Pedro Jack Kapeller

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Question book.svg
Esta página ou secção não cita fontes confiáveis e independentes, o que compromete sua credibilidade (desde fevereiro de 2010). Por favor, adicione referências e insira-as corretamente no texto ou no rodapé. Conteúdo sem fontes poderá ser removido.
Encontre fontes: Google (notícias, livros e acadêmico)

Pedro Jack Kapeller também conhecido como Jaquito, era sócio e vice-presidente da Bloch Editores quando Adolpho Bloch e Oscar Sigelmann Bloch faleceram.

Durante os três primeiros anos de sua administração como presidente da empresa, um dos principais objetivos de Jaquito era de não somente colocar em dia os salários atrasados dos funcionários como também pagar dívidas assumidas por Hamilton Lucas de Oliveira, o qual comprou a TV em 1992.

Durante a administração de Jaquito, de 1995 a 1998, a empresa aumentou o faturamento em 300%, aumentou os salários, lançou grandes produções, como Xica da Silva e Mandacaru, e dobrou a circulação de suas revistas. Mas foi apenas um episódio rápido, que significou o último suspiro da Rede Manchete.

Apesar de um grande começo, em 1998, a economia brasileira começou a mostrar cansaço, devido principalmente a alta dívida externa e crises internacionais como na Rússia e da Ásia. Grandes bancos brasileiros faliram ou foram comprados, e assim, não somente linhas de créditos foram reduzidas como também juros foram aumentados.

Esta condição macro econômica desfavorável adicionado ao fracasso no IBOPE da telenovela Brida, escrita por Jayme Camargo e baseada no best-seller de Paulo Coelho, e da queda de vendagem de suas principais revistas, que tiveram um grande impacto no faturamento e nas contas das empresa. Salários foram atrasados, fornecedores não foram pagos, e a empresa não foi capaz de cumprir com suas obrigações.

Adolpho Bloch, Oscar Sigelmann Bloch e Pedro Jack Kapeller foram os três que comandavam e traçavam a direção da empresa nos últimos 48 anos.

A Rede Manchete saiu do ar definitivamente em 1999 sendo substituída pela RedeTV! comanda por Amilcare Dallevo e Marcelo de Carvalho. A Bloch Editores não existe mais, e as únicas revistas que ainda existem em circulação são a Ele & Ela e Pais & Filhos, porém geridas pela Manchete Editora, de Marcos Dvoskin.

Atualmente controla a empresa Bloch Som e Imagem, que é responsável por manter preservadas as novelas produzidas após 1995. Sendo estas: Tocaia Grande, Xica da Silva, Mandacaru e Brida. Além disso desempenha a função de publicitário, na BCD Consultores no Rio de Janeiro.

A Rádio Manchete continua sendo de sua propriedade, porém encontra-se arrendada desde 2002 a diversos conglomerados empresariais. Em 2013, o controle da emissora voltou para as mãos de Pedro Jack Kapeller.