Paulo von Poser

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Paulo von Poser
Paulo von Poser no Edifício Martinelli em São Paulo.
Nome completo Paulo von Poser
Nascimento 19 de outubro de 1960 (60 anos)
São Paulo,  São Paulo
Nacionalidade brasileira
Área arquitetura
artes plásticas
desenho
cerâmica
ilustração
professor
Página oficial
www.paulovonposer.com.br

Paulo von Poser (São Paulo, 19 de outubro de 1960) é um artista plástico, arquiteto, desenhista, ceramista, ilustrador e professor brasileiro.

Biografia[editar | editar código-fonte]

Iniciou sua carreira artística desenhando retratos e paisagens, em seguida dedica-se também a cerâmica, gravura e ilustração. Durante os anos 1980’s, foi aluno e assistente dos artistas Flávio Império e Renina Katz.

Lecionou de 1986 a 2018 na Faculdade de Arquitetura e Urbanismo da Universidade Católica de Santos (UNISANTOS)[1], e leciona desde 2007 na Escola da Cidade[2] em São Paulo.

Formação[editar | editar código-fonte]

Graduou-se em arquitetura pela Faculdade de Arquitetura e Urbanismo da Universidade de São Paulo (FAU-USP), em 1982.

Entre os anos de 2014 e 2015, conclui a pós graduação AES - Arquitetura Educação e Sociedade, na Escola da Cidade, apresentando a dissertação Desenho Coletivo, sob orientação da Dra. Mayra Rios e Dra. Cris Muniz.

Obra[editar | editar código-fonte]

Em sua poética, Paulo von Poser expressa a influência da formação em arquitetura retratando o cenário urbano, sobretudo da cidade de São Paulo e mostra a capital paulista da perspectiva do transeunte. Há forte relação entre o trabalho de professor e desenhista, uma vez que as caminhadas com seus alunos alimentam a produção. Conhecido como “o artista das rosas”, ele não distingue as flores da cena urbana, e a rosa se torna o elemento colorido em meio à metrópole preta e branca. Para o artista, a rosa é a possibilidade de ir além, metáfora de sua criação artística.[3]

Bienais[editar | editar código-fonte]

Participa da 18ª Bienal de São Paulo em 1985, coordenando o projeto: A Criança e o Jovem na Bienal.[4]

Em 2007, expôs na Bienal Internacional de Arte SIART, em La PazBolívia, apresentando instalação com desenhos e pinturas.[5]

Em 2013, participa em São Paulo da "30 x Bienal - Transformações na Arte Brasileira da 1ª à 30ª edição", com a atividade: "Ateliê Livre de Desenho".[6]

Prêmios[editar | editar código-fonte]

2018 - Prêmio Flower Design Award, em Matsuyama, Japão. Organizado pelo portal Designboom, em colaboração com Matsuyama Design Week. [7]

Obras públicas[editar | editar código-fonte]

São Paulo: Durante o ano de 2007, desenha sobre cinco painéis com 3.500 mil azulejos, instalados permanentemente entre as tradicionais bancas de flores da Avenida Doutor Arnaldo, em São Paulo.[8]

Santos: Durante o ano de 2008, produz desenho de 225 metros quadrados no teto do Teatro Guarany (1882).[9]

Publicações[editar | editar código-fonte]

Em 2010 publica o livro "Paulo von Poser – A Cidade e a Rosa", Luste Editores.[10]

Em 2015 foi lançado o livro “Um Viaduto Chamado Minhocão”, com ilustrações de Paulo von Poser e poesias de Gil Veloso, editora Dedo de Prosa. .[11]

Obras em acervos permanentes de museus[editar | editar código-fonte]

Pinacoteca do Estado de São Paulo,[12] Museu de Arte de São Paulo (MASP), Museu da Casa Brasileira (MCB)[13], Museu de Arte Contemporânea (MAC USP), Museu Afro Brasil e Fundação Pinacoteca Benedicto Calixto, em Santos.

Exposições individuais[editar | editar código-fonte]

  • 2020 - Benedicto Vicentino - Museu Casa Martim Afonso - São Vicente/SP, Brasil [14]
  • 2018 – São Paulo von Poser - Verve Galeria - São Paulo/SP, Brasil
  • 2016 – Santos à Flor da Pele - Sh. Parque Balneário [16] - Santos/SP, Brasil
  • 2004 – Vistas de São Paulo – Galeria Collectors [20] - São Paulo/SP, Brasil
  • 2001 – Horizontes [21] – Galeria Francine - São Paulo/SP, Brasil
  • 1999 – Rosas no Ar [22] - São Paulo/SP, Brasil
  • 1999 – Rosas na Terra – Estúdio Guanabara - Rio de Janeiro/RJ, Brasil
  • 1996 – Mar de Rosas – Espaço Ox [23] - São Paulo/SP, Brasil
  • 1992 – Horas Bolas - Espaço Columbia  - São Paulo/SP, Brasil
  • 1986 – O Modelo e seu Pensamento – Galeria Sadalla - São Paulo/SP, Brasil
  • 1985 – 15 Caras – Traço Galeria de Arte - São Paulo/SP, Brasil
  • 1984 – Figuras - Espaço Cultural DHL - São Paulo/SP, Brasil

Exposições coletivas[editar | editar código-fonte]

  • 2021 – Iluminarte – CJShops - São Paulo/SP, Brasil. [25]
  • 2019 – Amar em Tempos de Cólera - Verve Galeria - São Paulo/SP, Brasil.[27]
  • 2017 – Carpintaria para Todos - Galeria Carpintaria - Rio de Janeiro/RJ, Brasil.   
  • 2017 – Ecce Hommo - Verve Galeria - São Paulo/SP, Brasil.   
  • 2017 - Pomarium - Praça da Matriz - Cotia/SP, Brasil.   
  • 2013 - Órbitas - Paulo von Poser e Florian Raiss - Galeria Lume [33] - São Paulo/SP, Brasil.
  • 2013 – Visões da Metrópole - Galeria Smith [34] - São Paulo/SP, Brasil
  • 2012 - Pelé - Lume Photos [35] - São Paulo/SP, Brasil
  • 2007 – Cidade Objeto [36] – Paulo von Poser e Cristina Guerra - Mônica Filgueiras Galeria de Arte - São Paulo/SP, Brasil
  • 2009 - Chapel Art Show - Colégio Maria Imaculada - São Paulo/SP, Brasil.
  • 2009 – Acontecimentos da Natureza – Galeria Daslu, São Paulo/SP, Brasil.[37] - Galeria Daslu - São Paulo/SP, Brasil.
  • 2006 – Você Está Aqui - Caixa Cultural- São Paulo/SP, Brasil [39] – Paulo von Poser e Cristina Guerra - Caixa Cultural - São Paulo/SP, Brasil
  • 2004 – Prosas – Paulo von Poser e Mônica Vendramini - Mônica Filgueiras Galeria de Arte - São Paulo/SP, Brasil
  • 2003 – Israel e Palestina: Dois Estados para Dois Povos - SESC Pompéia - São Paulo/SP, Brasil.
  • 2002 - Roses - Paulo Von Poser & Mônica Vendramini - Espace Quadra - Paris, França.
  • 2000 – 4 artistas Teuto-Brasileiros – Pavilhão Câmara de Comércio Brasil - Hannover, Alemanha
  • 2000 – IV Eletromídia de Arte – Exposição Virtual - São Paulo/SP, Brasil
  • 1999 – 19 Cabeças – Galeria Adriana Penteado - São Paulo/SP, Brasil
  • 1993 – Uma Fotografia Outra – Espaço Useche - São Paulo/SP, Brasil
  • 1985 – E o Desenho? - Espaço de Exposições Humberto - São Paulo/SP, Brasil -->

Referências

  1. Matéria sobre 30 anos de docência de Paulo von Poser na UNISANTOS: [1] Acesso em 20 de Julho de 2021
  2. Matéria online sobre as aulas de Paulo von Poser na Escola da Cidade: [2] Acesso em 20 de Julho de 2021
  3. Crítica de Giancarlo Latorraca em relação ao trabalho de Paulo von Poser incluída Enciclopédia Itaú Cultural, disponível para consulta no link: [3] Acesso em 20 de julho de 2021
  4. Linha do tempo citando a participação de Paulo von Poser na 18ª Bienal de São Paulo, em 1985: [4] Acesso em 20 de Julho de 2021
  5. Informações e lista dos participantes da Bienal Internacional SIART 2007, mencionando Paulo von Poser: [5] Acesso em 20 de Julho de 2021
  6. Matéria sobre atividade de Paulo von Poser na 30x Bienal, em 2013: [6] Acesso em 20 de Julho de 2021
  7. Lista dos premiados Designboom Japão 2018 [7] Acesso em 20 de Julho de 2021
  8. Painel de Azulejos desenhados por Paulo von Poser no Site da Prefeitura do Estado de São Paulo: [8] Acesso em 20 de Julho de 2021
  9. Desenhos de Paulo von Poser no Teatro Guarany de Santos: [9] Acesso em 20 de Julho de 2021
  10. Livro: Paulo von Poser – A Cidade e a Rosa: [10] Acesso em 20 de Julho de 2021
  11. Livro:Um Viaduto Chamado Minhocão: [11] Acesso em 20 de Julho de 2021
  12. Obra de Paulo von Poser no Acervo da Pinacoteca no site: [12] Acesso em 20 de Julho de 2014
  13. Obra de Paulo von Poser no Acervo do Museu da Casa Brasileira, no site: [13] Acesso em 16 de Junho de 2021
  14. Matéria sobre a exposição acessível em: [14] Acesso em 11 de Janeiro de 2020
  15. Matéria sobre a exposição acessível em: [15] Acesso em 20 de Setembro de 2019
  16. Matéria sobre a exposição acessível em: [16] Acesso em 20 de Julho de 2021
  17. Matéria sobre a exposição disponível em:  [17] Acesso em 20 de Julho de 2021
    • 2011 – Gravuras em Metal - Santos Arquidecor - Santos/SP, Brasil
    • 2011 – Imagens da Cidade de São Paulo <ref>Saiba mais sobre a exposição em: [19] Acesso em 30 de setembro de 2014
  18. Site Bienal Internacional de Arte Siart citando Paulo von Poser como expoente em: [20] Acesso em 30 de setembro de 2014
  19. Matéria sobre a exposição Flor na Arte e na Arquitetura em: [21] Acesso em 30 de setembro de 2014
  20. Entrevista com Paulo von Poser sobre a exposição Vistas de São Paulo em: [22] Acesso em 30 de setembro de 2014
  21. Nota sobre a exposição no site do jornal Folha de S.Paulo em [23] Acesso em 30 de setembro de 2014
  22. Matéria sobre a exposição no site do jornal Folha de S.Paulo em: – Galeria Collectors Acesso em 30 de setembro de 2014
  23. Matéria de Celso Fioravante sobre a exposição Mar de Rosas no jornal Folha de S.Paulo em: [24] Acesso em 30 de setembro de 2014
  24. Imagens da Exposição A Presença no Site do Espaço Useche em: [25] Acesso em 30 de setembro de 2014
  25. Matéria sobre a exposição coletiva disponível em: [26] Acesso em 20 de Julho de 2021
    • 2021 - Portos – SESC Santos – Santos/SP, Brasil. São Paulo/SP, Brasil.<ref>Matéria sobre a exposição coletiva e lista com artistas participantes acessível em: [27] Acesso em 20 de Julho de 2020
  26. Matéria sobre a exposição coletiva acessível em: [28] Acesso em 19 de Janeiro de 2021
  27. Matéria sobre a exposição coletiva acessível em: [29] Acesso em 11 de Janeiro de 2020
  28. Matéria sobre a exposição coletiva acessível em: [30] Acesso em 20 de Setembro de 2019
  29. Matéria sobre a exposição coletiva acessível em: [31] Acesso em 4 de outubro de 2016
  30. Maiores informações sobre o festival e a lista completa dos artistas participantes acessível em: [32] Acesso em 4 de outubro de 2016
  31. Matéria no programa jornalístico Em Pauta da Globo News sobre a Mostra Rios e Ruas acessível em: [33] Acesso em 4 de outubro de 2016
  32. Matéria sobre a exposição Blow Up no site Bolsa de Arte em: [34] Acesso em 4 de outubro de 2016
  33. Matéria sobre a exposição Paulo von Poser no site da Galeria Lume em: [35] Acesso em 28 de abril de 2015
  34. Imagem da obra exposta na galeria de imagens da Galeria Smith em: [36] Acesso em 28 de abril de 2015
  35. Matéria sobre exposição coletiva citando Paulo von Poser como artista participante disponível em: [37] Acesso em 23 de Outubro de 2020
  36. Imagens da abertura da exposição Cidade Objeto em: [38] Acesso em 28 de abril de 2015
  37. Matéria sobre a exposição em: [39] Acesso em 28 de abril de 2015
  38. Saiba mais sobre Chemin d'art em: [40] Acesso em 28 de abril de 2015
  39. Bate-papo com os artistas Paulo von Poser e Cristina Guerra sobre a exposição Você Está Aqui em: [41]Acesso em 30 de setembro de 2014

Ligações externas[editar | editar código-fonte]