Pego da Moura

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
Pego da Moura

A Barragem do Pego da Moura ou Barragem do Pego da Mina é uma barragem romana, localizada na freguesia de Grândola, concelho de Grândola, distrito de Setúbal, declarada Imóvel de interesse público pelo Decreto 67/97,[1] DR 301, de 31 de Dezembro de 1997.

Situada no lugar das Represas, nas imediações da Estrada Nacional 120, que liga Grândola a Santiago do Cacém, entre Santa Margarida da Serra e Grândola, esta barragem, construída na época da ocupação romana do território português, foi apenas identificada já durante o século XX, concluindo-se o seu processo de classificação apenas em 1996.

A barragem é constituída por três muros, de secção rectangular, com seis contrafortes, apresentando uma altura máxima de aproximadamente 3 metros.

Ligações externas[editar | editar código-fonte]

Notas e Referências

Ícone de esboço Este artigo sobre Património de Portugal é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.