Penumbra

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
Diagrama exemplificando a umbra, penumbra e antumbra.
Disambig grey.svg Nota: Se procura pelo jogo eletrônico para computador, veja Penumbra: Overture.
Disambig grey.svg Nota: Se procura a banda francesa de metal gótico, veja Penumbra (banda).

Penumbra (do Latim pænes, "quase", e umbra, "sombra total") é a região em que somente uma parte do corpo ocultante está obscurecendo a fonte de luz (as outras regiões de sombra são a umbra, de sombra total, e a antumbra, região de eclipse anular). Um observador na penumbra vê um eclipse parcial. Para que exista a penumbra, é necessário que tenhamos uma fonte luminosa extensa, ou seja, não puntiforme. Uma fonte de luz puntiforme não projeta penumbra, apenas algo denominado umbra. Na terminologia legal, a penumbra é uma área cinzenta, onde uma parte da legislação não tem significado claramente definido.

Em neurologia, uma penumbra isquêmica é um perímetro de transição que envolve a área central do cérebro onde um acidente vascular cerebral isquêmico ocorreu. As células na penumbra ainda são viáveis​​, mas metabolicamente letárgicas, resultando em não-funcionais de neurônios com potencial para ser recuperado.

Ícone de esboço Este artigo sobre física é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.