Pedro da Silva Martins

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
Pedro da Silva Martins
Pedro da Silva Martins
Informação geral
Nome completo Pedro da Silva Martins
Nascimento 11 de maio de 1976 (43 anos)
Origem Lisboa
País Portugal Portugal
Gênero(s) Música popular, fado
Instrumento(s) guitarra
Período em atividade 2006[1] - presente

Pedro da Silva Martins (Lisboa, 11 de Maio de 1976) é um compositor, letrista e guitarrista português, celebrizado pelo grupo Deolinda (do qual é autor de todas músicas e letras) e pela autoria de canções para outros artistas e interpretes como Mariza, Ana Moura, António Zambujo, Cristina Branco, Helder Moutinho, Melech Mechaya, Anabela, Marafona e Rita Redshoes.

Foi autor de vários textos e argumentos para televisão portuguesa.

Como músico, foi membro fundador do grupo "Bicho de 7 cabeças", onde se destacou como letrista.

Em 2006, surge o grupo Deolinda, a partir de 4 canções que compôs. É o autor de todas as músicas e letras do grupo. Alguns dos principais sucessos musicais da banda são Movimento Perpétuo Associativo, Fon Fon Fon, Fado Toninho, Clandestino, Mal por Mal, Um Contra o Outro e Passou por Mim e Sorriu ou Seja Agora. É ainda autor da letra e da música Parva que Sou que rapidamente se tornou um hino da juventude.

Em 2013 venceu o Prémio "Melhor Canção do Ano" de 2012 com o tema "Desfado", escrito para o disco homónimo de Ana Moura, atribuído pela Sociedade Portuguesa de Autores. A mesma canção ganha, em Maio de 2013, o Globo de Ouro para Melhor Canção.

Em dezembro desse ano, compõe um tema para o espectáculo de Videomapping "Circo de Luz" no Terreiro do Paço.

Em 2014, o álbum "Desfado" ganha o prémio Amália para melhor disco, com a seguinte menção honrosa ao tema: “O júri decidiu atribuir o prémio a este álbum pelo que ele encerra de qualidade poética, musical e interpretativa. Mas, sobretudo, brindar a originalidade do tema que lhe dá título e que em nada belisca a tradição, na inovação para a evolução” [2]

Em Outubro de 2014, a convite do ilustrador João Fazenda, estreou-se na escrita para teatro na peça infantil intitulada "Retrato Falado", que esteve em cena no Teatro Maria Matos.[3]

Em Novembro de 2014, é uma das 30 figuras da música portuguesa escolhidas para a edição especial dos 30 anos da revista Blitz.[4]

Em Julho de 2015 é editado o livro infantil "Porque Chora o Rei?", do qual é co-autor com Ana Leonor Tenreiro. O livro tem ilustrações de João Fazenda. [5]

Em 2016, o àlbum "Mundo" de Mariza, o qual inclui o tema "Saudade Solta" é nomeado para os Grammy Latinos na categoria de “Melhor álbum pop contemporâneo em Língua Portuguesa”.

Em Março de 2016, tinha 6 álbuns e 23 canções no top 30 nacional de vendas. [6]

Em Dezembro de 2016, foi um dos 16 autores convidados pela RTP a compor um tema para o Festival da Canção 2017.[7] Convida Lena D´Àgua para cantar a música.

Em 2018 participa como autor no disco "Nação Valente" de Sérgio Godinho.

Em Abril de 2019 é co-autor, juntamente com Luis José Martins, da banda sonora para o espectáculo de Videomaping "Memórias de Abril" no Terreiro do Paço, inserido nas cerimónias dos 45 da revolução do 25 de Abril.

Em Maio, como autor e produtor, é responsável pelo disco "Desalmadamente" da Lena d´Água. Todas as composições e letras são da sua autoria, incluindo o tema-single "Grande Festa".

Grupos[editar | editar código-fonte]

Discografia[editar | editar código-fonte]

Com os Deolinda:


Com a Lena d´Água:


Composições para outros Artistas
2011

Não há só tangos em Paris - Cristina Branco, 2011, (é autor do tema-single: "Não há só tangos em Paris" que deu nome ao álbum)

2012

Ministério do Amor - Claud, 2012 (é autor do tema-single: "Esta coisa de andar triste")

Quinto - António Zambujo, 2012, (é autor dos temas: "Algo estranho acontece" e "Queria conhecer-te um dia")

Desfado - Ana Moura, 2012, (é autor do tema: "Desfado" que dá nome ao álbum e "Havemos de acordar" que tem a participação especial do saxofonista Tim Ries)

2013

Alegria - Cristina Branco, 2013, (é autor do tema "Digam o que digam" - a canção que no disco chama-se "Deolinda")

2014

Gente Estranha - Melech Mechaya, 2014 (é autor da letra do single: "Gente Estranha" que deu nome ao álbum)

Tardio - Ricardo Fino, 2014 (é autor do tema: "Nesta Enfermaria")

Rua da Emenda - António Zambujo, 2014 (é autor da letra e co-autor da música, com Luís José Martins, do tema "Despassarado" e co-autor da música "Valsa de um Pavão Ciumento" com letra de João Monge)

2015

Casa Alegre - Anabela, 2015 (é autor do tema: "Minhas Amigas")

Mundo - Mariza, 2015 (é autor da letra e co-autor da música, com Luís José Martins, do tema "Saudade Solta")

Moura - Ana Moura, 2015 (é autor da letra e co-autor da música, com Luís José Martins, do tema "Ai Eu")

2016

Está Dito! - Marafona, 2016 (é autor do tema "Chovesse Tinto")

Manual do Coração - Helder Moutinho, 2016 (é co-autor com Luís José Martins, dos temas "Manual do Coração" e "O Meu Coração Tem Dias" com letras de João Monge)

Eu - Fábia Rebordão, 2016 (é autor do tema "Suspiro")

Menina - Cristina Branco, 2016 (é co-autor com Luís José Martins, dos temas "Não Há Ponte Sem Nós" e "Saber Aqui Estar")

Her - Rita Redshoes, 2016 (é co-autor com Rita Redshoes, do tema "Vestido")

2017

Participação no Festival RTP da Canção 2017 com o tema "Nunca Me Fui Embora" cantado por Lena d'Água

Copo Meio Cheio - Marco Rodrigues, 2017 (é co-autor com Luís José Martins, do tema "Mal Dormido")

Luz - Cuca Roseta, 2017 (é co-autor da letra com Cuca Roseta, e da música com Luís José Martins do tema "Balelas"; é co-autor dos temas "Luzinha" e "Até ao Amanhecer" com Luís José Martins)

2018

Nação Valente - Sérgio Godinho, 2018 (é autor da música "Até já, Até já" com letra de Sérgio Godinho)

As Blue As Red - Elisa Rodrigues, 2018 (é autor da música e letra "Vai Não Vai")

Notícia de Abertura - Liana, 2018 (é autor da música e letra "Verde Para Crer")

Do Avesso - António Zambujo, 2018 (é autor da letra "Arrufo")

2019

Desalmadamente - Lena d'Água, 2019 (é autor da letra e música "Grande Festa")

Referências

Ligações externas[editar | editar código-fonte]