Paul Villon

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Ambox rewrite.svg
Esta página precisa ser reciclada de acordo com o livro de estilo (desde novembro de 2010).
Sinta-se livre para editá-la para que esta possa atingir um nível de qualidade superior.


Paul Villon
Nascimento 20 de julho de 1841
Roybon, Isère, França
Morte 10 de outubro de 1905
Nice, Alpes-Maritimes, França
Nacionalidade Francesa
Ocupação Paisagista

Paul Villon, conhecido no Brasil também como Paulo Villon, (Roybon, Isère, 20 de julho de 1841 – Nice, Alpes-Maritimes, 10 de outubro de 1905) foi um paisagista francês. Era o segundo dos oito filhos de André Villon e Constance Meunier.

Obra[editar | editar código-fonte]

Radicado no Brasil por vários anos, desenvolveu projetos para parques e jardins públicos em cidades brasileiras. Segundo a historiadora Heliana Salgueiro [1] trabalhou com com Auguste François Marie Glaziou no Campo da Aclamação (Campo de Santana ou Praça da República) e nos jardins da Quinta da Boa Vista. Trabalhou também com Aarão Reis, quando da construção de Belo Horizonte. Compôs ainda a equipe de auxiliares do prefeito da cidade do Rio de Janeiro Pereira Passos.


Pereira Passos, seus auxiliares e repórteres de vários jornais. Paul Villon, então auxiliar do prefeito, está de pé, atrás de Pereira Passos.


Entre seus principais trabalhos destacam-se:

  • Jardins da Praia de Botafogo (1903) (Rio de Janeiro – RJ)2
  • Parque Municipal Américo Renê Giannetti, (Belo Horizonte – MG)4
  • Parque Tenente Siqueira Campos Trianon, (São Paulo-SP) 5
  • Reforma do Palácio Guanabara




Referências[editar | editar código-fonte]

1)Salgueiro, Heliana Angotti: Revisando Hausmann. Revista USP, São Paulo (26) 195-205 junho/agosto 1995. Disponível em http://www.usp.br/revistausp/26/18-heliana-100.pdf

2)Arestizábal, Irma (Org.) A Paisagem Desenhada ( Catálogo de Exposição). Rio de Janeiro, Centro Cultural Banco do Brasil, de 20 a 18 de dezembro de 1994.

3)Enciclopédia Delta Larousse. Verbete Palácio do Catete. Volume 4.Rio de Janeiro: Delta Larousse,1972. p.1451

4)Parque Municipal: coração de BH chega aos 113 anos(24/09/2010): http://www.belohorizonte.mg.gov.br/por/noticia.php?chave=notBt4U50

5)Parque Siqueira Campos (Ex-Trianon):http://www.sampa.art.br/parques/siqueiracampos/

6)Mathias, Herculano Gomes: "O Palácio do Catete" in Anais do Museu Histórico Nacional vol.15 (1965) http://docvirt.com/docreader.net/docreader.aspx?bib=MHN&pasta=&pesq=Villon

7)Saladino, Alejandra e Oliveira, Carlos Daetwyeler Xavier de: "Um jardim da res publica desafios e algumas propostas possíveis para a preservação e a valorização do jardim histórico do Palácio do Catete: http://revistamuseologiaepatrimonio.mast.br/index.php/ppgpmus/article/viewFile/231/197

8)Daflon, Rogério: "Muito Além do Jardim" in revista Carioquices: http://revistamuseologiaepatrimonio.mast.br/index.php/ppgpmus/article/viewFile/231/197