todos selecionados como reservas. Ele ajudou os Hawks a terminar com um recorde de 60-22 na temporada de 2014-15, o melhor resultado da equipe desde 1993-94.[13] Eles chegaram às finais da Conferência Leste, onde perderam para o Cleveland Cavaliers por 4-0.

Em 9 de julho de 2015, Millsap re-assinou com os Hawks em um contrato de três anos e 59 milhões.[14][15] Em 16 de janeiro de 2016, ele marcou 21 pontos contra o Brooklyn Nets e chegou aos 10.000 pontos em sua carreira. Em 28 de janeiro, ele ganhou sua terceira chamada consecutiva para o All-Star Game.[16] Em 9 de abril de 2016, ele registrou 31 pontos e 16 rebotes na vitória por 118-107 sobre o Boston Celtics. Os Hawks terminaram a temporada regular como a quarta melhor campanha na Conferência Leste com um recorde de 48-34. Na primeira rodada dos playoffs, os Hawks enfrentaram o Boston Celtics, e em uma derrota no Jogo 4, Millsap registrou 45 pontos e 13 rebotes. A derrota empatou a série em 2-2. Os Hawks derrotaram os Celtics em seis jogos e passaram para as semifinais, onde foram derrotados em quatro jogos pelo Cleveland Cavaliers.

Millsap em 2017

Em 1º de janeiro de 2017, ele registrou 32 pontos e 13 rebotes na vitória por 114-112 sobre o San Antonio Spurs na prorrogação, ajudando os Hawks a quebrar uma sequência de 11 derrotas consecutivas para o San Antonio desde 2010.[17] Em 26 de janeiro, ele foi nomeado como reserva do All-Star Game de 2017, ganhando sua quarta chamada consecutiva.[18] Três dias depois, ele registrou 37 pontos, 19 rebotes e 7 assistências em uma vitória por 142-139 sobre o New York Knicks após 4 prorrogações.[19]

Denver Nuggets (2017–2021)[editar | editar código-fonte]

Em 13 de julho de 2017, Millsap assinou um contrato de três anos e 90 milhões com o Denver Nuggets.[20][21]

Em sua estreia pelos Nuggets na abertura da temporada em 18 de outubro de 2017, Millsap marcou 19 pontos em uma derrota por 106-96 para sua ex-equipe, o Utah Jazz.[22] Em 21 de novembro de 2017, ele foi descartado por tempo indeterminado após sofrer uma lesão no pulso esquerdo.[23] Cinco dias depois, ele foi submetido a uma cirurgia reconstrutiva bem sucedida, excluindo-o por vários meses. Ele voltou à ação em 27 de fevereiro de 2018, contra o Los Angeles Clippers, registrando nove pontos e sete rebotes em uma derrota por 122-120.

Em 3 de dezembro de 2018, Millsap foi nomeado o Jogador da Semana da Conferência Oeste pelos jogos de 26 de novembro a 2 de dezembro. Foi seu terceiro prêmio de Jogador da Semana na carreira e ele se tornou o 18º jogador dos Nuggets na história a ganhar o prêmio.[24] Em 14 de março, ele marcou 33 pontos na vitória por 100-99 sobre o Dallas Mavericks.[25]

Em 3 de dezembro de 2020, Millsap re-assinou com os Nuggets em um acordo de um ano e US$ 10 milhões.[26][27]

Brooklyn Nets (2021–2022)[editar | editar código-fonte]

Em 10 de setembro de 2021, Millsap assinou um contrato de 1 ano e 2.6 milhões com o Brooklyn Nets.[28]

Philadelphia 76ers (2022–Presente)[editar | editar código-fonte]

Em 10 de fevereiro de 2022, Millsap foi negociado, junto com James Harden, para o Philadelphia 76ers em troca de Ben Simmons, Seth Curry, Andre Drummond e 2 seleções de draft da primeira rodada.[29]

Vida pessoal[editar | editar código-fonte]

O irmão de Millsap, Elijah, também é jogador profissional de basquete.

Estatísticas na NBA[editar | editar código-fonte]

LEGENDA
 PJ  Partidas jogadas  PT  Partidas como titular  MPJ  Minutos por jogo  AP  Arremessos de quadra (%)
 3P  Arremessos de 3 pontos (%)  LL  Lances-livre (%)  RT  Rebotes por jogo  AS  Assistências por jogo
 BR  Roubos de bola por jogo  TO  Tocos por jogo  PPJ  Pontos por jogo  Negrito  Melhor da carreira

NBA[editar | editar código-fonte]

Temporada regular[editar | editar código-fonte]

Ano Equipe PJ PT MPJ AP 3P LL RT AS BR TO PPJ
2006–07 Utah 82 1 18.0 .525 .333 .673 5.2 .8 .8 .9 6.8
2007–08 Utah 82 2 20.8 .504 .000 .677 5.6 1.0 .9 .9 8.1
2008–09 Utah 76 38 30.1 .538 .000 .699 8.6 1.8 1.0 1.0 13.5
2009–10 Utah 82 8 27.8 .538 .111 .693 6.8 1.6 .8 1.2 11.6
2010–11 Utah 76 76 34.3 .531 .391 .757 7.6 2.5 1.4 .9 17.3
2011–12 Utah 64 62 32.8 .495 .226 .792 8.8 2.3 1.8 .8 16.6
2012–13 Utah 78 78 30.4 .490 .333 .742 7.1 2.6 1.3 1.0 14.6
2013–14 Atlanta 74 73 33.5 .461 .358 .731 8.5 3.1 1.7 1.1 17.9
2014–15 Atlanta 73 73 32.7 .476 .356 .757 7.8 3.1 1.8 .9 16.7
2015–16 Atlanta 81 81 32.7 .470 .319 .757 9.0 3.3 1.8 1.7 17.1
2016–17 Atlanta 69 67 34.0 .442 .311 .768 7.7 3.7 1.3 .9 18.1
2017–18 Denver 38 37 30.1 .464 .345 .696 6.4 2.8 1.0 1.2 14.6
2018–19 Denver 70 65 27.1 .484 .365 .727 7.2 2.0 1.2 .8 12.6
2019–20 Denver 51 48 24.3 .482 .435 .816 5.7 1.6 .9 .6 11.6
2020–21 Denver 56 36 20.8 .476 .343 .724 4.7 1.8 .9 .6 9.0
2021–22 Brooklyn 24 0 11.3 .376 .222 .706 3.7 1.0 .2 .5 3.4
Carreira 1.076 745 27.5 .484 .278 .732 6.9 2.1 1.1 .9 13.0
All-Star 4 0 15.8 .381 .300 .000 4.3 2.0 .8 .0 4.8

Playoffs[editar | editar código-fonte]

Ano Equipe PJ PT MPJ AP 3P LL RT AS BR TO PPJ
2007 Utah 17 0 15.5 .525 .000 .667 4.4 .5 .6 .5 5.9
2008 Utah 12 0 17.5 .516 .000 .520 3.9 .3 .6 1.3 6.4
2009 Utah 5 0 31.0 .510 .500 8.0 1.6 .8 1.0 11.8
2010 Utah 10 0 32.3 .574 .000 .690 8.8 2.2 1.1 1.4 18.0
2012 Utah 4 4 34.8 .370 .000 .500 11.0 .5 .3 2.5 12.0
2014 Atlanta 7 7 38.1 .398 .333 .804 10.9 2.9 1.4 1.9 19.4
2015 Atlanta 16 15 35.4 .407 .306 .744 8.7 3.4 1.6 .9 15.2
2016 Atlanta 10 10 36.5 .431 .242 .745 9.4 2.7 1.3 2.3 16.7
2017 Atlanta 6 6 36.6 .505 .176 .811 8.3 4.3 1.7 .7 24.3
2019 Denver 14 14 33.5 .468 .316 .770 6.7 .8 .9 1.1 14.6
2020 Denver 19 19 24.2 .398 .341 .796 4.7 1.2 .6 .5 8.0
2021 Denver 9 0 12.1 .440 .261 .615 3.9 1.7 .3 .9 6.4
Carreira 129 75 28.9 .461 .179 .680 7.3 1.8 .9 1.2 13.2

Universitário[editar | editar código-fonte]

Ano Equipe PJ PT MPJ AP 3P LL RT AS BR TO PPJ
2003-04 Louisiana Tech 30 29 35.1 .587 1.000 .641 12.5 .7 .9 1.7 15.6
2004-05 Louisiana Tech 29 29 36.6 .575 .000 .601 12.4 1.0 1.1 1.9 20.4
2005-06 Louisiana Tech 33 33 34.1 .571 .357 .623 13.3 1.1 1.9 2.3 19.6
Carreira 92 91 35.2 .577 .452 .621 12.7 .9 1.3 1.9 18.5

Fonte:[30][31]

O Commons possui uma categoria com imagens e outros ficheiros sobre Paul Millsap

Referências

  1. «Paul Millsap | Brooklyn Nets | NBA.com». www.nba.com. Consultado em 22 de outubro de 2021 
  2. «Paul Millsap, Lincoln Preparatory Panthers, Power Forward». 247Sports (em inglês). Consultado em 22 de outubro de 2021 
  3. «Paul Millsap College Stats». College Basketball at Sports-Reference.com (em inglês). Consultado em 22 de outubro de 2021 
  4. «2006 NBA Draft». Basketball-Reference.com (em inglês). Consultado em 22 de outubro de 2021 
  5. «Hollinger: Rookie report at the one-quarter mark». ESPN.com (em inglês). 8 de dezembro de 2006. Consultado em 22 de outubro de 2021 
  6. «Paul Millsap 2006-07 Game Log». Basketball-Reference.com (em inglês). Consultado em 22 de outubro de 2021 
  7. «Paul Millsap 2008-09 Game Log». Basketball-Reference.com (em inglês). Consultado em 22 de outubro de 2021 
  8. «Utah Jazz at Miami Heat Box Score, November 9, 2010». Basketball-Reference.com (em inglês). Consultado em 22 de outubro de 2021 
  9. «Sources: Millsap agrees to deal with Hawks». ESPN.com (em inglês). 6 de julho de 2013. Consultado em 22 de outubro de 2021 
  10. «Hawks Sign Paul Millsap». Atlanta Hawks (em inglês). Consultado em 22 de outubro de 2021 
  11. «Hawks Forward Paul Millsap Selected as NBA Eastern Conference All-Star Reserve». Atlanta Hawks (em inglês). Consultado em 22 de outubro de 2021 
  12. «Al Horford, Paul Millsap and Jeff Teague Named Eastern Conference All-Stars». Atlanta Hawks (em inglês). Consultado em 22 de outubro de 2021 
  13. Fromal, Adam. «Playoffs Give Atlanta Hawks Ability to Cement Best Season in Franchise History». Bleacher Report (em inglês). Consultado em 22 de outubro de 2021 
  14. «Two-Time All-Star Paul Millsap Re-Signs With The Hawks». Atlanta Hawks (em inglês). Consultado em 22 de outubro de 2021 
  15. «Sources: Millsap, Hawks pin 3-year, $59M deal». ESPN.com (em inglês). 1 de julho de 2015. Consultado em 22 de outubro de 2021 
  16. «Paul Millsap Named to 2016 Eastern Conference All-Star Team». Atlanta Hawks (em inglês). Consultado em 22 de outubro de 2021 
  17. «Spurs vs. Hawks - Game Recap - January 1, 2017 - ESPN». ESPN.com (em inglês). Consultado em 22 de outubro de 2021 
  18. «Warriors, Cavaliers dominate selections for NBA All-Star 2017 as reserves are revealed». www.nba.com (em inglês). Consultado em 22 de outubro de 2021 
  19. «Knicks vs. Hawks - Game Recap - January 29, 2017 - ESPN». ESPN.com (em inglês). Consultado em 22 de outubro de 2021 
  20. «Nuggets Sign Free Agent Paul Millsap». Denver Nuggets (em inglês). Consultado em 24 de outubro de 2021 
  21. Amick, Sam. «Paul Millsap agrees to 3-year, $90 million deal with Denver Nuggets». USA TODAY (em inglês). Consultado em 24 de outubro de 2021 
  22. «Nuggets vs. Jazz - Game Recap - October 18, 2017 - ESPN». ESPN.com (em inglês). Consultado em 24 de outubro de 2021 
  23. «Reports: Denver Nuggets' Paul Millsap to undergo surgery on wrist». www.nba.com (em inglês). Consultado em 24 de outubro de 2021 
  24. «Paul Millsap Named NBA Western Conference Player of the Week». Denver Nuggets (em inglês). Consultado em 24 de outubro de 2021 
  25. «Mavericks vs. Nuggets - Game Recap - March 14, 2019 - ESPN». ESPN.com (em inglês). Consultado em 24 de outubro de 2021 
  26. «Denver Nuggets re-sign forward Paul Millsap». Denver Nuggets (em inglês). Consultado em 24 de outubro de 2021 
  27. «Denver Nuggets re-sign Paul Millsap to one-year deal». FOX Sports (em inglês). Consultado em 24 de outubro de 2021 
  28. «Brooklyn Nets Sign Paul Millsap». Brooklyn Nets (em inglês). Consultado em 22 de outubro de 2021 
  29. «James Harden and Paul Millsap Acquired by 76ers in Trade with Brooklyn Nets». Philadelphia 76ers (em inglês). Consultado em 13 de fevereiro de 2022 
  30. «Paul Millsap Stats». Basketball-Reference.com (em inglês). Consultado em 24 de outubro de 2021 
  31. «Paul Millsap College Stats». College Basketball at Sports-Reference.com (em inglês). Consultado em 24 de outubro de 2021